15 livros de finanças para mudar sua relação com o dinheiro

ANÚNCIO

Essa será uma série de livros de finanças recomendados para todo mundo que quer aprender mais sobre dinheiro e investimentos financeiros. Algumas opções foram citadas, inclusive, por Warren Buffett.

1 – O investidor inteligente (Benjamin Graham)

Esse livros de finanças do investidor de Wall Street foi essencialmente muito importante para Buffett, já que lhe conferiu uma base intelectual para entender o mercado de investimentos.

ANÚNCIO

2 – Security Analysis (Benjamin Graham e David Dodd)

Esse também foi um livros de finanças importante no processo da formação financeira e serviu até mesmo como mapa de investimentos, no qual ele tem usado como base nas últimas 6 décadas.

3 – Extraordinários: não siga o rumo da multidão (Philip Fisher)

O livro do investidor e especialista em investimentos de empresas inovadoras, mostra uma visão diferente de Graham, já citado acima. Mas, também tem papel fundamental nos estudos de Buffett.

4 – Stress Test: reflections on financial crises (Tim Gethner)

O livros de finanças traz relatos de primeira-mão da maior crise financeira depois da Grande Depressão. Por vivenciar o cenário, o ex-secretário do Tesouro norte-americano, explica as difíceis decisões que teve que tomar para reparar o sistema.

ANÚNCIO

5 – Os ensaios de Warren Buffett: lições para investidores e administradores (Warren Buffett e Lawrence Cunningham)

É o próprio ensinamento do mestre. O professor da Universidade George Washington fez a edição da obra e construiu uma narrativa coerente a partir dos relatórios do investidor bilionário.

6 – Bussiness Adventures (John Brooks)

Esse é o livro favorito dele e trata-se de uma coleção de histórias de Wall Street.

7 – The Outsiders (William Thorndike Jr.)

O livros de finanças é uma excelente referência de CEOs que se destacaram na alocação de capitais.

8 – The Clash of the cultures (John Bogle)

A recomendação foi dada em 2012 e conta sobre os investimentos a longo prazo, que tem ganhado preferência de investidores em detrimento das especulações à curto prazo.

9 – Sonho grande (Cristiane Correa)

É um livro nacional, brasileiríssimo e narra a história de três brasileiros que fundaram a 3G Capital, uma companhia de investimentos que se uniu a Buffett na compra da HJ Heinz em 2013.

10 – Where are the customers Yachts (Fred Schwed)

É o livros de finanças mais engraça sobre investimentos.

Assim define Buffett. E a obra conta a história de um visitante de Nova Iorque que viu diversos yachts de banqueiros e brokers e se perguntou onde estavam os clientes.

Ressaltamos ainda que investir pela primeira vez é sempre um grande desafio, tal motivo faz com que a literatura financeira seja um ótimo ponto de partida, já que impulsiona boas ideias. Por que podemos afirmar isso com tanta certeza?

Porque Buffett começou a carreira de investidor lendo 1 mil páginas por dia.

11 – O homem mais rico da Babilônia (George Clason)

O homem mais rico da Babilônia é um best-seller internacional, com  mais de 2 milhões de cópias vendidas em todo o mundo que apresenta por meio de uma coleção de parábolas,  uma narrativa de como obter sucesso e fazer as melhores escolhas em todas as questões relacionadas ao dinheiro.

Essas parábolas nos transportam para a antiga Babilônia, onde viviam os homens mais ricos dos tempos antigos.

E a Babilônia era desprovida de riquezas naturais, então todas as riquezas da cidade foram construídas pelos homens.

Nesse livros de finanças tem 52 estratégias para que você possa cuidar melhor do seu dinheiro. Administrá-lo e sair das dívidas. Vale muito a pena a leitura.

12 – Pai Rico, Pai Pobre (Robert Kiyosaki e Sharon Lechter)

É um dos maiores clássicos da literatura financeira e o primeiro best-seller dos autores citados, que já totaliza mais de 30 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo.

O livros de finanças frisa a importância da inteligência financeira para solucionar os problemas corriqueiros da vida cotidiana, que acontecem todos os dias.

Entre os ensinamentos passados no livro, a obra redefine os vários sentidos da riqueza, fortalecendo a ideia de que é preciso fazer o dinheiro trabalhar para você e não o oposto.

O sucesso da obra despertou a leitura também de críticos por todo o mundo, que analisaram conselhos e as ações tomadas pelo autor, o que levou à uma infinidade de conclusões.

Ao que parece, agora, resta você ler e tirar as próprias conclusões.

13 – Os Segredos da Mente Milionária (T. Harv Eker)

Ainda não tem tanto sucesso quanto o primeiro aqui citado, mas na atualidade é um dos que mais compõe a prateleira dos leitores. É um verdadeiro clássico da atualidade.

A ideia do livro é a de permitir que o leitor enriqueça através da mudança dos seus conceitos sobre dinheiro, sendo que Harv propõe um modelo financeiro baseado em um conjunto de crenças alimentadas desde a infância até as situações que se tornam cada vez mais difícil.

Os métodos são ensinados para substituir esse aprendizado nocivo pelos modos de pensar que atualmente distinguem os ricos das pessoas não ricas.

Para isso, ele transfere meios eficientes de começar a administrar o seu dinheiro.

14 – O Investidor Inteligente (Benjamin Graham)

Para Warren Buffett, este é o “melhor livro sobre investimentos financeiros já escrito”. E aí, você vai duvidar?

Diante da referência, é muito difícil ignorar o peso da obra que foi lançada, originalmente, em 1946, como sendo um guia clássico para ganhar dinheiro na bolsa de valores.

O autor é considerado o maior consultor financeiro de investimentos do século XX, alcançando a marca de um milhão de cópias vendidas, mostrando que todo investidor inteligente precisa combinar sua educação financeira a fatores como conhecimento de mercado e a visão de longo prazo.

15 – O Poder do Hábito (Charles Duhigg)

É de extrema importância para mudar os nossos hábitos perante as finanças.

O livros de finanças traz á tona o impacto dos comportamentos para uma infinidade de setores da vida cotidiana sob a reflexão: “Por que fazemos o que fazemos na vida e nos negócios”.

O poder do hábito reforça a necessidade de mudar, constantemente, para que os objetivos possam ser alcançados. Afinal, ao modificar os padrões, todas as pessoas ganham liberdade e a responsabilidade em começar a traçar o seu caminho.

Comece pelo mais Simples: E-book da Renda Fixa

Se você ainda tem dúvidas sobre o mercado financeiro ou não tem o dinheiro para investir nisso agora, pode começar pelo mais simples, pelo que é gratuito.

Aqui na Trovó Academy divulgamos um e-book totalmente gratuito e que fala de forma muito simplificada sobre o mercado inicial na hora de investir dinheiro – os títulos da renda fixa.

Se você tem interesse, saiba que realmente não tem nenhum custo, basta fazer o cadastro no link abaixo e solicitar ou clicar neste link.

Se você ainda acha que ler não é importante…

Confira o que está no site objetivamente:

O sr. W. Buffett não se tornou o maior investidor do mundo por acaso, mas sim com muita dedicação e sede de conhecimento.

Em uma palestra da empresa dele (Berkshire Hathaway), Buffett disse que é preciso ler qualquer coisa que tiver pela frente, para absorver tudo e nunca parar de aprender. “Seja uma esponja”.

Buffet estima passar cerca de 80% do seu tempo, dedicado ao trabalho, lendo ou pensando. E você ainda acredita estar lendo o suficiente?

Outra pessoa que fez um pouquinho de sucesso é o Bill Gates, fundador da Microsoft e agora da Gates e Melinda Foundation, que além de ser amigo do Buffett é também um grande apaixonado por livros.

Muitos anos atrás, ao perguntarem para ele se daria um computador aos próprios filhos, ele respondeu: “É claro que darei computadores aos meus filhos, mas antes darei livros.”

Da redação com informações do youtube

ANÚNCIO