FVBI11 tem o maior dividend yield de FII da atualidade – saiba onde esse fundo investe

ANÚNCIO

Vamos resumir esse primeiro parágrafo para você entender a importância do tema: os dividendos são formas que os investidores possuem para receber mensalmente dinheiro na conta. Imagina encontrar um ativo que tem o maior dividend yield de FII. Sim, encontramos.

E não tem segredo nenhum em dizer que ele é o FVBI11, que investe no setor de lajes corporativas, tem um preço cotado atualmente em R$ 159,71 e o dividendo yield ficou em 18,78%, isso dá R$ 30 por cota, acredita? Bom, vamos com calma.

ANÚNCIO

A ideia é apresentar um pouco mais desse FII (Fundo de Investimento Imobiliário). Até mesmo porque essa é uma forma de estudar os FIIs, que são negociados na bolsa de valores e, por isso, podem sofrer oscilações os preços e nas cotas diariamente.

Os dividendos do FVBI11

E para você ver que a nossa ideia aqui não é a de ficar prolongado muito o assunto, já vamos começar por falar sobre os dividendos, que tem a ver com o dividend yield, pagos pelo FVBI11. Aliás, dividend yield é o rendimento do dividendo, ok?

Então, o último retorno por cota desse FII foi de R$ 30. É um valor incrível. Ou seja, quem tem 100 cotas desse fundo recebeu R$ 300 na conta, entendeu? Mas, não vamos ficar preço apenas a esse último valor, não é mesmo?

ANÚNCIO

Em 6 meses, o retorno por cota foi de R$ 33,18. E no ano, nós tivemos um retorno de R$ 36,55 por cota. Assim, se analisarmos o histórico, desde o início do fundo, então, a soma vai dar em R$ 86,30 e isso representa mais do que 54% do valor da cota atual.

Ah, uma curiosidade: esses valores que estão mencionando aqui são atuais. Mas, consideram a data que escrevemos o material, que foi no começo de setembro de 2020. Portanto, dependendo de quando você estiver lendo pode ser que alguns valores tenham mudado.

Os ativos do FVBI11

Parece ter ficado claro que você gostou desse FII, não é verdade? Afinal, ele teve o maior dividend yield de FII da última vez. Porém, aonde é que ele investe? Antes de responder isso, vamos analisar os ativos do fundo. Aliás, o ativo!

É isso mesmo, o FVBI11 só tem um ativo. Mas, atenção: é O ativo, viu. Estamos falando do Edifício Faria Lima, que fica na Avenida Brigadeiro Faria Lima, 4.400 em São Paulo, no bairro Vila Olímpia, sendo um dos mais valorizados do país. Ele tem de 11.055,87 m².

O legal aqui é analisar que a ocupação física, desde junho de 2019 está acima dos 90%. Mas, a partir de março de 2020 chegou a 100%. Assim, a vacância física chegou a 0% nos últimos meses. O resultado é que é um edifício rentável.

O fundo de investimento

Já vimos dois pontos muito importantes do FII: dividendos e ativos. Porém, ainda não falamos exatamente das características desse fundo. Saiba que ele é do tipo tijolo, ou seja, investe em imóvel físico, que você já sabe qual é.

Ele é direcionado para a área comercial, de escritórios. Assim, a ideia é rentabilizar o fundo através de aluguéis ou da venda. O fundo existe desde 2010 e tem um bom histórico de dividendos. Porém, sempre na casa dos R$ 0,60. Nesse último mês é que subiu para R$ 30.

Já quanto à cotação dele, saiba que atualmente está abaixo dos R$ 160. Mas, há variações. Bom, vamos explicar as cotações mais abaixo. Para esse momento é importante saber que o fundo é administrado pelo BTG Pactual.

E também é importante saber que ele tem taxa de administração de 0,17% sobre o patrimônio líquido. Os dividendos são pagos até o 5º dia útil de cada mês subsequente ao recebimento da receita e é feito de forma distribuída.

As cotações do FVBI11

Sobre as cotações, a gente precisa trazer aqui alguns detalhes. Primeiro que já falamos do preço atual: R$ 159,71. Isso foi pesquisado no início de setembro de 2020. Quando analisamos os últimos 30 dias, temos esse valor como mais alto. O mínimo foi de R$ 156, em agosto.

Já quando vamos analisar todo o histórico do fundo, afinal, não adianta só saber que esse foi o maior dividend yield de FII, a gente tem um gráfico com bastante oscilação. Assim, em 2012 o valor era de R$ 104. Depois, caiu para R$ 60 em 2014. E passou dos R$ 163 nesse ano.

Mas, esse FII vale a pena?

Por fim, a gente vai citar aqui um estudo feito pela Funds Explorer, que é focada em FIIs. Como sabemos que alguns novos investidores estão migrando da renda fixa para os FIIs, antes de irem para a compra de ações, usaremos essa comparação com a poupança.

maior dividend yield de FII

– É claro que são aplicações diferentes, de mercados diferentes. Portanto, o que temos aqui é apenas um estudo para comparar taxas e não é uma indicação de investimento. Aliás, para todo investimento que for fazer, a saída mais conveniente é estudar, ok?

Então, saiba que R$ 50 mil aplicado em 12 meses na poupança daria um resultado final em R$ 51,6 mil. Enquanto isso, no mesmo período, se fosse aplicado (os mesmos R$ 50 mil) nesse FII, considere que a soma seria de mais de R$ 71,8 mil.

Você também pode gostar de ler: TRX Real Estate (TRXF11) – saiba tudo o que é importante desse FII

Logo, isso quer dizer algo como um rendimento isento de imposto de renda de mais de R$ 11,5 mil. Incrível, não? Se quiser, você pode conferir o estudo no site do Funds Explorer também.

ANÚNCIO