Você é otário ou quer Ficar Rico?

Você é otário ou quer Ficar Rico?

 

Como é que o pobre fica rico?

Esse, vamos dizer assim, é o tipo de reclamação que a gente recebe o tempo todo nos comentários do nosso canal. “Ah é muito fácil, Trovó, quem é rico ganhar dinheiro e para quem é pobre só sobra as contas para pagar, não sai do lugar”.

Vamos clarear um pouquinho a sua mente sobre isso aí, tá?

Primeiro, se você é pobre e quer ficar rico, a primeira coisa que você tem que fazer é se afastar da manada, literalmente. O que é manada? São as pessoas que ficam lhe puxando para baixo e que tem aquele pensamento – aquela limitação, aquela crença – limitante na cabeça.

Desde quando você cresceu você escuta a mesma coisa: “Poxa, você precisa estudar, fazer faculdade, ter um bom salário, comprar uma casa, ter um bom plano de aposentadoria para quando você envelhecer você não sofrer”. Só que o que mais temos hoje são idosos passando um aperto danado no nosso país e o que mal eles ganham, serve para pagar os remédios e o plano de saúde.

Então, você só vai conseguir ser rico pensando diferente da maioria e isso é muito difícil. Se você pensar igual à maioria sabe o que vai acontecer? Você vai ser pobre. A maioria da população é pobre. Isso é estatística, pessoal. 90% da população é pobre. Então, se você continuar fazendo exatamente o que todo mundo faz, não tem como você ser rico, você vai ser pobre.

“Ah aquele cara abriu um comércio e está ganhando dinheiro, vou fazer igual”.

Você vai ser pobre. Por que sabe quem vai ganhar dinheiro? Quem sai da caixinha, quem revoluciona, quem faz coisa diferente, quem tem ideias. Não adianta copiar as outras pessoas, você não vai conseguir fazer igual, não vai. Você tem que ter iniciativa. Para de copiar as pessoas, para de copiar o que a maioria faz. A maioria é pobre, se você quer ser rico, você não pode copiar a maioria.

É muito simples na minha cabeça, isso. Nossa! Para de copiar a maioria, pare de ficar escutando conselho de quem não consegue chegar lá. Você vai ter que mudar a chavinha que fica na sua cabeça. Todo santo dia tem 10 novos brasileiros que alcançam a marca de 1 milhão. Bom, se têm 10 brasileiros que alcançam por que não ser você?

Brasil insere 208 mil pessoas entre os 10% mais ricos do mundo.

O que eles têm diferente de você? Você acha que deram sorte? Eles fazem coisas diferentes. Eles procuram ideias. Hoje, para você ganhar dinheiro, basta você ter ideia e força de vontade. Você não precisa nem ter dinheiro, basta ter ideia e força de vontade e começar a receber juros. 90% desses milionários começaram do zero absoluto.

“Ah Trovó, é muito fácil: é só você casar com uma pessoa rica”.

Se você tiver o dom da lábia e for o Don Juan aproveita esse talento, faça isso. Faça, aproveita! Se você tem o dom da lábia e tem a cara de pau de conseguir casar com uma pessoa por dinheiro, faça isso.

Ganhar na loteria é para poucos e o menos provável: receber herança. Também pouquíssimas pessoas vão receber isso aqui tudo. Isso aqui não passa de um conto de fadas. A população se prende a isso porque quando você é criança é isso que você escuta: se você não casar com uma pessoa rica, não ganhar na loteria, não receber herança não tem como você ser rico, filho.

4 coisas sobre dinheiro que deveriam ser ensinadas na escola.

E você vai colocar isso como uma limitação na sua cabeça. E sabe o que vai acontecer? Você vai continuar pobre, vai invejar quem é rico e vai achar a vida inteira que aquilo não é para você. Que você é um azarado! Isso aqui é o menos provável. Isso aqui é conto de fadas, só acontece na história da Disney.

A minoria das pessoas passa por isso, a maioria tem ideias, a maioria investe, a maioria recebe juros. A mágica dos juros compostos faz toda diferença para você aumentar patrimônio. Esse é o pulo do gato!

Outro ponto: se você é pobre e quer ficar rico vai ter que controlar suas finanças independente de quanto você ganha, não tem jeito. Se você quer ganhar dinheiro, primeiro você tem que parar de perder dinheiro e a forma mais rápida de parar de perder dinheiro é parar de pagar o mínimo da fatura do seu cartão.

Se você tem o costume de pagar o mínimo da fatura do seu cartão – me desculpe o que eu vou te falar, mas eu vou repetir – se você tem o costume de pagar o mínimo da fatura do seu cartão, você nunca vai ser rico sabe por quê? Porque toda vez que você paga o mínimo da fatura do seu cartão, você está pagando juros.

Já falei isso aqui, em outros vídeos, a diferença entre a pobreza e a riqueza é que na riqueza você recebe juros e na pobreza você paga juros. Se você está pagando juros, está caminhando para a pobreza e quem que está enriquecendo é o banco. Então, controla as finanças!

“Qual é a regrinha para controlar as finanças, Trovó”?

Para você não se perder, pega 70% do seu salário líquido – não é o bruto porque tem desconto: uma parte vai para o governo e isso faz parte da regra do jogo, não adianta você chorar. Então, o que você tem que considerar? Tem que considerar o seguinte: é o seu salário líquido, independente do valor, pega 70% disso e aprenda a viver com esse dinheiro.

Se você não consegue viver com 70% do valor do seu salário para pagar as contas, você nunca vai ser rico, nunca. Aprenda a viver em cima do seu padrão de vida. Se você quer melhorar o seu padrão de vida, aprenda a viver no seu padrão. Se você quer ter um estilo de vida que não é compatível com o seu salário, você nunca vai ser rico. Isso é super importante, tá?

Já sabe o que são dívidas. Descubra!

Outro ponto: 20% do seu salário líquido você tem que guardar para uma emergência porque ela vai acontecer uma hora. Você vai bater o carro e não vai ter seguro, outra hora você vai ter um divórcio e você vai ter que pagar alguma coisa, vai ter que pagar pensão, outra hora você vai perder o emprego e vai precisar do dinheiro de emergência.

Essas dificuldades da vida vão acontecer, vão acontecer e quando você não tem reserva de emergência, sabe o que é que vai acontecer? Você vai ter que fazer um empréstimo do banco e aí quando você empresta dinheiro do banco você paga juros e se pagou juros vai continuar pobre. Então, você não pode depender de banco. O banco não está aqui para te ajudar, o banco está aqui para enriquecer e ele vai enriquecer em cima de pessoas que não tem controle de finanças. Então você não pode ser assim.

Fuja dos Empréstimos dos Bancos.

Se existem pessoas que conseguem porque que você não consegue? Onde é que está a sua dificuldade? “Ah, eu não sei por onde começar”? Então, siga essa regra aí!

E 10 % você investe! Só vai conseguir aumentar de patrimônio recebendo juros. Isso é muito claro, anota na parede de sua casa: só vai conseguir ficar rico recebendo juros e não pagando. Pagou juros, não vai sair do lugar, vai ficar pobre.

Você vai pegar 10% do seu salário e vai investir em empresas que estão valorizando e não desvalorizando. Essa é outra burrice que a gente aprende quando criança que tem que comprar coisa barata. Coisa barata! Vou esperar ficar barato que é bom! Tomem cuidado com: comprar barato é bom! Tem uma diferença enorme entre uma coisa ser barata e uma coisa ser desvalorizada.

Temos um vídeo específico e bem curtinho explicando detalhadamente como é possível poupar 10% do salário. Veja aqui.

Como Investir Ações?

Se você comprar uma coisa que é desvalorizada a tendência e ela ficar cada vez mais barata e você vai perder dinheiro, então, o barato é diferente de desvalorizado. Vou dar um exemplo para vocês: empresa barata é muito diferente de empresa desvalorizada.

Coloquei aqui para vocês duas ações de duas empresas. Olha que interessante: a primeira empresa aqui é a empresa A. O preço da ação custava 50 reais e quando chega a 30 a população pensa assim: “Nossa, está barata vou comprar porque se voltar a 50 eu quase dobro o meu patrimônio”.

Então, esse é o pensamento de uma pessoa pobre. Por quê? Ela aprendeu, desde criança, que só vale a pena comprar coisas baratas.

Aí a empresa chegou a 35 reais e aí daqui a pouco “boom”, caiu para 20! “Nossa, agora está muito barata. Essa empresa chegou a custar 50 e agora está 20. Meu Deus do Céu, eu tenho que aproveitar e comprar essa ação de qualquer jeito. E vou comprar a 20 porque se ela voltar a 50 eu quase triplico o meu capital”.

Reprodução: Google
Reprodução: Google

Aí ela sobe mais um pouquinho e cai para 18. ”Nossa, se eu tivesse mais dinheiro eu ia investir tudo aqui. Queria ter mais dinheiro”. E aí você vai e fala para o seu amigo: “Cara, você tem dinheiro aí? Porque tem uma empresa aí que está muito boa e ela está muito barata. Se tem um carro, vende o carro, vende a casa, cara. Compra essa empresa, ela está 18 reais. Na hora que voltar para 50 reais, você vai lavar a égua. E está barato. Caiu mais: 15 reais. 10 reais. Vamos comprar que está barato. 5 reais, está barato. 2,50”.

Vocês estão percebendo o que está acontecendo? Está barato desde os 30 reais e o que está acontecendo? As pessoas estão comprando uma ação que está desvalorizando, estão se prendendo a preço e não estão conseguindo enxergar o geral que a cada ano que passa o preço da ação só desvaloriza.

Então é muito ruim você comprar o barato porque o barato ele pode ser 30 reais ou pode ser 1 centavo. E como é que você sabe se a empresa é boa ou não? Poxa, olha o preço: está valorizando com os anos ou desvalorizando? Pô, está desvalorizando então isso não é uma empresa barata, isso é um empresa que está desvalorizando.

E você nunca vai investir em uma empresa que está desvalorizando porque esse aqui é um pensamento pobre porque você vai comprar, comprar e comprar e você nunca mais vai conseguir ter lucro. Vai torrar todo o seu dinheiro numa empresa porcaria dessa por quê? Porque você cresceu acreditando que tem que comprar barato para receber dinheiro.

8 Papéis para investir em 2017

Olha para a empresa B!

Aa empresa B custava 20 reais e aí subiu para 30 aí agora caiu para 25, está barato. “Nossa, mas custava 20”. A visão do pobre: está caro. “Eu tinha que ter comprado a 20. Está tarde, agora já foi”. Aí a empresa foi para 35 reais. “Poxa vida porque que eu não comprei a 20”. Aí a empresa caiu para 30. Teve um desconto aqui, um desconto enorme aqui, de 35 para 30 e um super desconto.

Você tem que comprar, imagina se você for numa loja e perguntar assim: “Quanto custa esse remédio aí”? Custa 35 reais! “Você faz por 30”? “Ah, eu faço”. Você não compra? É um baita desconto, quase 10% de desconto. Nem no comércio você dá 10% de desconto.

Aí você não compra a 30 reais, está muito caro. Aí, de repente, vai lá para 40 reais. Aí você fala: “Por que eu não comprei a 30”. Aí de novo tem desconto: 35 reais. Poxa, de 40 para 35 é um baita desconto, é quase 10% de novo de desconto. E vai e vai e vai…

Então, eu posso compra a empresa até 40 reais. Não tem problema nenhum pagar 40 reais na empresa porque ela está valorizando com o tempo. Valorizando, então, independente do quanto eu estou pagando – pagando barato ou caro.

Analisando friamente agora, o que é melhor comprar: a empresa do lado esquerdo – à dez reais – ou comprar a empresa do lado direito – à 40 reais? As duas estão baratas.

A diferença é que o lado direito – a empresa B – ela está valorizando com o passar dos anos. Eu posso comprar a 40, que ela tem uma grande expectativa de chegar à 60, 50, 55.

A de 10 reais, eu posso comprar ela agora, ano que vem ela vai custar 5 e se eu compra a 5 no outro, vai custar 2,50 porque eu estou vendo claramente a desvalorização por mais barato que ele esteja. Às vezes é melhor comprar numa empresa mais cara porque ela tem potencial de valorização.

Então, a partir de agora, preste a atenção no que eu vou falar: empresa desvalorizada, você vai ficar longe é pensamento pobre e a empresa que deu desconto no preço da ação aí vale a pena.

Desconto: a empresa custava 30 foi para 25, isso foi um desconto e a empresa não está desvalorizando.

16 ações que mais valorizaram na Bolsa de Valores

Vocês percebem que o preço está tendendo a subir com o passar dos anos? Então, eu não preciso comprar a 20 para ganhar com essa ação, posso comprar a 25, ganharia dinheiro. Se eu comprasse a 30, eu também ganharia dinheiro, ganharia menos do que se tivesse comprado a 25, mas tudo bem, ganhei dinheiro. Se eu comprasse a 35, eu também ganharia dinheiro. Se eu comprar a 40 eu também vou ganhar dinheiro.

Olha a valorização que eu tive: de 40 para 55, então, o importante é comprar quando tiver desconto. Optem por empresas que estão valorizando com o tempo. Parem de achar que empresa barata é empresa boa. Esse é pensamento pobre.

Perfeito? Então, o que você vai fazer com os 10% do seu salário? Você vai investir em empresas que estão valorizando e quando que você vai entrar? Quando essa empresa estiver valorizando e lhe der desconto, aí você entra comprando.

Está dado o recado, então. Esse é o caminho para você conseguir sair da pobreza e ir para a riqueza. Faça isso todo mês com 10% do seu salário em empresas que estejam valorizando, no momento que houver um desconto. Tá bom? Um abraço e até o próximo vídeo.

Entendendo a Bolsa de Valores

Sabe por que o mercado de ações é um dos mais indicados para enriquecer? Porque esse mercado financeiro funciona muito bem mesmo diante da crise. Antes que vocês pensem em me dizer que “eu posso perder todo o meu dinheiro com as ações”, eu vou logo afirmando que isso não vai acontecer, se você for um bom estrategista que tenha controle financeiro.

Pode acontecer, realmente pode. Mas, assim também como acontecer os acidentes fatais de trânsito. Eles existem e acontecem todos os dias, mas você não deixa de dirigir, não é? Simplesmente porque entende quais são as causas daqueles acidentes. Na Bolsa de Valores, quando você entender o mercado, você diminui os riscos e passa a ter boas probabilidades de lucro.

No Brasil, a compra e venda de ações acontece na BM&FBovespa (Bolsa de Valores de São Paulo). Essas negociações são feitas por meio das corretoras habilitas pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Lembretes: não há valores exatos para serem investidos e comprar ações. Mas, se for para começar com valores baixos, é indicado começar investindo em fundos, já que os custos não serão tão altos. Vamos falar mais sobre os tipos de investimentos abaixo.

Agora, vamos entender um pouco sobre a Bolsa de Valores: em resumo, é um mercado online de negociação de ações e produtos. Foi criada com o intuito de arrecadar recursos para as próprias empresas. Hoje, quem tem participação nessas empresas, recebe parte dos lucros da mesma, já a empresa capta dinheiro à um preço mais baixo do que se fizesse um empréstimo bancário, por exemplo.

Reprodução: Google
Reprodução: Google

Para entrar no mercado de ações, você precisa escolher uma Operadora de Valores: normalmente, Bancos ou Corretoras de Valores.

Ela será sua intermediária e responsável pelos seus investimentos. Depois, durante as transações, seu contato será feito com analistas dessa corretora.

E você também pode investir pela internet, através do Home Broker, uma ferramenta que informa as cotações das ações, ordens de compra e venda de ações. Aqui, é importante estar atento á palavras como Ativo, Quantidade, Preço e Validade.

Os custos para investir na bolsa de valores são: a corretagem – quando você compra e venda ações – e a taxa de custódia – valor cobrado mensalmente pela corretora para guardar suas ações. Você também vai precisar pagar a tributação do Imposto de Renda, que normalmente é de 15% sobre o ganho de capital de ações.

* A isenção do IR ocorre apenas para vendas de até 20 mil reais no mês.

Caso tenham interesse em saber mais detalhadamente como o Mercado Financeiro de Ações é o melhor investimento, acessem esse link.

E entenda tudo sobre a Bolsa de Valores no link.

Curso Online e Gratuito

Oi, aqui é o Trovó!

E eu sei que você acompanhou nosso vídeo e ficou pensando nisso!

Eu resolvi criar um curso de 4 vídeos, gratuitos – ou um minicurso como você queira chamar. Sobre os 5 segredos que a maioria dos investidores não sabem como aplicar no mercado financeiro.

Para participar é muito simples: basta clicar nesse link aqui abaixo, cadastrar seu e-mail e fazer parte deste minicurso, tá bom?

E não se esqueça de curtir e compartilhar com os amigos!

Alunos da Trovó Academy fizeram História no Campeonato Mundial de Trades

Alunos da Trovó Academy fizeram História no Campeonato Mundial de Trades

 

Hoje eu quero compartilhar com você algo muito incrível que aconteceu essa semana na nossa escola Trovó Academy: nossos alunos participaram do Campeonato Mundial de Turbinadores de Lucro e deram um show.

Você ainda não sabe como funciona um turbinador de lucro, mas tem muita vontade de aprender? Esse tema é especificado em um dos nossos módulos do Mini Curso online que criei. Você pode se cadastrar e aprender tudo sobre eles. Faça o cadastro nesse link.

Voltando ao campeonato mundial e para vocês terem uma ideia, tinham mais de 40 países e mais de 1,4 mil pessoas fazendo parte. Desse tanto de gente, somente 30 pessoas seriam premiadas e receberiam dinheiro de verdade.

Como Investir Dinheiro para Ficar Rico em 2017 em 6 Passos.

E para a minha alegria, praticamente, metade dos premiados foram alunos Trovó Academy! São pessoas que estão comigo o dia todo e que fizeram história!

Pessoal, foi assim: um momento mágico!

A escola ficou uma loucura nesse dia, tá?

Então, vocês estão vendo aqui na imagem: está aqui a classificação desde o 1º lugar – o campeão é aluno, o 3º lugar, 5º lugar e assim sucessivamente.

Eu estou super feliz, super orgulhoso!

E detalhe: eram pessoas que nunca – jamais – tinham investido! Eles não sabiam nada! E isso prova que qualquer pessoa pode investir, mesmo tendo pouco capital e pouco tempo disponível para o investimento.

Agora, sabendo que é possível você não vai mais ter medo de Investir Seu Dinheiro, vai? Eu tenho as melhores dicas para você perder esse medo, duvida? Então, leia aqui: 5 Melhores Dicas para Você Perder o Medo de Investir.

É algo histórico! A gente fez historia!

Para vocês terem ideia, no ano passado quem dominava esse campeonato eram os russos e hoje, basicamente, deu só Brasil na cabeça!

Aproveitando esse desafio, eu propus outro para os alunos!

Muitos de vocês aqui, provavelmente, conhecem a minha história!

Eu comecei com 14 mil reais – depois de vender meu carro (mas vocês não devem fazer isso, certo?) – e consegui chegar aonde cheguei! Aliás, quem ainda não conhece a minha história, basta entrar nesse link, que eu conto em detalhes como é que foi essa minha trajetória no mercado financeiro!

Agora a novidade: eu estou a fim de repetir essa história, tá? Só que agora não comigo, mas sim com os alunos! Eu vou pegar os melhores alunos – os alunos que se destacaram na escola – e a partir desta segunda-feira, dia 24 de outubro de 2016, vai começar o desafio.

O desafio de mil operações no mercado financeiro.

Workshop 100% Online e Gratuito: Risco Zero nos Investimentos

Mensalmente, a gente vai publicar na internet todos os prints da conta real.

  • Operação por operação!
  • O horário, minuto, segundo!
  • Todos os prints de entrada e saída!

Tudo certinho!

E eu vou gravar os melhores momentos e os piores momentos desses alunos! Nosso objetivo é realmente repetir a minha história só que num prazo mais curto!

E em vez de ser eu, vão ser os melhores alunos! E vocês vão poder acompanhar tudo isso pela internet! Vai ser muito legal!

E eu conto com a torcida de vocês e que esses nossos alunos possam fazer história nesses próximos mil trades!

Descobri o Motivo de Você não ser Rico.

No próximo artigo eu explico detalhadamente para vocês como vai funcionar esse desafio para que o Brasil todo possa acompanhar a trajetória desses nossos alunos.

Um abraço e até o próximo artigo, tchau!

5 Verdades Para Enriquecer

5 Verdades Para Enriquecer

 

Essa semana a escola Trovó Academy recebeu um convite para participar de uma matéria na Revista Exame, da editora Abril, sobre as 5 Verdades Para Enriquecer. Inclusive, em nome da Trovó Academy, eu quero agradecer a jornalista Julia Leogore, que foi super carinhosa e atenciosa com a gente.

Muito bem, quais são essas 5 verdades para Ficar Rico?

“É só ganhar bastante, Trovó”. Não é não!

1 – Importe-se com o seu dinheiro.

Se você não se importar com o seu dinheiro, ninguém vai se importar.

Hoje em dia a situação do nosso país esta terrível, então, pare de esbanjar. Aprenda a controlar o seu capital. Pare de viver em função dos outros. Pelo amor de Deus: ostentação não leva a nada. Isso não é pensamento de quem quer enriquecer. Quem ostenta está caminhando para a pobreza.

Está aí a explicação do porquê de muitas pessoas – quando ganham na mega sena, na lotérica, no caramba a quatro – torrarem tudo em 15 anos.

Por quê? Não tem a mentalidade para ganhar dinheiro.

Como Investir Dinheiro Para Ficar Rico em 2017 em 6 Passos.

Então, importe-se com seu dinheiro, cuide dele como se fosse um filho seu, mas sem se apegar muito.

2 – Só dinheiro, não traz felicidade.

“Ah Trovó, eu queria tanto ser rico para eu viver bem”.

Esquece! Junto com o dinheiro, tem algumas outras áreas da sua vida que você precisa aprender a desenvolver porque, senão, você vai para o buraco.

Então:

  • Seu lado mental tem que estar super bem,
  • Seu lado família tem que estar bem,
  • Seu lado espiritual tem que estar bem,
  • Seu lado solidário tem que estar bem.

E por que você vai ganhar dinheiro ein… Vai ficar só para você? Você vai virar as costas para todo mundo? Você acha que isso é legal? Não é, né?

Então, Você tem que evoluir como pessoa.

O dinheiro, somente o dinheiro pelo dinheiro, é pura ostentação.

Você tem que ter um objetivo do que fazer com esse dinheiro.

Por exemplo, vocês estão cansados de ver aí, em Hollywood, milionários e bilionários se suicidando. Por que vocês acham que acontece isso? Porque tinham outras áreas da vida deles que não estavam legais.

3 Mentiras que os Filmes de Hollywood Contam sobre o Mercado Financeiro!

O cara estava depressivo, estava triste.

E os amigos se afastam, se você prestar atenção que só isso é importante.

As pessoas que estão ao seu redor precisam crescer junto com você.

3 – Você tem que gastar menos do que você ganha.

Eu vou entrar nessa tecla todo santo dia: riqueza e pobreza.

Para enriquecer tem que receber juros! Para receber juros tem que sobrar dinheiro! E para sobrar dinheiro tem que gastar menos do que ganha!

Workshop 100% Online e Gratuito: Risco Zero nos Investimentos

Isso é a riqueza, independente do salário que você ganha.

4 – Dinheiro Consignado e Cartão de Crédito.

Esse aqui é de cortar o coração, né? Eu conheço muitas pessoas que falam assim: “Trovó, meu salario é 3 mil reais e tem mais uns mil de consignado, então, eu ganhei 4 mil”.

Deus me livre, né? O Dinheiro Consignado não dá nem para usar. Isso é uma artimanha que o banco utiliza para você, para te pegar na curva.

Vamos ver uma metáfora: Sabe quando você vai pescas e joga aquela linha para pegar o peixe? É a mesma coisa com os consignados. O banco joga aquela linha para pegar você, mas você não pode cair nisso, ok?

Tem pescador assistindo o vídeo, não tem?

O salário que você ganha… Bem, você tem que considerar o salário líquido!

“Ah Trovó, eu ganho 10 mil reais, mas desconta Imposto de Renda. Desconta o INSS e não sobra nada”.

Então você não tem 10 mil. Pega o valor líquido que você ganha.

Esse é o valor que você vai considerar para contabilizar suas despesas e os 10% do que sobra para começar a investir. Falo disso com muito detalhe em outro vídeo, veja aqui.

Então, consignado e cartão de crédito não são salários nem complementos.

Cartão de Crédito – Ter ou não Ter ?

5 – Comece Sua Aposentadoria Agora!

Não adianta começar a se preocupar com isso quando você já estiver velhinho, sofrendo. “Aí eu tô com dor”. Porque aí já vai ser tarde.

E outra coisa, não dá para ficar dependendo de INSS. De jeito nenhum!

Comece desde agora porque quando você chegar aqui – e você não tiver planejamento – sabe o que vai acontecer? Ferro na boneca, né.

Então, começa a planejar desde já.

Descubra como ter um Planejamento Pessoal Simples e Eficaz utilizando apenas 10 envelopes.

Tem um estudo que diz que o dinheiro que você ganha – o pico de dinheiro – é dos seus 13 anos aos seu 50 anos.

A partir dos 50 anos, você começa a consumir tudo aquilo que você fez de riqueza na sua vida.

Então, se você morrer com 80 ou 90 anos você vai ter 30 ou 40 anos para viver com esse dinheiro que você fez dos 20 aos 50.

“Trovó, eu estou com 55 anos e agora que eu fui correr atrás”? Ainda dá para escapar.

Se você é novo, comece agora.

“E como é que eu me preparo Trovó”? Começando a receber juros, caminhando para a riqueza.

6 Dicas para Aprender a Calcular Juros Compostos e Ficar Milionário!

7 Passos Para Atingir Sua Independência Financeira

7 Passos Para Atingir Sua Independência Financeira

 

Essa semana a revista Infomoney, especializada em negócios e dinheiro, fez uma entrevista super bacana comigo. E o resumo da obra foi o seguinte, eles me fizeram as seguintes perguntas:

“Trovó, você foi uma das pouquíssimas pessoas que conseguiu, praticamente do nada, ganhar dinheiro no mercado financeiro. Como é que você conseguiu chegar a um milhão de reais? Qual foi a sua trajetória? Cite quais são os 7 passos para conseguir atingir a independência financeira”.

Porque, vamos combinar pessoal, conseguir dinheiro, todo mundo consegue: jogando futebol, político… Agora, no mercado financeiro o bicho pega.

Por sinal, eu já fui entrevista pelo G1 Economia também para falar sobre a queda na Taxa Selic. Já viu? Trovó Academy comenta queda da Taxa Selic. Porque, afinal, essa queda vai mudar para o consumidor final ou não? A teoria diz que sim! Diz que você vai pagar mais barato por um produto parcelado… Mas, e na prática? Leia e saiba qual é a resposta.

Voltando ao assunto de hoje… Eu resumi para o Infomoney quais eram esses 7 passos! Na minha visão, como Trovó, tudo bem? Esses são os 7 passos que eu considerei – e considero – super importantes para que você consiga atingir a sua independência financeira!

Quer saber quais são?

Vamos lá:

1 – Planejamento para a Aposentadoria

Desde cedo, de preferência entre os 17 e 18 anos, é preciso começar a pensar na sua aposentadoria!

Afinal, um dia você vai envelhecer!

E se tudo ocorrer bem, quando você estiver mais idoso, o que vai acontecer?

  • O plano de saúde ficará mais caro,
  • O remédio ficará mais caro,
  • E, se bobear, o seu filho e a sua filha, que já vão estar adultos, ainda vão depender de você e vão pedir dinheiro emprestado.

Então, você tem que se planejar! E não dá pra depender de INSS!

Então, comece a se planejar desde já!

Leia Mais: Controle Financeiro de Forma Simples e Eficaz!

2 – Pare de se preocupar com o que os outros pensam!

O brasileiro – e isso é típico do brasileiro mesmo – tem uma cultura super chata perante a sociedade: se você está um pouquinho abaixo da média, você é considerado um fracassado e se você está acima da média, você ostenta!

Definitivamente, pare de ficar preocupado com o que os outros pensam!

Você ter carrão, ter uma casa bonita, andar com roupas super chiques… Para a sociedade isso é sinônimo de sucesso!

Já na minha visão, sucesso é o seguinte: Você gastar menos do que você ganha!

É simples: tem que sobrar dinheiro todo final de mês!

Saiba quais são os 7 Passos para Viver de Juros!

O que acontece quando não sobra dinheiro no final do mês? Você precisa fazer um empréstimo, que resulta em pagamento de juros (Fuja dos Juros dos Bancos). Pagar Juros é caminhar para a pobreza, você sabe né? É o mesmo que acontece quando você faz um financiamento (Fuja do Financiamento de Carros) ou quando decide pagar apenas a fatura mínima do seu Cartão de Crédito.

Então, fiquem atentos: se não está sobrando dinheiro é porque você está gastando mais do que deveria! E, geralmente, esse gasto vem porque você se preocupa demais com o que os outros pensam! Mas, na hora que você tiver em uma situação ruim, ninguém vai te ajudar!

3 – Você tem que aprender a economizar com disciplina.

Tem uma regrinha que eu sigo desde que eu comecei. É a seguinte:

70% de tudo que eu ganho eu uso para os gastos do dia a dia!

O que é que tem nesses 70% aí? Gastos com casa, ou seja, as contas da casa: telefone, água, luz, aluguel – se você pagar aluguel – e manutenção do carro, restaurante, cineminha, educação – se você paga faculdade ou tem um filho e paga escola para ele.

Uma dica super importante: o ideal é que estes gastos não ultrapassem 70%, certo? Essa é a regra de ouro!

“E os outros 30%, Trovó”? Bem, 20% você usa para quitar suas dívidas ou para fazer um saldo emergencial. E os outros 10% você destina para os investimentos.

Como Poupar 10% do meu Salário.

Sim, você precisa destinar parte do seu salário para investimentos – e mesmo que esteja com dívidas em aberto. Primeiro que não é preciso ter muito dinheiro para começar um investimento, segundo que investir no mercado financeiro não é assim tão complicado e terceiro que… Bem, saiba Quais São os 10 Maiores Mitos do Mercado Financeiro.

Ah, não posso terminar esse tópico sem dizer uma coisa muito importante: poupança! Você precisa saber que quando digo “economizar com disciplina” não estou dizendo para você colocar seu banco na poupança, ok? Está bem claro isso né?

E se você quer saber o porquê disso, eu listei aqui 3 artigos interessantíssimos sobre o assunto. Depois que ler, duvido que você vai ter a mesma visão sobre poupar dinheiro na poupança! Leia e comprove:

4 – Fuja do imediatismo!

Vamos começar com um exemplo!

Pense em uma árvore grande. Imagine uma sequoia, aquelas árvores gigantescas que ultrapassam mais de 110 metros de altura. Então, durante a vida toda, ela precisa de uma média de 100 mil litros de água para sobreviver.

Fato comprovado cientificamente: é essa quantidade que ela consome durante a vida toda!

Agora, vamos imaginar que você plantou uma árvore dessa espécie. Daí, você tem a grande ideia de despejar um caminhão pipa em cima dessa semente! Com a mesma quantidade!

Vai colocar lá os 100 mil litros de água na árvore! Aliás, é tudo o que ela precisa, não é?

Mas, pense bem, o que você acha que vai acontecer? Você vai afogar a semente, oras! Coitadinha da Sequoia: ela não vai conseguir se desenvolver e sobreviver!

E adivinhem só: no mundo das finanças acontece a mesma coisa! Você não pode dar um passo maior do que a perna! As coisas vão acontecer devagar!

Essa é uma das lições que o Futebol pode nos ensinar referente ao mercado de finanças. Fizemos uma lista com mais 6 comparações então, se você gosta de Futebol, leia esse artigo: 7 Lições que o Futebol pode nos Ensinar Sobre Finanças.

E o primeiro ponto para atingir a independência financeira é saber que eu preciso fazer com que sobre dinheiro no final do mês! Quanto mais sobrar, melhor é!

Se eu conseguir poupar 10% do meu salário, excelente!

Se eu conseguir poupar 20% da minha renda mensal… Meu Deus do céu, é o melhor dos mundos, e você já pode comemorar!

A partir daí, você começa a investir esse capital, essa sobra financeira!

Outra dica importante: comece com uma Renda Fixa!

Isso é super importante: uma Renda Fixa, entendeu?

Saiba quanto você vai receber de Juros na Renda Fixa.

Você não sabe quais são os tipos de Renda Fixas que existem? Não faz ideia de qual é a melhor para o seu perfil? CDB, LCI ou LCA… nunca ouviu falar? Não entre em pânico! E leia esse artigo: Saiba Quais São os Tipos de Rendas Fixas.

E a partir daí, você vai começar a receber juros, vai sair desse ciclo vicioso, que pode te gerar dívidas atrás de dívidas!

3 Coisas que são Dívidas e Ninguém Considera.

Ah, lembra que eu comentei lá no comecinho desse texto?

Quando falei que a sociedade vai tender a te puxar para baixo?

Pois é. Isso realmente acontece porque quando você sai da sua zona de conforto… hum… Isso incomoda as pessoas que estão a sua volta!

Então, você vai ter que ser independente na sua forma de pensar!

Tem que aprender a falar não! “Eu não quero ser como a maioria”! “Eu quero atingir a minha independência financeira e pra isso eu preciso começar a poupar dinheiro”!

Você já sabe como poupar dinheiro, né? Dá para poupar dinheiro com os serviços domésticos, com o carro, cultura, lazer… até com a Educação e Saúde, que são itens prioritários no seu orçamento familiar, sabia? Como Economizar: 33 Maneiras de Juntar Dinheiro Rápido.

Você começa a poupar dinheiro: e aí, as coisas começam a acontecer!

5 – Seja transparente com a sua família!

Isso é super importante, tá?

Se você estiver passando por dificuldades financeiras, converse com a sua mulher, com o seu marido, com o seu pai, com a sua mãe… Exponha a situação porque quando você trabalha em conjunto, fica muito mais fácil!

O que acontece quando as pessoas estão com dívidas? Geralmente, elas ficam envergonhadas! Elas falam: “Meu Deus do céu, não posso falar para ninguém que eu estou endividado”!

Mas, saibam você que aqui no Brasil são, pelo menos, 60 milhões de pessoas que estão nessa mesma situação! Então, estar endividado não é motivo de vergonha!

Por isso, junta a família, junta as pessoas que estão ao seu redor, aquelas que você se importa e seja transparente com elas! Seja verdadeiro e franco!

Se não, você pode ficar desesperado! E isso sim é um perigo danado! Quando você está desesperado, você tende a aumentar os seus vícios. Sabia que boa porcentagem das causas de divórcios no Brasil é por questões financeiras? Pois é!

Desesperado, você pode começar a ter reações agressivas também. E mais monte de coisas! Então, não se desespere.

Está com a Corda no Pescoço? Respire, não se desespere e saia já da dívida.

Então, é importante que você seja transparente com as pessoas que estão a sua volta!

Antes que você pense o que não é: saiba que os maiores investidores tem apoio familiar, contam com suas famílias e fazem tudo para passar o final de semana com eles! Tire da cabeça essa ideia de festas, champanhes e mulheres! Isso é coisa de filme: Mentiras que os Filmes contam Sobre o Mercado Financeiro.

6 – Planeje o seu objetivo!

Saiba aonde você quer chegar! Porque que eu falo isso?

“Trovó, eu quero conseguir dinheiro”!

Mas, dinheiro pra que?

Workshop 100% Online e Gratuito: Risco Zero nos Investimentos

Parece até uma pergunta boba, não?

Parece, mas se você não souber o quanto de dinheiro você precisa e pra qual finalidade, você vai ficar patinando!

“Ah Trovó, eu quero para poder comprar uma casa”. Show de bola: qual é o valor dessa casa? 100 mil? 200 mil? 500 mil? Isso é super importante: você ter esse planejamento!

Saiba como ter um Planejamento Financeiro Pessoal Simples e Eficaz usando 10 envelopes.

Eu sempre soube aonde eu queria chegar e quanto eu queria bater de meta. Se você não tiver isso bem claro, você não vai conseguir atingir a sua independência financeira!

7 – Aplique a regra do 0,01 e 0,4!

Em minha opinião, é o ponto mais importante de todos! Preste atenção que vai ter uma regrinha matemática! Como é que você sabe qual é o capital que você precisa ter para poder viver de renda? Afinal de contas, esse é o sonho de todo mundo! E convenhamos pessoal, viver de renda é muito gostoso!

Você vai pegar os seus gastos mensais… Bom, vou dar um exemplo prático!

“Trovó, eu fiz umas contas aqui: eu gasto uma média de 3 mil reais por mês”. Você está gastão, hein? Mas, vamos lá! Se o seu gasto está numa média de 3 mil reais por mês, o que você vai fazer? Você vai pegar esse valor de 3 mil reais e vai dividir por 0,01!

Por que dividir por 0,01? Essa é uma média de rentabilidade de 1% ao mês, que você consegue em uma renda fixa!

Então, você vai pegar o que você acha que você gasta no mês – nesse exemplo 3 mil reais – dividir por 0,01 e dividir novamente por 0,4!

Por que dividir por 0,4? Esse valor representa 40% que você precisa reter!

Então, nesse exemplo de 3 mil reais, você divide por 0,1 e depois por 0,4, e vai dar exatamente 750 mil reais! 750 reais: esse é o capital que você precisa ter investido para ter a sua independência financeira à longo prazo!

Simples assim! Com um salário de 3 mil reais, e se você quer ter independência financeira e viver de renda como eu, então você precisa ter 750 mil reais investidos! Beleza?

Não deixe de ler também: Como Investir Dinheiro para Ficar Rico em 2017 em 6 Passos! Clique e descubra como Ficar Rico mesmo em época de crise e como Investir o Seu Dinheiro corretamente!

Como ficar Rico?

Como ficar Rico?

 

Essa semana saiu uma reportagem na Infomoney, uma das principais revistas sobre dinheiro do país, mostrando qual é a quantidade de dinheiro que você precisa ter para se tornar parte do 1% das pessoas mais ricas do mundo.

Sabe de quanto é esse valor?

Muito bem, pessoal, segundo a matéria, a quantia que você precisa ter para fazer parte do grupo seleto do 1% das pessoas mais ricas do mundo é o equivalente à 1,6 milhões de reais.

Os 10 Maiores Investidores do Mercado Financeiro.

Exatamente isso, se você tiver 1,6 milhões de reais na sua conta, você faz parte do 1% das pessoas mais ricas!

Não é muito dinheiro!

A questão é que seu cérebro não foi educado para ganhar dinheiro, resultante fiel da Educação Financeira NÃO ensinada na escola.

Aproveitando o gancho dessa matéria, vamos falar de outra pesquisa, tão importante quanto para você aprender como ficar milionário.

Há alguns anos, 2 pesquisadores de investimentos – William Dankos e Thomas Stelin – fizeram uma pesquisa que se alongou por mais de 2 décadas.

A pesquisa tinha o intuito de descobrir se as pessoas milionárias, ou seja, aquelas que têm mais de 1 milhão de dólares, tinham alguma coisa em comum.

O que vocês acham que eles descobriam?

  • Que os homens, para ficarem ricos, se casaram com mulheres ricas?
  • Que eles ganharam na loteria?
  • Que nasceram gêmeos?

Nada disso!

Os pesquisadores descobriram que as pessoas ricas tem uma única coisa em comum: a forma de pensar!

Eu separei duas dicas para vocês, com base nessa pesquisa.

Prestem atenção!

1 – As pessoas ricas não ostentam!

A pesquisa provou que as pessoa que possuem mais de 1 milhão de dólares não ostentavam. Elas não viviam em função do que os outros pensavam.

E olha que engraçado, esse tem sido o grande problema dos brasileiros: hoje temos quase 60 milhões de brasileiros endividados por causa disso.

Quando entrevistaram os brasileiros, os pesquisadores descobriram que a maioria estava endividada porque “precisava” aparentar para a sociedade a fama de bem sucedida.

Inclusive, sobre esse assunto, temos uma matéria que mostra essa farsa apresentadas pelos filmes. Leia: 3 Mentiras que os filmes contam sobre o Mercado Financeiro.

Essa fama de pessoa bem sucedida custa muito caro. E acaba gerando a compra excessiva: é daí que surgem as dívidas.

Quando você está endividado ninguém vai te ajudar, certo?

“Ah, Trovó, mas os playboys ostentam”.

Esse cara aí não é investidor! Ele é filho ou neto de alguém rico. Ele não se esforçou, ele recebeu, de graça! Geralmente, essa fortuna vem de uma herança! E tudo aquilo que vem fácil, vai fácil!

Então para de viver em função do que os outros pensam! Ponto.

2 – 98% das pessoas atingiram o primeiro milhão de dólares, começaram, praticamente, do zero.

Pessoal, as pessoas milionárias se esforçaram, caíram fora daquela rotina, daquele mundinho e não deram muita bola pro que os outros falavam!

Vocês precisam fazer como eles.

As pessoas vão querer te puxar de volta e você tem que ter um pouquinho de persistência para poder atingir o objetivo, que, por sinal, é diferente das pessoas que estão ao seu redor.

Outra coisa importante: eles também compartilham conhecimento com as pessoas.

Quem tem pensamentos milionários compartilham conhecimento!

Saiba tudo sobre o Mercado Financeiro.

Vamos ter atitude: compartilhar conhecimento é super importante.

Resumo da ópera

Então, a pesquisa diz o seguinte: o que faz a pessoa conseguir atingir o primeiro milhão de reais é não viver em função do que os outros pensam.

Sair da casinha, procurar coisas diferentes, confiar no talento, não ostentar, compartilhar conhecimento e acreditar no seu potencial… É isso que você precisa fazer, se quiser fazer parte do 1% das pessoas mais ricas do mundo e ter, por volta de, 1,5 milhões de reais!

E para isso, o primeiro passo é evitar despesas e poupar 10% do salário!

Compartilhar conhecimento e investimento, tá?

Invista 10% de tudo que você ganha em renda variável.

Aprenda a investir em ações em 3 passos.

Oras, não vá me dizer que você tem medo de investir…

Então, leia essa matéria e descubra de onde vem esse medo!

Um abraço.

Até o próximo vídeo, tchau!