Viver de Juros com o Tesouro Direto – Renda Mensal de 5 Mil Reais

ANÚNCIO

Ô lasqueira! Esse é um daqueles assuntos bons, quentes, fervorosos e que mexe com a cabeça de qualquer pessoa – quem não quer viver de juros e ter uma renda de 5 mil reais? Na real, isso é mais fácil do que muitas pessoas pensam. E pode ser conseguido através de poucas quantias aplicadas no Tesouro Direto.

Se você é menos otimista e quer ter rendimento mensal de apenas 2 mil reais, este artigo também é para você. Já se quer ter 10 mil reais, também. Aliás, ao invés do Tesouro Direto, se você precisa os Fundos de Investimentos, leia também – está tudo aqui.

ANÚNCIO

Só que antes de te falar como conseguir isto, vamos combinar algo. Você pode ler este artigo sem pressa e sem custo. Só vamos pedir uma coisa em troca: se você gostar da leitura, recomenda aos seus amigos.

Extra Extra – No Final do Artigo tem Bônus: Com Selic em 8,25% como ficam os Investimentos Financeiros?

As pessoas acham que viver de juros é coisa de outro mundo e não é – precisamos desmistificar isso! Topa participar dessa proposta? Mas você só precisa compartilhar se gostar, tá bom?

ANÚNCIO

Sobre Viver de Juros

Viver de Juros tem várias nomenclaturas nos dias de hoje – viver de renda, viver de aplicações financeiras, viver de investimentos financeiros, renda perpétua e por aí vai.

Tudo isso formam um grupo de expressões que são destinadas a todas as pessoas que buscam nada mais nada menos do que a famosa Liberdade Financeira.

Bom, já a liberdade financeira tem a ver com ser financeiramente independente, ou seja, você não precisa de ninguém para conseguir um dinheiro mensal.

Sim, você não precisa aguentar aquele seu chefe chato para ter o seu dinheiro no fim do mês e nem precisa agradar o seu cliente, para que ele compre os seus produtos.

A ideia de ser livre financeiramente é a de conseguir viver de juros, obviamente. E isso quer dizer que você terá uma renda todos os meses.

Era como funcionava a aposentadoria. Após se aposentar, o trabalhador recebia um salário mensal, o que era suficiente para pagar as contas e manter o padrão de vida. Com a Reforma da Previdência, todos sabem que essa história já não é bem assim.

Nova Reforma da Previdência? Invista 10% do seu salário e garanta sua aposentadoria sem depender do INSS

Aliás, viver de juros é mais do que isso porque você pode receber quanto quiser, ou melhor, quanto se dispor a receber. Da mesma forma, não precisa chegar aos 60 anos para conseguir tal feito – você pode fazer isso com 30, 35 ou 40 anos, dependendo da sua disciplina financeira.

Entenda, portanto, que estamos falando em viver de juros. Se o seu foco é ganhar dinheiro para comprar carros de luxo, iates, jatinhos… Esse artigo, infelizmente, não é para você. Ao contrário, se você quer ter uma renda todos os meses para custear seus gastos, leia e descubra como conseguir isso.

Viver de Juros no Tesouro Direto

Não vamos nos atentar muito a explicar o que é o Tesouro Direto, levando em conta que você já conheça. Se não conhece, leia nosso livro gratuito que explica.

Como Investir em Renda Fixa: O Guia Definitivo

Assim, especificamente levamos em consideração o Tesouro IPCA+ (antigo NTN-B, Nota do Tesouro Nacional Série B).

A projeção que fizemos foi baseada no título Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais e vencimento para 2050, que no dia desses cálculos estava rendendo 5,25%. A alíquota do imposto de renda calculado foi de 15%, incidente sobre aplicações de mais de 2 anos.

A justificativa para o uso do Tesouro IPCA+ é que ele é um título público, tornando-o totalmente seguro, já que o risco de calote da dívida pública é sempre menor do que da dívida privada – bancos, instituições financeiras.

Depois, também devemos nos atentar ao fato de que esse ativo se remunera sempre acima da inflação, o que é importante para que um investimento financeiro seja vantajoso.

Na prática é assim: se o Tesouro IPCA+ 2050 com Juros Semestrais rende 5,24% acima da inflação, isso quer dizer que se no próximo ano a inflação for de 10%, então o papel vai render os 10% mais os 5,24%.

Isso é Suficiente para Viver de Juros?

O rendimento de 5,24% é semestral, obviamente, e feito em dinheiro. Isso quer dizer que se você tem 1 milhão de reais investidos nesses títulos, a cada 6 meses você receberá cerca de 22,3 mil reais, descontados o IR.

Aí, seu investimento continua lá, intacto, como título público e você pode resgatar, corrigido pela inflação, na data vencimento. Se resgatar antes do vencimento, você pode ter perda, sem que seja possível prever de imediato.

Agora sim, para conseguir viver de juros no Tesouro IPCA+ 2050 com Juros Semestrais, veja quanto é preciso ter:

Renda Mensal                  Investimento Financeiro

  • 2 mil reais                                            538.841 reais
  • 5 mil reais                                            1.347.104 reais
  • 10 mil reais                                          2.694.207 reais
  • 15 mil reais                                          4.041.311 reais

Agora, se você quer ter retornos maiores, mas ainda sem correr grandes riscos. Tem a opção de alguns Fundos de Investimentos, confira abaixo.

Viver de Juros com Fundos de Investimentos

Essa opção é para quem aceita correr um pouco mais de riscos, mas não muito. A ideia é ter uma carteira de investimentos que somem os títulos públicos com os privados e que, obviamente, tenham taxas de administração baixas.

Neste caso citado, estaremos falando em rendimento real, ou seja, acima da inflação. Na estimativa, consideramos uma inflação de 4,5% ao ano e um CDI de 9,8% ao ano para os próximos 2 anos.

Nesse caso também, a simulação considerou um investimento de 80% da carteira em CDBs sem liquidez que pagam 199% do CDI e 20% em CDBs com liquidez diária que pagam 101% do CDI. Atualmente, eles são encontrados em bancos médios.

Esse cenário, porém, pode ser considerado por muitos, como desvantajoso porque torna mais difícil administrar o dinheiro. A simulação é muito simples, feita na proporção 80-20, mas na prática, você precisará saber de cálculos.

Se você quiser alterar, fique à vontade, mas, como recomendação, os especialistas afirmam que sempre é considerável deixar 20% da carteira em liquidez diária.

Renda Mensal                  Investimento Financeiro

  • 2 mil reais                                            433.324 reais
  • 5 mil reais                                            1.083.309 reais
  • 10 mil reais                                          2.166.619 reais
  • 15 mil reais                                          3.249.928 reais

Se você achou os valores bastante altos e tem quantias um pouco abaixo disso para investir inicialmente, continue lendo. Vamos fazer simulações de aplicações financeiras de 100 e 10 mil reais. Confira.

100 Mil Reais… Qual o melhor investimento financeiro de baixo risco?

Se você já tem 100 mil reais para investir, é provável que consiga um rendimento mensal de até 500 reais, conforme projeções do economista Pedro Vartanian Raffy.

Considerado as aplicações de baixo risco, ele fez a seguinte projeção:

Aplicação          Rentabilidade Líquida 12 meses

  • Poupança                            5%
  • Tesouro Selic                       5,62%
  • CDB a 90% do CDI              5,22%
  • CDB a 100% do CDI            5,80%
  • CDB a 110% do CDI            6,38%

Considerando os rendimentos anuais e mensais, o especialista também fez uma projeção.

Aplicação    Rendimento Anual   Rendimento Mensal

  • Poupança                           5 mil reais                           407 reais
  • Tesouro Selic                      5.620 reais                          457 reais
  • CDB 90%                           5.220 reais                          425 reais
  • CDB 100%                         5.800 reais                          471 reais
  • CDB 110%                         6.380 reais                          517 reais

Uma boa observação a se fazer é que um CDB de banco médio ou pequeno pode render até 1 mil reais a mais do que poupança em um prazo de 12 meses, e claro, se respeitado o prazo de vencimento do título.

10 Mil Reais… Qual o melhor investimento financeiro de baixo risco?

O especialista também fez cálculos para pessoas que tem 10 mil reais para investimentos financeiros. Na poupança, isso renderia 500 reais em 12 meses, mas em um bom CDB, o ganho seria de 580 reais.

Confira a tabela por ele montada que dá uma projeção para um investimento de 12 ou 24 meses.

Aplicação           12 Meses            24 Meses

  • Poupança                            500 reais                        1.015 reais
  • Fundos DI                           506 reais                        1.064 reais
  • Tesouro Selic                       562 reais                        1.185 reais
  • CDB 90%                            522 reais                        1.099 reais
  • CDB 100%                          580 reais                        1.225 reais
  • CDB 110%                          638 reais                        1.352 reais

Como ele diz, os números já descontam os impostos e a taxas.

E, vale levar em conta também que se o investidor buscar liquidez diária, ele poderá optar pelos CDBs que rendem 100% do CDI, além do Tesouro Selic.

7 Mil Reais… Qual o melhor investimento financeiro de baixo risco?

Hugo Crespi Junior é especialista em investimentos financeiros, também. Ele fez uma simulação para quem quer ter um rendimento mensal de 7 mil reais em 20 anos, baseado em pessoas que está pensando na aposentadoria e querem manter o padrão de vida.

“Considerando uma boa aplicação, com juros reais líquidos de 4% ao ano, você teria que poupar 5 mil reais corrigidos mensalmente”, ele diz.

“Ou usar a alternativa, considerando aposentar um pouco mais tarde, daqui 30 anos, você poderia obter a mesma renda com uma poupança mensal de 2,5 mil reais”.

Tesouro Selic e Poupança em 10 Anos… Qual o Melhor

Para quem conhece o mínimo do Mercado Financeiro, já sabe que a poupança está longe de ser o melhor investimento financeiro. O Tesouro Direto, na contramão, tem ganhado adeptos devido à sua melhor rentabilidade e à sua facilidade de aplicação.

O especialista também fez uma comparação sobre esses dois investimentos em 10 anos.

Quem aplicou 100 mil reais na poupança em 2007 teria hoje um saldo de 201 mil reais. Já quem optou pelo Tesouro Selic, ficou com 319 mil reais, descontado o imposto de renda.

Um rendimento superior em 219 mil reais, mais do que o dobro.

A tabela abaixo refere-se ao saldo final do investidor após deixar a quantia investida na última década, descontado todos os impostos e as taxas.

Aplicação                Patrimônio Acumulado

  • Poupança                                          201.225 reais
  • Tesouro Selic                                     257.919 reais
  • Tesouro IPCA+                                  381.134 reais
  • Média do Tesouro                              319.527 reais
  • CDB 119% do CDI                             308.556 reais
  • Inflação – IPCA                                 182.625 reais

Consideração Final: Cuidado com Ativos que Rendem CDI

O cuidado aqui é para com as instituições que vendem ativos que rendem até 150% do CDI, o que é praticamente impossível. Se você observar nas entrelinhas, não compromisso da instituição em pagar esse valor se você investir nela.

O que ela mostra é um resultado de um investimento financeiro da renda variável (mercado de ações), que coincidiu com um rendimento equivalente à essa porcentagem sobre o CDI nos últimos meses, mas isso não tem a ver com a rentabilidade.

Aliás, o CDI – Certificado de Depósito Interbancário – é uma taxa de juros que os bancos cobram quando emprestam dinheiro uns para os outros, por um dia. O que vem acontecendo é que muitas empresas tem citado CDI na renda variável.

Assim, quando você ver que “nossa carteira rendeu x% do CDI” é bom ficar atento se essa carteira não está cheia de ações ou outros ativos que não são referenciados pelo CDI.

Bônus: Com Selic em 8,25% como ficam os Investimentos Financeiros?

Milton Galvão é da FMU e fala sobre a redução dos juros. “As opções dependem do perfil de cada individuo. Profissionais jovens têm menor aversão a riscos e podem investir em renda variável, já aqueles em faixa de idade mais avançada devem buscar a segurança da Renda Fixa”.

Investimentos de 10 mil Reais com a Selic em 8%

PoupançaR$ 10.566
CDB (95% DI)R$ 10.625
LCI/LCA (90% DI)R$ 10.717
Tesouro SelicR$ 10.658
Fundos (taxa administração de 0,3%)R$ 10.606

Investimentos de 50 mil Reais com a Selic em 8%

PoupançaR$ 52.830
CDB (95% DI)R$ 53.129
LCI/LCA (90% DI)R$ 53.587
Tesouro SelicR$ 53.293
Fundos (taxa administração de 0,3%)R$ 53.033

Investimentos de 200 mil Reais com a Selic em 8%

PoupançaR$ 211.323
CDB (95% DI)R$ 212.517
LCI/LCA (90% DI)R$ 214.348
Tesouro SelicR$ 213.175
Fundos (taxa administração de 0,3%)R$ 212.133

As tabelas acima foram baseadas em dados do Banco Central, Tesouro Nacional, Portal Simulador Investimento e ADVFN.

Com informações do dinheiropraviver

ANÚNCIO