Os 5 tipos de financiamentos financeiros que você tem que tomar cuidado

ANÚNCIO

Nos dias de hoje são tantos os tipos de financiamentos financeiros que existem no país, que a gente nem se dá conta de tão numerosos que eles são. De qualquer modo, você tem que se atentar a eles para que eles não se tornem dívidas no futuro.

E se você não se deu conta ainda, a gente vai explicar um detalhe bem simples: um financiamento financeiro nada mais é do que um tipo de empréstimo que a gente recebe de outras instituições. Eles permitem a compra de vários itens, objetos, bens.

ANÚNCIO

Por um lado, isso pode ser bom porque vai permitir uma compra parcelada e paga ao longo dos meses. Do lado negativo, temos os juros, as tarifas e as taxas que vão fazer com que a gente pague bem mais pelo que pegamos emprestados.

E, por isso mesmo, todo cuidado é pouco com esse tipo de produto financeiro.

Os tipos de financiamentos financeiros

A gente fez uma lista breve com os principais tipos de financiamentos financeiros que existem aqui no Brasil. Cada um deles é um empréstimo que é focado na compra de algum tipo de bem ou produto. Continue lendo para conhecê-los melhor.

ANÚNCIO

1 – Financiamento Imobiliário

O financiamento de imóveis é um dos mais conhecidos do país. Ele é muito famoso em grandes bancos como a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil. De um modo geral, é um empréstimo para comprar imóveis, como casas, apartamentos, terrenos, escritórios.

Entre as principais condições desse tipo de financiamento temos: prazos longos e parcelas que cabem no bolso. No entanto, é muito raro encontrar financiamentos que não exigem parcelas de entrada. De qualquer forma, muita gente usa para realizar o sonho da casa própria.

2 – Financiamento de Veículos e Motos

Outro dos mais famosos financiamentos do Brasil é para comprar automóveis ou motos. Ele acaba sendo uma ótima opção para quem quer ter um veículo e não tem todo dinheiro para comprar à vista.

É famoso em vários bancos, além dos grandes. E, de modo geral, é bem menor do que os financiamentos de imóveis, sendo que duram, na maioria das vezes, até 60 meses. Em alguns casos, dá para financiar sem dar entrada.

3 – Financiamento Estudantil

O financiamento para estudantes mais conhecido do país é o FIES, que é o do governo federal e tem algumas regras mais flexíveis. Ele permite o pagamento da faculdade após o termino do curso, o que sugere que o estudante tenha um novo emprego para quitar o débito.

No entanto, infelizmente, tem crescido muito o número de inadimplentes no país por conta desse tipo de empréstimo. O motivo é que nem sempre a pessoa consegue sair da universidade e arrumar um bom emprego.

Os 5 tipos de financiamentos financeiros que você tem que tomar cuidado

4 – Financiamento Empresarial

Também existem o financiamento para empresários, que quase sempre são solicitados em bancos e servem para a realização de sonhos profissionais, como a abertura de um novo negócio ou a compra de materiais para abrir um escritório, por exemplo.

Tem ainda quem use os recursos como capital de giro, para pagar funcionários ou comprar mercadorias, e fazer o negócio girar, literalmente. O problema é que esse tipo de empréstimo costuma ser bem caro, apesar de ser muito comum para os pequenos empreendedores.

Saiba mais – Descubra como escolher um financiamento de um carro para você

5 – Financiamento da Fatura do Cartão de Crédito

O último dos tipos de financiamentos financeiros que vamos citar aqui é o da fatura do cartão de crédito. Acredite: ele é um dos mais caros e mais terríveis e que mais endividam as pessoas aqui no nosso país. Por isso, todo cuidado é pouco com ele.

Esse tipo de financiamento nada mais é do que um parcelamento da fatura do cartão que você tem, mas não está conseguindo quitar por inteiro. Aí, o banco acaba te “ajudando” ao te deixar pagar parceladamente. O problema é que isso custa muito caro para você.

O Brasil é campeão na cobrança de juros em todos os tipos de financiamentos citados até aqui. No entanto, os cobrados no cartão de crédito e no cheque especial são recordistas. E, para muitos especialistas, é um verdadeiro abuso financeiro.

Os cuidados que se deve ter em todos os financiamentos

Os 5 tipos de financiamentos financeiros que você tem que tomar cuidado

Para finalizar este conteúdo, temos que nos atentar em dizer que você deve ter muito cuidado ao solicitar um financiamento no nosso país e em qualquer lugar do mundo. Eles sempre possuem juros e isso sempre vai ser ruim para o consumidor.

Então, qual é a dica que se deve considerar antes de todas as outras? É sobre a análise do CET, que é o Custo Efetivo Total. O CET tem que ser passado ao consumidor antes dele assinar o contrato. E é o CET que vai mostrar todas as taxas inclusas no produto.

Mas, não basta você saber o CET. O ideal é que você consiga comparar esse produto com outro produto semelhante ou de outra instituição. O CET vai incluir as taxas de juros, as tarifas, os prazos, os impostos, tudo. Portanto, ele é o que você deve analisar, sempre!

Agora que você conhece os principais tipos de financiamentos financeiros e sabe o principal cuidado que se precisa ter, saiba que está mais do que na hora de começar a tomar melhores decisões financeiras, né.

As alternativas

E se você precisa de comprar um carro, uma moto, um caminhão, uma casa, um escritório ou não tem dinheiro para pagar a faculdade ou a fatura do cartão, saiba que existem alternativas melhores e mais baratas. A saída é procurar.

Mas, para se ter uma ideia, o empréstimo pessoal consignado acaba sendo uma ótima forma de conseguir dinheiro para pagar o cartão, por exemplo. Assim como ele também serve para custear os anos de faculdade. No caso de imóveis e carros, temos os consórcios, por exemplo.

ANÚNCIO