Veja por que o ovo de páscoa é mais caro que a barra de chocolate

ANÚNCIO

A páscoa está chegando e você já viu que os ovos de chocolate estão sendo colocados, aos poucos, na vitrine, não é mesmo? E o que reparou também é que a cada ano que passa mais caros eles ficam.

E aí vem a boa e velha pergunta: por que os ovos são mais caros do que as barras se são os mesmos chocolates, inclusive, da mesma marca? Trouxemos um pouco da resposta disso que vem junto com uma incrível reflexão… É para se pensar!

ANÚNCIO

Sim, há uma resposta para isso!

O pessoal que anda pelos supermercados e lojas pode acabar surpreendendo com o alto preço dos ovos de páscoa. E o fato é que não é novidade para ninguém porque todo mundo sabe que nessa época é isso mesmo que acontece.

É caro pra caramba comer chocolate na páscoa!

Isso fica ainda mais evidente quando se compara esse preço (do ovo) com o chocolate em barras! E todo mundo sabe também que você vai ver que o preço da barra é muito mais barato do que o preço do ovo de chocolate.

ANÚNCIO

Mas, você já parou para se perguntar por que o ovo de páscoa é tão mais caro que o chocolate em barra?

Na dúvida, fomos atrás da resposta.

E há sim motivos para responder a pergunta: o ovo de páscoa tem custo de produção e de logística muito maiores do que as barras de chocolate!

Os custos maiores dos ovos

As barras tradicionais são feitas o ano inteiro, em linhas totalmente automatizadas, enquanto que os ovos têm boa parte da produção manual o que gera um custo maior também.

A produção dos ovos normalmente começa bem antes da páscoa, lá por volta do mês de setembro e para dar conta dos pedidos as empresas já vão contratando funcionários temporários – o que aumenta a folha de pagamento delas!

Esses ovos precisam ficar armazenados em locais com temperatura controlada para não derreter enquanto aguardam o transporte para os supermercados – o que tem seu custo muito maior.

Fora que têm embalagens mais sofisticadas e reforçadas que também aumentam o custo de produção.

E também aqueles ovos de páscoa com desenhos de personagens ou que têm brinquedinho dentro como brinde, o que exige o pagamento de royalties –aumentando assim também o custo.

E isso sem incluir as viagens de caminhão, que é outro custo importante. O transporte poderia ficar de fora. Só que note que enquanto um caminhão consegue levar até 12 toneladas de chocolate em barra, o mesmo caminhão só pode levar no máximo 3 polegadas de ovos de páscoa.

Pois, eles podem quebrar muito mais facilmente.

Além disso, as empresas também adiciona um custo para cobrir eventuais perdas e após a páscoa os ovos que não são vendidos volta os fabricantes que amargou um prejuízo.

A culpa também é do consumidor!

Mas, tem uma coisa muito além do custo: as pessoas aceitam pagar qualquer valor para poder comprar o ovo de páscoa nessa época do ano!

E esses custos citados aqui até influenciam o preço final dos ovos, mas o peso maior no preço está em um componente emocional – que é chamada de percepção de valor.

Percepção de valor é quanto um produto vale aos olhos do consumidor!

Ou seja, é quanto ele se dispõe a pagar por aquilo por ser uma data muito especial, como a páscoa é e que faz parte de uma tradição na vida de muitas pessoas.

Logo, elas aceitam pagar mais caro por um ovo de páscoa para si mesmo ou para presentear alguém mesmo sabendo que o chocolate é o mesmo do que aquele na barra.

E, também tem aquele negócio a satisfação em comprar ou em receber o ovo.

Então, essa satisfação é muito maior do que você comer o chocolate em barra e é muito mais incrível, não é?

Assim, basta pensar na satisfação de se comer um ovo de páscoa ou dar um ovo de páscoa a alguém… É muito maior satisfação do que você só comer uma barra de chocolate. Não é mesmo?

O fator emocional

Então, as empresas já sabendo disso, elas cobram mais caro porque sabem que tem o fator emocional.

Vamos falar a verdade: as empresas metem a facada e e todo mundo compra mesmo sabendo disso. Tem quem não abre mão, de forma alguma, de comprar o ovo de páscoa!

Então, aqui não tem que fazer muita conta porque tudo é muito simples: mesmo sabendo que é mais caro, as pessoas compra pelo fator emocional. E as empresas sabem disso por isso continuam com o preço lá em cima. Certo? Sem mais!

Veja por que o ovo de páscoa é mais caro que a barra de chocolate

Economizar ao comprar ovos de páscoa

Para essas pessoas, selecionamos algumas dicas para economizar dinheiro mesmo sem ter que abrir mão de comprar o ovo de páscoa. Anote aí.

A primeira delas é pesquisar preços em diferentes pontos de venda, gastar sola de sapato e do tênis ainda é a melhor forma de encontrar o menor preço.

Segunda estratégia: de acordo com os especialistas e de acordo com as pesquisas feitas anteriormente, saiba você procurar produtos alternativos (como os de marcas menos conhecidas ou de tamanhos menores ou mesmo os caseiros feitos por pequenos empreendedores) também é uma forma de economizar.

Então, você tem várias opções para poder economizar no ovo de páscoa.

Fora aquela dica que todo mundo conhece: após alguns da páscoa, os ovos ficam bem mais baratos, quase metade do preço de venda.

ANÚNCIO