Siga essas 3 dicas para investir mensalmente no Tesouro Direto

ANÚNCIO

Já falamos aqui, por diversas vezes, que há inúmeras vantagens em investir no Tesouro Direto. Mas, sem dúvidas, uma delas é o fato de ser um investimento seguro. Por outro lado, muita gente não consegue focar nisso. Por isso, hoje temos 3 dicas para investir mensalmente no Tesouro Direto. Bora lá conhecer!

E saiba que estamos falando de um produto financeiro que é do governo e permite aportes a partir dos R$ 35. Ou seja, dizer que você ganha pouco ou que não sobra dinheiro no fim do mês para fazer isso não é uma boa desculpa. Está bem? Aliás, tem alguns segredos que podem te ajudar com isso.

ANÚNCIO

São segredos que nem são tão segredos assim porque todo mundo sabe. Porém, nem todos conseguem ver a importância de fazer isso mês a mês. E para fechar essa introdução, saiba que não estamos considerando aqui o valor que você vai investir mensalmente e sim a frequência com que fará isso.

1 – A META

Se há um segredo inicial é saber que ter uma meta faz toda a diferença. Então, pergunte-se e responsa a si mesmo: para quê ou por que você está fazendo esse investimento no Tesouro? É preciso ter uma resposta. Independente de qual seja, é preciso a resposta.

A ideia de ter uma meta faz sentido porque isso vai fazer você pensar nesse objetivo todas as vezes que for gastar dinheiro sem consciência. Mais do que isso, é importante porque vai ser motivador para você quando chegar lá.

ANÚNCIO

Então, só aqui a gente já vê duas vantagens de ter a meta: a motivação e a realização. E sobre a meta, considere que essa resposta é pessoal e individual. No entanto, geralmente, a gente vê algo como viajar com a família, trocar de carro, se aposentar bem ou abrir o próprio negócio.

Agora, se você não tem uma meta definida ainda é hora de começar. Mas, se você também não quer pensar nisso agora porque a sua vida pessoa está um pouco “bagunçada”, saiba que a dica é você ter o foco de pensar que não vai dar para trabalhar para o resto da vida, né.

2 – O PLANEJAMENTO

Essa segunda parte talvez seja a mais importante de todas – até mesmo que a dica anterior. Afinal, ter a meta é algo simples, fácil e que todo mundo já tem desenhado na cabeça. Viagens, compras, aposentadoria, etc. Agora, como você vai chegar lá é que pega.

Então, para investir mensalmente no Tesouro Direto você tem que ter a meta e tem que saber o caminho. Esse caminho nós chamamos de planejamento, ok? O planejamento aqui vai incluir o seu controle de gastos, mas não somente isso. Também é preciso pensar em outros pontos.

Se a gente puder resumir esse tópico, a gente tem: gaste menos do que ganha e depois separe uma parte do salário para investimentos. Uma boa ideia é você pensar na meta e no valor que ela precisa ter para dar certo. Depois, você terá uma ideia do quanto investir mês a mês.

Outra dica importante: não espere sobrar dinheiro no fim do mês para isso. Assim que receber, pegue o seu salário e tire a parte do investimento e invista. Simples assim. Para quem nunca fez isso antes, uma boa dica é começar com 3% do salário. O ideal é chegar em 20%.

3 – A META

Ué, mas nós já falamos da meta, não é mesmo? Sim, mas esse é um ciclo que se repete e é importante para você ter essa regularidade nos investimentos. Sendo assim, saiba que sempre é preciso ter uma nova meta para continuar investindo dinheiro no Tesouro ou outro ativo.

Por exemplo, você tinha a meta de trocar de carro em 5 anos e para isso começou a investir mês a mês no Tesouro Prefixado. Ótimo, em 5 anos você bateu a meta. Agora, o que fará? É preciso ter uma próxima meta, que pode ser comprar a casa, a moto, fazer viagens, etc.

É legal que você entenda que a meta não tem que ser a sua obrigação e sim a sua motivação diária para investimentos. Porque se assim não for, então, você vai acabar gastando o seu salário com algo que não é, assim, tão importante.

Como diz Lewis Carroll: “para quem não sabe onde vai, qualquer caminho serve”. Logo, o seu caminho é o planejamento e o seu destino será sempre a sua meta, combinado? E sobre metas, temos um bônus abaixo, leia.

Bônus – como criar uma meta financeira de sucesso

Na hora de pensar na sua meta, apenas dizer “quero fazer uma viagem” ou “quer ficar rico na aposentadoria” é algo vago demais. A recomendação é que se tenha um objetivo mais bem-traçado, com datas, prazos, valores, etc.

investir mensalmente no Tesouro Direto

E se você não sabe por onde começar, tudo bem, a gente tem uma boa ideia. Aqui no blog já falamos, em um artigo, sobre como calcular metas financeiras para diferentes prazos. A gente também tem algumas dicas de quais metas você poderá estabelecer para a sua vida.

Então, separamos os principais artigos que falam disso, leia:

A ideia é que esse tópico seja complementar para você, que agora já sabe como investir mensalmente no Tesouro Direto. Até mesmo porque, com a Selic baixa ou alta, esse continua sendo o ativo mais seguro que nós temos no mercado de investimentos.

ANÚNCIO