Aprenda como montar uma barraca de pastel para ganhar dinheiro

ANÚNCIO

Pensa em um produto que o brasileiro ama comer. Ele tem muitos sabores, formas de fazer e é comum de ser encontrado nas feiras livres. Pensou? É isso mesmo, o pastel. Agora, pense em outra coisa: ganhar dinheiro vendendo pastel, que tal? Vamos descobrir como montar uma barraca de pastel para isso.

Se você está pensando em vender seus próprios pasteis, essa pode ser sua grande oportunidade, pois no meio dessa crise, o que não tem como as pessoas ficarem sem comprar é comida. E vamos lá, diga você mesmo: quem é que resiste a um pastel de feira quentinho, saindo fumaça e com o queijo derretendo? Pois é, difícil encontrar.

ANÚNCIO

No entanto, é claro que existem muitas dúvidas se vale a pena investir o seu tão suado dinheirinho nessa barraca, né. Por isso, fizemos esse conteúdo contanto tudo que você precisa saber para ter sucesso no seu novo negócio. Após essa leitura, você terá uma ideia melhor e mais bem formatada sobre essa ideia de negócio.

Mas, eu vou mesmo ganhar dinheiro com pastel?

Claramente que a primeira dúvida antes de abrir um negócio é se ele pode dar um bom lucro. E sem mais enrolação, saiba a resposta é bem positiva, na maioria dos casos. E vamos dizer os motivos disso. Aliás, o motivo principal.

Vamos ser mais direto. Iremos supor que cada pastel lhe renda um lucro de R$ 3. Ao vender 50 unidades em um dia, conseguirá tirar R$ 150. Logo, se você pegar uma feira bem movimentada isso é totalmente possível.

ANÚNCIO

Logo, temos um valor bem convidativo, não é mesmo? E conforme for evoluindo seu negócio, a tendência é a de conseguir vender muito mais que isso. E em outros dias também. Afinal, é provável que na sua feira há feiras praticamente todos os dias, correto?

E quanto devo investir na barraca?

Já vimos que dá para tirar uma boa grana com pastel, não é mesmo? Por outro lado, também sabemos que é preciso ter recursos para investir. Vamos lhe dar duas alternativas para pensar sobre isso, ok? Mas, existem outras também, hein.

A primeira é comprar uma barraca simples com toldo, que fica na casa dos R$ 600. A segunda é sobre investir um pouco mais, apostando na compra de um carrinho de pastel. Ele já vem com panela e totalmente preparado para preparar o alimento. E custa, em média, R$ 1.500.

Aliás, mesmo com a pandemia, você pode abrir a barraca na sua casa e vender por delivery – caso as feiras estejam indisponíveis. Mas, não é somente a barraca que deverá comprar. Logo, é preciso investir em mais coisas também.

A lista passa por: escumadeira profissional, botijão, fritadeira, óleo, farinha de trigo, ovos, queijo, presunto, carne moída, guardanapo, sachês de ketchup e maionese. Então, dá para adicionar mais uns R$ 800 iniciais para produtos básicos.

Como fazer as contas para saber o lucro?

Ainda prosseguindo sobre as principais dúvidas que as pessoas têm sobre montar uma barraca de pastel, vamos considerar aqui a importância de ter um orçamento bem documento. Então, como você fez um levantamento sobre o quanto vai gastar, agora é hora de pôr no papel.

Isso é importante para poder fazer uma projeção de quanto tempo irá demorar para recuperar o que investiu, no que é chamado retorno sobre investimento ou, simplesmente, ROI. Afinal, não pense que em 3 ou 4 dias vai conseguir reaver todo seu recurso investido, né.

Além do mais, é preciso ter um capital de giro, que é um dinheiro gasto para manter todos seus gastos diários, usar como troco e pagar funcionários, essas coisas. Lembrando que saber fazer um bom pastel é sim importante, mas controlar as finanças também é.

Eu preciso ter diferencial? Sim, um produto de qualidade

Antes de tentar vender um pastel é preciso ter certeza de que ele tem um bom sabor. E não somente para você, mas para o maior número de pessoas. Por isso, vale pensar em uma receita de qualidade e que seja aprovada por amigos e familiares antes de se tornar pública.

Além disso, comprar produtos de qualidade para fazer seu pastel é de suma importância.

Procure os melhores fornecedores para garantir um bom prato. Nem sempre poderá comprar o mais caro, até porque seu público poderá não pagar pelo preço para custear isso, mas mesmo assim não custa nada procurar as melhores opções.

Saiba como montar um banho e tosa animal com essas 5 dicas

Muitas vezes, é até recomendado pagar um pouco mais para garantir um pastel diferenciado e que atraia mais clientes. Ou pensar em ingredientes integrais ou naturais ou exóticos. Hoje em dia, há muitos vegetarianos, então, que tal um pastel de brócolis?

Como regularizar a minha barraquinha de pastel?

Para regularizar a barraca de pastel e ter um CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) da sua empresa, você tem várias alternativas. Mas, atualmente, a mais comum é se registrar como um MEI, que é o Microempreendedor Individual.

Isso é importante para conseguir trabalhar com maquinha de cartão de crédito e fazer com que aumente seus clientes, além de estar trabalhando na legalidade. O próprio Sebrae atua em parceria com os MEIs e pode dar vários cursos, palestras, dicas.

Onde instalar minha barraquinha?

Para fechar o assunto de montar uma barraca de pastel, vamos considerar a sua localização. Até mesmo porque essa talvez não seja a melhor hora para levar a barraquinha para a rua, por conta da pandemia.

montar uma barraca de pastel

No entanto, assim que as coisas voltarem ao normal existe algumas dicas lugares para ganhar mais. Em suma, procure locais com bastante movimentação, como rodoviária, praças e metrôs,

Ou um lugar próximo a grandes empresas, escolas e faculdades também pode ser uma boa pedida, ainda mais que essas pessoas procuram uma alimentação rápida. Por fim, você ainda pode procurar alguma feirinha da sua cidade – e, para isso, tem que falar com a prefeitura.

ANÚNCIO