Milhas aéreas – descubra como ganhar renda extra e comprar passagens com desconto

ANÚNCIO

Você sabia que pode viajar pagando muito menos do que o valor integral da passagem aérea? E sabia também que dá para fazer uma considerável  renda extra com as suas milhas que são acumulada sem pontos no cartão de crédito?

Muitas pessoas transferem esses pontos do cartão de crédito à companhia aérea, mas elas não viajam e esquecem os pontos… Aí, eles até expirarem e elas perdem tudo. Mas, para quem não vai viajar, a saída é vender as milhas e ganhar dinheiro com isso.

ANÚNCIO

Isso sem contar que dá para trocar por produtos, né: como aquela cafeteira que você sempre quis ter, por exemplo. O importante é usar os pontos antes que eles expirem e sumam pelo ar.

Apenas para você ter uma noção do que estamos falando, vamos ver quanto a cafeteira custa em pontos: entrando no site da Multiplus, tem a cafeteira que custa 9.960 pontos Multiplus.

E vamos ver quanto custaria essa cafeteira vendida na Internet. Ela custa R$ 99,90.

ANÚNCIO

Resultado: se eu trocasse os meus pontos pela cafeteira teria que dar 9.960 pontos. E se eu comprasse ela na Internet, R$ 99,90. Isso acaba sendo lucrativo, né. Ainda mais se falarmos em pontos que são perdidos ao além.

E seu eu vender minhas milhas, quanto ganharia? Vamos ver o que vale mais a pena.

Vamos entrar no site da MaxMilhas e ver quanto daria para vender as 9.960 milhas. Clica em vender milhas. Na MaxMilhas, você transformar milhas em dinheiro e faz mais pessoas voarem. Vamos entender, agora detalhadamente, a parte de vender as milhas.

Milhas aéreas – descubra como ganhar renda extra e comprar passagens com desconto

Vender as milhas para fazer dinheiro extra

É fácil fazer uma oferta na MaxMilhas e receber por suas milhas aéreas.

No site tem tudo muito explicado. Tem a média das vendas das últimas 24h. por exemplo: 10 mil milhas aéreas da Azul, que fica em R$ 187,60. Na Latam, R$ 280,20.

Tem a média das companhias aéreas.

Vamos em faça sua venda.Optamos por Latam e pela cafeteira em pontos Multiplus, já que  temos a quantidade de milhas que aceita uma venda mínima de 3,5 mil milhas.

Temos 9.960, que é o necessário para a cafeteira. Temos no site qual o valor para cada 1 mil milhas porque tem uma média paga pelo mercado e que tem o valor sugerido – sendo de R$ 25 a R$ 27,50.

Quanto mais próximo de R$ 25 reais, mais rápido você vai vender porque o valor é mais baixo, obviamente. E quanto mais próximo de R$ 27,50, mais vai demorar mais para vender.

Pensamos em uma média de R$ 26s. Quanto vou ganhar com essa venda? R$ 258,96.

Bem melhor do que trocar por uma cafeteira que vale R$ 99,90, né.

Então, nesse simples exemplo feito na MaxMilhas já deu para ver que é um bom negócio vender as milhas ao invés de trocar por algo, como produtos – exceto se você tiver usando ou precisando muito do produto na sua casa.

Detalhe: quando você fechar o acordo de venda, o dinheiro estará disponível em 20 dias.

Não queremos fazer propaganda para esse site de venda e compras de milhas mesmo porque existem muitos outros. Apenas usando para você poder ver que é uma maravilha para ter uma renda extra ou para quem quer comprar passagens aéreas mais baratas.

Passagens Aéreas

Por esse site você não pode comprar milhas, só vender milhas ou comprar passagens mais baratas porque você vai comprar de quem está vendendo as milhas. Entendeu?

Ele, como os outros, funciona exatamente como um intermediário que conecta pessoas que querem fazer renda extra com milhas ou que querem comprar passagens baratas.

Antes de comprar passagens aéreas, uma boa dica é sempre dar uma olhada nas oportunidades que esses sites geram, justamente para saber o que está valendo mais a pena.

Basta vir em comprar passagens e fazer a simulação e comparar. Tudo isso gratuito.

Caso a MaxMilhas não seja o lugar mais barato para você, eles te direcionam para a companhia que está mais barata. Eles próprios fazem isso, tá bom?

Cuidado com o uso do cartão de crédito

Por fim, não temos como não cumprir o nosso papel de cidadão do bem e falar sobre o uso do cartão de crédito. Porque é o seguinte: para juntar pontos é preciso usar o cartão. Depois, os pontos vão para os programas e se tornam milhas e aí você sabe o que pode acontecer…

Mas, antes de tudo, falamos em usar o cartão, né.

E todo cuidado é pouco hoje em dia porque o cartão é o principal causador de dívidas no Brasil. As famílias brasileiras, em sua maioria, estão endividadas por conta do cartão de crédito, acredita?

Então, de nada vai adiantar usar o cartão e usar e usar e usar para ter pontos, se depois você não vai ter como custear tudo isso que comprou. O ideal é ter equilíbrio financeiro. E usar o cartão apenas quando for bom para você e não simplesmente para juntar pontos.

Um bom conselho para vender as milhas é para quem já faz o uso inteligente do cartão e usa muito. Ai sim compensa. Mas, para quem usa pouco, não vale a pena. Para quem viaja, a compra das passagens também são boas. Para quem não viaja, não faz sentido.

O ideal é você saber se colocar onde você quer estar. Não vai sair comprando ou vendendo milhas simplesmente porque está na moda. Provamos que pode ser um bom negócio, mas nem sempre vai ser bom para todo mundo.

Você precisa se conhecer e saber do seu orçamento e dos seus gostos antes de fazer isso.

ANÚNCIO