Método Prático de Investimentos: Como comprar Ações na Bolsa de Valores

ANÚNCIO

No mundo dos investimentos, são muitas as opções de aplicações e uma delas é comprar ações na Bolsa de Valores. Muita gente tem vontade, gostaria de investir, mas acha complicado se tornar um acionista, principalmente quando assiste na TV as informações sobre as cotações do dia, quando a maioria parece falar com desânimo.

Certamente que todos os tipos de negócios têm seus riscos, alguns mais, outros menos, mas sem dúvida o risco sempre existe e é aí que as coisas começam a complicar na cabeça das pessoas que não entendem o mercado financeiro de ações.

ANÚNCIO

Agora é hora de abrir a mente para entender melhor, se permanecer com os mesmos conceitos sobre investimento não tem como explicar, nem mesmo com a lâmpada de Aladim. Então, como não é preciso ser nenhum “gênio da lâmpada para aprender como comprar e vender ações na bolsa saiba como tudo funciona sem mistérios.

bolsa

O que são Ações

Explicação básica

ANÚNCIO

Ações são os papéis referentes aos títulos de valores de uma empresa ou companhia que abriu capital, significa que o investidor estará comprando uma parte do valor do patrimônio, ou seja; o acionista, como o próprio nome já diz, se torna um sócio da empresa ao investir seu capital.

Funciona parecido como em qualquer sociedade, por exemplo, se uma empresa quiser fatiar em 10 partes, ou melhor, cotas de sociedade, cada pessoa que investir em uma parte também passará a ser sócio.

Fica assim; o dono da empresa pode querer ficar com uma parte maior, o que é perfeitamente natural, então ele pode ficar com 6 pedaços da empresa, comparando com uma pizza cortada em fatias, e abrir capital colocando a disposição de novos investidores interessados, 4 fatias.

Supondo que uma pessoa quis ficar com 3 fatias e a outra com uma, todos que investiram são sócios acionistas entre si da mesma empresa, sendo que, quem comprou mais ações tem mais papéis do que quem comprou menos, sendo que na prática todos são acionistas.

Quanto à participação nas decisões da empresa, tem ações que oferecem participação nas decisões e outras não, essa é uma diferença nas ações, para melhor entendimento, que fica muito clara nas companhias estatais.

Como comprar Ações na Bolsa de Valores

Aprenda como comprar ações na Bolsa BM&F Bovespa em 3 passos

Ao decidir fazer investimento em ações, o primeiro passo é escolher uma corretora operadora de valores para abrir uma conta. O motivo pelo qual é preciso abrir uma conta na operadora de valores, é que a Bovespa, BM&F, Bovespa bolsa de valores do Brasil, localizada em São Paulo e única do país, só autoriza transações de compra e venda de ações por intermédio das operadoras de valores que por sua vez, estão devidamente autorizadas, registradas e reconhecidas para atuar com esse setor financeiro.

Todos os investidores acionistas só podem adquirir ações ou vendê-las abrindo a conta que é seu registro como investidor para que então possa fazer as aplicações que desejar.

Recapitulando; para investir no mercado de ações, escolha uma instituição financeira registrada no BACEN responsável pela autorização da operadora que só pode atuar com o registro CVM – Comissão de Valores Mobiliários.

Investindo em Ações

Workshop 100% Online e Gratuito: Risco Zero nos Investimentos

O segundo passo é escolher quais as ações deseja investir. Aqui vamos dar uma pequena pausa antes de prosseguir.

Se for um novo investidor sem conhecimento sobre o mercado financeiro de ações, peça orientação junto corretora para obter análise técnica, comece fazendo pequenos investimentos mesmo que tenha condições de investir maior capital, vá com calma.

Continuando o segundo passo, diante da decisão quanto aos papeis em que irá investir, comunique a operadora, pode ser por telefone ou online por meio do homebroker, que é uma ferramenta enviada para o investidor, nela se faz acompanhamento do desempenho das ações, mas se tiver alguma dificuldade, pode telefonar para a corretora para efetuara compra.

O pagamento referente às ações pode ser feito via DOC ou TED do seu banco para a conta indicada pela corretora de valores.

Dica útil

Voltando a falar sobre corretora de valores, antes de abrir sua conta, peça informações sobres os custos operacionais para saber o percentual cobrado. Taxam muito elevadas não é o melhor caminho para quem estiver iniciando no mercado de ações, tente ficar com custos de percentual intermediário, ou seja; nem com taxas tão altas, nem corretoras ainda muito pequenas. Pesquise um pouco antes de decidir o ideal para o seu investimento.

ANÚNCIO