Nathalia Arcuri cita 5 dicas para alcançar o primeiro milhão ganhando pouco

ANÚNCIO

A especialista financeira, que fez sucesso no Youtube ao gravar vídeos falando sobre finanças pessoais em uma linguagem popular, diz que “ter R$ 1 milhão na conta bancária não é exclusividade apenas de quem ganha muito dinheiro”. Então, como primeiro milhão ganhando pouco? Vamos descobrir com essas dicas dela.

Inclusive, ela termina a sua expressão afirmando que “com planejamento e muito esforço dá sim para ficar milionário”. A gente foi atrás dessas dicas que ela sempre divulga na internet e conseguiu trazer aqui uma seleção delas. “Pensar sobre isso já é um bom primeiro passo a ser dado para chegar lá”.

ANÚNCIO

1 – Faxina Financeira

Nathalia fala em faxina financeira, que é um nome bastante sugestivo para quem precisa começar a cortar gastos, especialmente aqueles que não tem fundamentos. Logo, você deve “tirar uma fotografia das suas finanças pessoais”.

Ela fala que isso é importante para entender quais são aquelas despesas, receitas e ativos que você tem ali. Mais precisamente é “aqui que você vai saber quanto ganha, quanto gasta, quais dívidas têm e o patrimônio acumulado em toda a vida”.

Autêntica no que diz, ela garante que “não adianta querer juntar o famoso R$ 1 milhão se as suas finanças estiverem bagunçadas ou se você estiver com muitas dívidas”. Por isso, a recomendação de fazer uma faxina financeira, que nada mais é do que reduzir gastos.

ANÚNCIO

E esses gastos, quase sempre, são aqueles não essenciais. Isto é, que não são importantes para você, vias de fato. Por exemplo, sempre dá para reduzir a conta do celular, da internet, da TV e muitos outros. “Com a organização, comece a pagar as dívidas”.

2 – Reserva de Emergência

O próximo passo ou dica da digital influencer para quem quer alcançar o primeiro milhão ganhando pouco é sobre a reserva de emergência. Para ela, esse é o início para começar a juntar dinheiro. Mas, ela aconselha: “não para formar R$ 1 milhão ainda”. A ideia é que você tenha aquele dinheiro para ser usado em emergências.

“É ele que vai garantir que o seu planejamento que será criado em breve para chegar até R$ 1 milhão não saia dos trilhos. Por exemplo, de repente você quebra um dente e aí terá que gastar com a cirurgia. Então, para isso serve a reserva”.

No entanto, além desse fato que ela narra de forma muito bem-humorada, também podemos considerar que há outros vários usos para uma reserva emergencial. Os mais comuns são acidentes de trânsito e até mesmo a perda do emprego ou casos de doenças na família.

3 – Metas

O passo número 3 é a criação de metas e, sucessivamente, de um plano de ações. “Agora que você está sem dívidas, com a reserva de emergência feita e já se organizou para que sobre dinheiro mensalmente, então, é hora de criar o plano para se alcançar R$ 1 milhão”.

Arcuri avalia que, no entanto, falar que quer R$ 1 milhão é uma meta que não é suficiente. “É preciso saber também como e quando você alcançará esse objetivo”. Por isso, ela dá a dica de transformar uma meta maior em metas menores.

“Assim fica mais palpável alcançar o valor”. Por exemplo, se você conseguiu juntar R$ 100 mil por ano é uma meta menor do que R$ 1 milhão. Ainda sobre chegar no primeiro milhão ganhando pouco, ela diz: “Não importa o que definir: tenha um método para chegar lá”.

4 – Foco

A próxima dica da especialista tem a ver com o foco para se alcançar o objetivo. Sendo assim, ela diz que “tudo deve virar meta”. Para isso, cita que cada gasto tem que ser anotado e feito de forma inteligente para não te afastar da meta principal, que é o valor milionário.

“Por exemplo, se você quer comprar um relógio de R$ 600, pergunte-se por que você quer o relógio, se ele é importante, se você tem dinheiro para compra-lo, se tem razão para outras pessoas além de você. Se for sim para todas as respostas, pesquisa sobre o preço”.

Ela fala em carimbar as compras, que nada mais é do que provar que ela faz sentido para representar parte do seu orçamento. “E compre só quando tiver dinheiro”.

5 – Investimentos

A última dica da Nathalia é sobre “investir primeiro e gastar depois”. Para ela, é esse ponto que vai ser a virada de chave na vida das pessoas. De fato, somente assim elas poderão alcançar as metas, como a de serem milionárias.

“Se conseguimos ajustar os cintos em tempos difíceis, podemos muito bem ajustar as finanças depois que separamos a parte da meta, também”. Ou seja, ela resume o assunto todo em algumas palavras, que dizem: “invista antes e viva com o que sobra”.

primeiro milhão ganhando pouco

Sendo assim, nasce a importância de você saber quanto deve investir mensalmente para se chegar ao objetivo final, o grande objetivo. A ideia de poupar o que sobra nunca dá certo, ela garante, falando que o pensamento contrário é que funciona: investir primeiro.

Sobre Nathalia Arcuri

Para quem não conhece Nathalia Arcuri, que citou essas dicas para chegar no primeiro milhão ganhando pouco, considere que ela é jornalista e especialista em finanças pessoais. Ficou conhecida com o canal do Youtube e os conteúdos postados no Me Poupe na Web.

Saiba tudo sobre o livro Me Poupe! da Nathalia Arcuri, que tem feito sucesso

Aqui no blog já falamos dela ao citar o livro de finanças, que está entre os mais vendidos do país, chamado Me Poupe!. Relembre essa matéria (no link acima), que cita o livro de 2018, lançado pela Sextante e que custa menos de R$ 30 em vários e-commerce do país.

ANÚNCIO