Conheça 7 coisas importantes sobre investir no BTG Pactual

Você sabia que existem detalhes importantes de serem analisados na hora de investir no BTG Pactual? Isso vale, inclusive, para outras corretoras de valores. Só que hoje o assunto é focado no BTG, que é um banco de investimentos muito diferenciado no país.

Abaixo, nós temos 7 dicas importantes para quem está estudando abrir contas em corretoras de valores e acabou cogitando o banco BTG também. Continue lendo para saber mais sobre essa instituição financeira e sobre as vantagens que ela pode trazer.

Conheça 7 coisas importantes sobre investir no BTG Pactual

São dicas valiosas, especialmente, para quem é um investidor novo ou para quem quer começar a ganhar dinheiro com ativos. O BTG é um banco que permite isso ao investidor, sendo que funciona como uma corretora de valores, nesse caso.

Saiba por que as pessoas estão buscando os investimentos na BTG e como abrir uma conta nesse banco.

1 – O que é o BTG Pactual

O BTG Pactual é um banco de investimento, sendo considerado o maior do país. A instituição existe desde 1983, sendo que em 2006 foi comprado pelo UBS, o maior banco Suíço. Mais tarde, em 2009, nasceu o BTG Pactual.

Hoje em dia ele fica sediado em São Paulo e tem uma plataforma de investimentos online. Dessa forma, o grupo tem títulos que são emitidos pelo próprio banco, além de outros ativos.

Isso é importante para quem está pensando em investir no BTG Pactual. Isso porque o BTG online é exatamente como uma corretora de valores, que é segura, confiável e vista o melhor atendimento para o cliente.

2 – Como abrir a conta BTG

Outro detalhe para saber sobre o banco BTG é sobre como abrir a conta lá. Saiba que o processo é todo online, assim sendo, o primeiro passo é baixar o aplicativo gratuito e começar o processo cadastral.

Ao criar a nova conta, saiba que é preciso tirar uma selfie e enviar os documentos que são solicitados. Tudo pelo celular mesmo. O próximo passo é aguardar a análise do pedido que foi feito. Em alguns casos, como em casos de negativação do nome, pode haver a reprova.

Os documentos solicitados são: RG, comprovantes, dados bancários, entre outros.

3 – Como fazer o depósito no BTG

Após a conta aberta, o próximo passo é justamente fazer o depósito na conta BTG. Isso vai ser importante, também, para investir no BTG Pactual. Assim sendo, considere que a transferência tem que ser feita via DOC ou TED.

Um detalhe de se observar é que as transferências têm que ser feitas entre contas do mesmo titular. E mesmo que seja um banco, saiba que é focado em investimentos. Assim sendo, não dá para pagar contas e nem boletos.

Existe sim uma ideia do banco BTG de tornar no futuro as contas de investimentos como contas correntes também. Assim, o cliente poderá fazer tudo por ela. Mas, por enquanto isso não é uma realidade, ok?

4 – Quais os produtos do BTG

Diferente de um banco tradicional, os produtos financeiros que podem ser acessados pelo BTG Pactual são vários e de diferentes instituições. Assim sendo, na renda fixa tem LCI, CDB, LCA, Debêntures e até mesmo a Letra Financeira.

Além disso, tem a previdência privada (PGBL e VGBL), além dos fundos de investimentos. Eles são da renda fixa, das ações, do multimercado, de câmbios, de imóveis e outros. Já na renda variável tem o aluguel de ações, mercado à vista, mercado futuro, etc.

Conheça 2 fundos de previdência para a aposentadoria da BTG Pactual

5 – Os custos da BTG Pactual

O banco BTG Pactual tem preços diferenciados para o investidor que faz aplicações. Só que a grande notícia é que esse banco permite várias taxas gratuitas para ativos. Assim sendo, as taxas que existem são cobradas com base no que é precificado no mercado.

Para não correr riscos de perda, saiba que o BTG Pactual não cobra taxas para a abertura de contas, nem para TEDs e nem mesmo de custódia. A custódia é isenta para a renda fixa, para o Tesouro Direto, para os fundos de investimento e até mesmo para o COE ou renda variável.

Agora, saiba que mesmo assim os fundos, por exemplo, podem ter taxas, como a de performance. Outra coisa é que o Tesouro Direto tem taxa de custódia, que é de 0,25% sobre a B3, Bolsa de Valores.

6 – Quais as vantagens da BTG

Uma das vantagens que precisam ser consideradas aqui é que o banco BTG Pactual tem crescido muito nos últimos anos. Assim sendo, hoje possui uma grande gama de produtos e de opções de ativos para os mais variados perfis de clientes.

Assim sendo, quem vai investir no banco BTG Pactual tem que estudar essa melhoria. Outra coisa é que a taxa de corretagem é regressiva, por isso, quanto mais se investe, menos se paga. O que acaba minimizando o custo da corretagem.

Mais um benefício é que, de modo geral, como está na internet, os clientes costumam elogiar o atendimento da BTG Pactual. Especialmente, o atendimento online, que pode ser feito em qualquer hora do dia.

Conheça 7 coisas importantes sobre investir no BTG Pactual

7 – O banco BTG é confiável

O banco BTG é considerado confiável. Mesmo porque é regulamentado pelo Banco Central, Comissão de Valores Mobiliários e também pela B3, que é a Bolsa de Valores do Brasil. Ele também é aderente do código da Anbima. E tem o selo CETIP Certifica também.

Isso tudo é o que faz com que muita gente tenha o interesse em investir no BTG Pactual.