Saiba se vale a pena ter um seguro de vida ou de saúde

ANÚNCIO

Um seguro é aquele tipo de investimento que fazemos pensando em nunca precisar usar. Por outro lado, saiba que ele pode ser útil em casos de imprevistos. De qualquer modo, o tema gera muitas dúvidas. E pouca gente sabe se vale a pena ter um seguro de vida ou de saúde.

Por isso mesmo, a gente trouxe esse tema à tona neste conteúdo. Continue lendo para entender tudo sobre isso. Inclusive, nos dias de hoje se resguardar de imprevistos é algo que muitos estão optando em fazer devido à segurança que isso traz.

ANÚNCIO

Porém, muitas pessoas não acreditam na utilidade desse benefício e sempre questionam: “Isso nunca vai acontecer comigo”, “seguro é coisa apenas para gente rica”, “seguro não funciona quando a gente precisa”. E você já pensou sobre isso?

Além desse tipo de questionamento, muitos não sabem nem qual a diferença do seguro de vida ou de saúde. E é bem provável que você tenha alguma dúvida sobre isso também. Por isso, é importante saber a diferença para contratar o serviço certo e ideal para você.

O que é seguro de saúde?

A definição de seguro de saúde é bem simples: é um serviço oferecido por empresas com o objetivo de gerar atendimento de assistência médica e hospitalar para quem esteja disposto a pagar por esse evento que um dia pode acontecer.

ANÚNCIO

A ideia é atender algumas necessidades peculiares apresentadas pelo mercado financeiro. Por exemplo, ele dá direito a uma forma de trabalho personalizado, oferecendo aos segurados coberturas exclusivas e valores menores que outros meios que ofertam serviços de saúde.

Ele é utilizado para a proteção dos segurados que precisem recorrer a despesas medicas. A administração pode ser efetuada pelo governo, alguma entidade particular que não apresente fins lucrativos ou até mesmo por uma empresa privada.

Por último, saiba que o seguro de saúde oferece serviços que completam as necessidades específicas do mercado brasileiro, com produtos diferenciados que vão além dos tratamentos oferecidos pelo SUS (Sistema Único de Saúde).

O que é seguro de vida?

Agora, para saber escolher entre o seguro de vida ou de saúde, vamos falar do seguro de vida. Ele é outro seguro, sendo que não existe muito segredo sobre a sua utilidade – até mesmo porque o próprio nome já indica isso.

Ele foi criado para proteger você e seus dependentes de imprevistos que estão ligados à saúde. Desse jeito, é uma ótima opção para realizar um o equilíbrio nas suas finanças em caso de desemprego, incapacitação para conseguir exercer seu trabalho e até mesmo o óbito.

Existem muitos tipos de seguro de vida atualmente. Sendo que dá para escolher um que seja o mais adequado para sua realidade é importante. Para isso, a dica é a de ficar de olho em alguns pontos.

Assim sendo, saiba quais são todos os pontos da cobertura desse seguro. Por exemplo, doenças graves, desemprego e invalidez. Também é preciso analisar o valor de cada opção, qual será a sua indenização e quantos beneficiários poderá incluir no seu plano do seguro.

Sendo assim, o seguro de vida não é só para herdeiros, ao passo que você pode receber ele em diversas fases da sua vida aumentando a importância de estar assegurado para o resto da vida.

O valor do seguro é muito caro?

O próximo passo é analisar o valor do seguro, independente se é o de vida ou o de saúde. Até mesmo porque eles não são tão baratinhos assim, né. Mas, quanto custa a sua tranquilidade?

Você sabe que pode precisar de um atendimento médico a qualquer momento e dependendo sua necessidade os gastos podem superar e muito esses valores. Então, quando se põe esse investimento na balança, muita gente acha que vale a pena. Outras pessoas discordam.

Contudo, existe algumas dicas para conseguir baratear esse valor. Confira isso no próximo tópico, afinal, pode fazer a diferença para você escolher entre o seguro de vida ou de saúde.

Barateando o seguro…

A primeira das dicas é pesquisar em várias seguradoras e ver quais são as condições de cada uma delas. Para isso, não tenha pressa para decidir e contrate apenas aquilo que for utilizar. Além do mais, preste atenção para não assinar alguns benefícios que nunca vai precisar.

seguro de vida ou de saúde

No caso mais exclusivo do seguro de saúde é interessante calcular individualmente valores de exames e internações. Alguns exames passam fácil de R$ 200 e internações de R$ 500. Mas, se você já tiver seu seguro, no momento que precisar desses serviços, já estarão inclusos.

Saiba também que o perfil de cada um também é um ponto crucial para a definição dos valores de cada seguro. Uma pessoa saudável, que pratica esportes, jovem vai ter uma apólice de valor mais em conta que um senhor fumante ou alguém que trabalha com riscos.

Leia Também:

Vale a pena fazer um desses seguros?

Mas, afinal, vale mesmo a pena ter os 2 seguros ou pelo menos um deles? Essa resposta apenas você pode dar. Afinal, o seguro, como o próprio nome diz, é algo que vem para lhe garantir uma segurança no momento de algum imprevisto.

Contudo, se você é uma pessoa que ao invés de investir em um seguro, faz outros tipos de investimentos, possui uma boa reserva de emergência que seja capaz de cobrir qualquer eventualidade que possa surgir na sua vida, talvez não seja interessante fazer o seguro.

A não ser que seu seguro seja oferecido pelo seu patrão ou empresa onde trabalha e com valores acessíveis, que não vão pesar no seu orçamento. Assim, saiba que cada pessoa tem a sua realidade e necessidade. Logo, o importante é tomar essa decisão particular e familiar.

ANÚNCIO