POLÊMICA: trabalhar não enriquece ninguém? Saiba tudo

ANÚNCIO

Você já ouviu falar, alguma vez na vida, que trabalhar não enriquece ninguém, certo? Mas, será verdade? A própria Bíblia diz que “trabalhar dignifica o homem”. No entanto, isso pode gerar várias conclusões e opiniões. Então, vamos analisar isso do ponto de vista financeiro.

Para isso, a gente vai ter que analisar alguns pontos chaves. Só que não se preocupe: vamos prometer a você que não vamos deixar o texto chato, nem técnico ou algo do tipo. Será uma leitura leve, breve e que você vai ler em poucos minutos. Combinado?

ANÚNCIO

Assim sendo, a gente vai precisar falar sobre a sua relação com o seu trabalho atual e o que você tem feito para enriquecer, obviamente. Afinal, será que trabalhar basta? Obviamente, não. Agora, o que você faz com o dinheiro que recebe, isso sim faz diferença. Vamos entender.

O seu trabalho atual

Para saber se trabalhar não enriquece ninguém mesmo, vamos começar pensando sobre o seu trabalho atual. Brevemente, reflita aí: você gosta do seu trabalho? Você trabalha só pelo dinheiro? Ganha o que julga ser suficiente? Você está satisfeito?

Isso tudo é importante por alguns motivos. O primeiro é que você passa grande parte do seu dia e da sua vida trabalhando. Logo, se você não está feliz ou não gosta do trabalho, então, provavelmente, você não será alguém feliz na maior parte da sua vida.

ANÚNCIO

Conheça as 5 principais tendências de trabalho pós-pandemia

Estamos dizendo para você pedir demissão? Calma, não é bem assim. Mas, essa análise é importante de ser feita. Ainda sobre o trabalho, temos uma nova pergunta: você está enriquecendo o seu patrão, óbvio. No entanto, está se enriquecendo também?

Para responder isso, a gente precisa ir para um próximo tópico, que é sobre o que você anda fazendo com o seu dinheiro. Bora lá?

O seu dinheiro atual

Bom, como falamos, a ideia é deixar o texto leve e compreensível. Então, vamos recapitular: nós falamos sobre trabalhar com o que gosta porque você passará uma boa parte da vida trabalhando, correto? O próximo passo é agora, falar sobre o seu dinheiro atual.

Quando você trabalha para alguém ou alguma empresa, nem sempre você aumenta o seu salário conforme o lucro da empresa. Assim, você mantém uma média salarial por longos anos. Logo, ainda que você suba de cargo e tenha benefícios, enriquecer não é algo simples.

Vamos supor que você começou ganhando R$ 1 mil no início da carreira e agora subiu de cargo e está ganhando R$ 5 mil. Ótimo. No entanto, você casou, tem filhos, uma casa e um carro para pagar. Então, ainda temos que pensar na inflação, etc.

Sendo assim, você está ganhando a mais, porém, ainda não enriqueceu, certo? E mesmo que tem uma casa no seu nome e um carro na sua garagem, isso não significa riqueza, de fato. Logo, dá para enriquecer mesmo ganhando entre R$ 1 mil e R$ 5 mil? Sim.

O que fazer com o dinheiro

Se você se identificou com a parte de cima do texto é porque você tem uma vida regular. Mesmo que não atrase com as contas, você tem parcelas do carro, da casa, da moto, da escola para pagar. E sem falar na conta de água, luz, energia. Ou das compras das roupas, etc.

E isso não é uma crítica e não tem problema algum. Mas, para vermos como trabalhar não enriquece ninguém, você precisa pensar que uma boa parte ou tudo do seu salário está indo embora, dizendo tchauzinho para você, correto?

É por isso que trabalhar, mesmo que seja por 60 anos da sua vida, não vai te deixar rico. Agora, tem um jeito de mudar esse jogo – e independente de quanto você ganha. Quer saber o que é? O investimento financeiro.

Se você começar a investir dinheiro, você vai enriquecer. E dá. A verdade é que dá. Mesmo que você ganhe um único salário mínimo. O importante é você pensar na porcentagem e não no valor em si. Então, vamos usar 10%, ok?

Investindo 10% do salário

Quanto mais você trabalha, mais você enriquece o seu patrão. Agora, quanto mais você investe, mais você fica rico. É uma conta simples e totalmente proporcional. Logo, você precisa do dinheiro para investir, por isso, é importante trabalhar.

E vamos supor que no início da carreira você investia R$ 100 (10% do R$ 1 mil). Hoje, você consegue manter os 10% e está investindo R$ 500 todos os meses. Pode ter certeza que ao longo dos anos você terá um bom patrimônio acumulado. Isso é riqueza.

E é até melhor do que o carro que você tem na garagem e vai desvalorizar. Ou até mesmo do que a sua casa, que vai depreciar também – além dos gastos que ela gera. “Ah, mas essa poupança fica parada lá”.

Também não é assim que funciona: você pode usar o dinheiro de lá quando quiser. Essa é a diferença. Porque se você não investir, você nunca terá dinheiro algum para usar justamente porque está enriquecendo apenas o seu patrão.

Então, trabalhar não enriquece ninguém?

De fato, se analisarmos tudo o que foi dito aqui e todos os pontos de vistas financeiros, vamos ver que trabalhar não enriquece ninguém. Porém, o que a pessoa faz com o dinheiro sim, isso pode deixa-la rica.

trabalhar não enriquece ninguém

Agora, só uma pergunta aqui: você está investindo quantos por cento do seu salário? Essa é a pergunta certa para se fazer. E se você ainda não tem uma resposta é porque ainda não está enriquecendo, pense nisso.

ANÚNCIO