O que podemos aprender com o filme “Truque de Mestre”

ANÚNCIO

Em julho de 2013 o filme “Truque de Mestre” fez sucesso. O filme trata da história de um grupo de ilusionistas que, enquanto encanta o público com suas mágicas sob o palco, também rouba bancos em outros continentes. Quanto ao dinheiro, ele é distribuído na conta dos próprios espectadores. O resultado disso é que o FBI e a Interpol, duas polícias investigativas internacionais, começam uma perseguição, com o intuito de capturar tais “assaltantes”.

As críticas e elogios, nós vamos deixar para vocês, espectadores e leitores. Mas, o que vale saber é que sim, o filme foi um sucesso. Tanto é que, em junho do ano passado, foi lançado o “Truque de Mestre: Segundo Ato”, uma continuação da primeira exibição. Nessa história, após enganarem o FBI, parte do grupo ficou foragido. Paralelo á isso, eles planejam um novo ato: desmascarar um jovem gênio da informática.

ANÚNCIO

Um pouco menos aclamado pelo público, mas, ainda assim, outra história de sucesso. Essa é a visão geral do “segundo ato”, isso porque, ainda sem sinopse original publicada, o diretor Jon M. Chu já deu a entender que vai fazer um novo enredo, com a 3ª parte do filme. Comentaristas e cinéfilos afirmam que a estreia deve acontecer entre 2017 e 2018.

Com as informações atualizadas, o que nós, administradores do dinheiro e investidores, podemos aprender com o filme Truque de Mestre?

Quanto mais perto você olhar, menos você vai ver”. Essa é frase de “capa” do filme, muito citada durante a trama e que causa maior comoção nos espectadores. É a chave final para entender a história. No mundo dos negócios, ela é aplicável também. Ou, pelo menos, é o que podemos entender quando especialistas falam em “visão sistêmica”.

O que podemos aprender com o filme “Truque de Mestre”
Reprodução: Google

Visão Sistêmica: é uma forma de abordagem da realidade que surgiu no século XX, em contraposição ao pensamento ‘reducionista-mecanista’, herdado da Revolução Científica do Século XVII, como Descartes e Newton. É um pensamento que não nega a racionalidade da ciência, mas acredita, ainda mais, que ele não oferece parâmetros para o desenvolvimento humano, segundo o Wikipédia.

ANÚNCIO

Para o dicionário, a definição é mais sintetizada: Consiste na habilidade em compreender os sistemas de acordo com a abordagem da Teoria Geral dos Sistemas, ou seja, ter o conhecimento do todo, de modo a permitir a análise ou a interferência no mesmo.

Assim sendo, quando mais perto olharmos, menor será o nosso campo de visão. Essa é a ideia transmitida no filme e que, sim, deve ser usada no mercado financeiro. E, se pudermos alçar voos na imaginação ainda mais, podemos dizer ainda que tem a ver com a diversificação de investimentos. É claro, a dica dos especialistas é justamente isso: diversificar, o que, podemos concluir, é o mesmo que olhar amplamente para vários mercados.

Quer Ficar Rico? Descobrimos o que os Milionários fazem em comum para ganhar dinheiro

2017, conforme noticiamos diariamente, será um ano intenso para o mercado do dinheiro. E, justamente por isso, os investidores estão cautelosos. Procure um especialista e pergunte qual a dica, ele, muito provavelmente, vai dizer: diversifique. Aposta na Renda Fixa primeiro e, logo em seguida, “ponha fé” nas ações da Bolsa de Valores. Isso é uma visão sistêmica, isso é olhar de longe, para ver mais.

O que podemos aprender com o filme “Truque de Mestre”
Reprodução: Google

Outro ponto que pode ser observado no filme é sobre o “Dinheiro que vêm fácil, vai fácil”, que é focado com a veracidade da origem do dinheiro, ou seja, com o fato dele ser ilícito, ou não. Se ele for ilícito (vêm fácil), provavelmente, em algum momento, ele se perderá (vai fácil). E não que isso seja para os investidores, ao contrário, é uma visão empresarial, que teve muita repercussão dos especialistas que incitaram a sonegação dentro das empresas.

Por último, outro ensinamento do filme é o trabalho em equipe. “A mágica real foi pegar quatro artistas isolados e fazerem trabalhar juntos”, esse é o encerramento do filme. E é um dos obstáculos que faz muita gente perder dinheiro no mercado financeiro. Se você quer um exemplo, basta procurar saber sobre o grupo de alunos da Trovó Academy, que tem tido resultados exorbitantes.

Essa ideia de buscar conhecimento e aprimoramento é um impulso muito grande na hora de subir os degraus para chegar ao topo. Sem o conselho e a tutoria de alguém que sabe do assunto, tudo fica mais complicado e arriscado.

  • Quer ter mais conhecimento? Faça nosso curso gratuito RISCO ZERO.
  • Quer saber tudo sobre Renda Fixa? Veja nosso Guia Completo.
  • Quer aprender cada dia mais sobre o mercado financeiro? Continue nos acompanhando aqui no blog.

Veja também:

Indicações de Filmes

Se você gostou desse texto, vai gostar também: “O que podemos aprender com o filme Até que a Sorte nos Separe”, que publicamos no início do ano. Filme nacional que já foi exibido em 3 partes e que, se não é considerável muito positivo em termos de produção, foi baseado em um livro sobre finanças, o que, de qualquer forma, torna válido o conhecimento da história.

Outra dica nossa é quanto ao vídeo: 3 Mentiras que os Filmes Contam sobre o Mercado Financeiro, que já foi citado acima. Só para constar: Primeiro você precisa entender que as pessoas que investem dificilmente tem o hábito de ostentar. Porque pra elas, ostentar é sinônimo de viver em função do que os outros pensam. E ter essa vida em prol dos outros faz com que os seus gastos aumentem e você gaste mais do que ganha, caminhando para a mentalidade da pobreza. Leia Mais.

Fora esses 2 que fizemos uma análise comparativa com o nossos mercado, também temos outras indicações de filmes, que, quem sabe em breve, também terá uma matéria exclusiva falando só deles. Se ainda não viu, vale a pena e em breve, trocamos informações sobre eles. Veja por ordem descrente de data de lançamento!

  1. A Grande Aposta (2016) – Um empresário descobre que pode ganhar muito dinheiro ao apostar que o mercado imobiliário americano pode quebrar a qualquer momento. Sua visão traz uma enorme oportunidade a diversos investidores e mostra que é possível lucrar mesmo quando se investe contra um sistema.
  2. Jogo do Dinheiro (2016) – Neste suspense repleto de emoções, George Clooney é o polêmico apresentador de um programa sobre finanças na TV. Porém, uma infeliz recomendação para as ações de uma empresa de tecnologia deixam um investidor enfurecido. Gates e sua equipe agora se tornam vítimas do lunático e terão que enfrentar sérias consequências. Tudo isso transmitido ao vivo para o público que o acompanha.
  3. O Lobo de Wall Street (2014) – Durante seis meses, Jordan Belfort trabalhou duro em uma corretora de Wall Street. Quando finalmente consegue ser contratado como corretor da firma, acontece o Black Monday, que faz com que as bolsas de vários países caiam repentinamente. Ao lado de Donniel) e outros amigos, ele cria a Stratton Oakmont, uma empresa que faz com que todos enriqueçam rapidamente e, também, levem uma vida dedicada ao prazer.
  4. Grande Demais para Quebrar (2011) – Produzido para a televisão e exibido pela HBO, o longa é uma ficção que traz uma nova perspectiva para crise de 2008. Nele, o Secretário do Tesouro Estadunidense apresenta os fatos pela sua ótica de negociações com banqueiros e a busca por soluções privadas.
  5. À Procura da Felicidade (2007) – Baseado em fatos reais, o drama relata a história do vendedor Christopher Gardner. Desempregado e sem perspectivas financeiras, ele é abandonado por sua esposa e agora precisa cuidar do filho de apenas cinco anos de idade. Em meio a inúmeras dificuldades, Chris consegue um estágio não remunerado em uma corretora de valores até que, com toda sua persistência e dedicação, torna-se um grande milionário.

Com informações do Administradores e Infomoney

ANÚNCIO