Os 10 investimentos financeiros mais rentáveis para 2018

ANÚNCIO

O ano está só no começo e você tem uma chance incrível de mudar de vida radicalmente. Isso pode ser feito de várias formas – inclusive, optando pelos investimentos financeiros mais rentáveis para este ano. Quer saber quais são eles? Leia o artigo completo!

Bom, a questão vai muito além de selecionar os vários tipos de aplicações financeiras que existem no mercado e selecionar aquelas que têm bons rendimentos. Não é só disso que se trata uma boa escolha.

ANÚNCIO

Depois de ler este texto e descobrir, enfim, os investimentos financeiros mais rentáveis do ano, você vai precisar seguir algumas regras – que são fáceis e simples. Por isso, já vamos adiantar o assunto.

Confira abaixo alguns tópicos curtos e tente memoriza-los para os 12 meses deste ano. Se você achar que não vai conseguir executar algum deles, saiba que suas chances de mudar de vida ficará um pouco mais distante.

Por que, nunca se esqueça: ganhar dinheiro no mercado financeiro vai além de simplesmente escolher alguma aplicação financeira. Se fosse assim, as pessoas que deixam dinheiro guardado na poupança estariam ricas, mas isso verdadeiramente não acontece.

ANÚNCIO

TENHA UM PLANO

Antes de separar o seu dinheiro para investir, você tem que organizar tudinho que tem a ver com as suas finanças, afinal, não dá para querer ganhar dinheiro se você nem sabe quanto vai poder aplicar mensalmente.

Você já pensou em quais são os investimentos financeiros a curto prazo que melhor se adequam ao seu perfil hoje em dia? Reflexões como essas são importantes para quem tem um plano em mente.

E o plano nada mais é do que ter um controle financeiro ajustado a sua realidade e objetivos para serem alcançados. Liste tudo o que você mais quer nessa vida e neste ano e, a partir disso, encontre o seu melhor caminho.

Lembre-se: prazos são importantes, assim como escolher metas alcançáveis – nada de coisas impossíveis, tá bom?

Apenas para você entender do que estamos falando, uma boa meta para 2018 seria: quitar as dívidas acumuladas até o final do ano. Para isso, calcule quanto você precisa pagar e como o seu credor vai te ajudar a parcelar esse débito.

FAÇA COISAS DIFERENTES

Se você contraiu dívidas é porque fez algo que não foi positivo para o seu bolso. Portanto, aprenda com os erros e, mais do que isso, faça coisas diferentes. Você não vai ter resultado diferente se continuar fazendo coisas iguais, está bem?

Sair da sua zona de conforto não quer dizer que você tenha que vender todos os itens que tem em casa e investir na bolsa de valores, nada disso. Sair da zona de conforto é o mesmo que inovar, criar, ver as oportunidades e agarrá-las.6

O mais importante de tudo é você sair do comodismo. Porque se continuar sentado no sofá vendo TV, o dinheiro não vai cair do céu. Ponha a mão na busca e busque as oportunidades do mercado (ao invés de esperar elas caírem no seu colo).

Quer ver uma mudança que é muito simples e gera excelentes resultados financeiros? Sair da poupança e ir para uma opção da renda fixa. Isso nem é uma mudança tão drástica, mas os resultados são diferentes sim – bem melhores.

A caderneta pode ter suas vantagens sim, mas não se compara aos investimentos financeiros mais rentáveis do qual vamos citar neste artigo.

NUNCA PARE DE ESTUDAR

Se ontem comprar imóveis para ganhar dinheiro era uma opção financeiramente positiva, saiba que hoje existem alguns investimentos financeiros mais rentáveis do que simplesmente aplicar no mercado imobiliário.

A educação financeira é uma pauta em falha no Brasil, isso é verdade. Só que, ao mesmo tempo, não deve ser motivo para você se esconder das suas responsabilidades – não!

Saia do efeito manada e nada contra a maré – você terá respostas diferentes do que as pessoas têm.

Conheça o tesouro direto, as corretoras de valores, fundos de investimentos, mercado de ações, bolsa de valores de outros países, ouro, dólar, renda fixa, variável, câmbio… Estude! Você tem que entender como uma aplicação financeira funciona de verdade.

O ano pode ser de mudanças, se você quiser, está bem?

SE ORIENTE COM O QUE ACONTECE NO MERCADO

Se Donald Trump assumiu a presidência dos Estados Unidos, é obvio que algo vai acontecer. Se Reforma da Previdência for aprovada, algo também vai mudar. Neste ano, temos eleições presidenciais por aqui, temos variações no dólar, na renda fixa, Selic.

Todo tipo de notícia como essa tem que ser importante para você observar como pode ficar as suas aplicações porque isso vai alterar quais são os investimentos financeiros mais rentáveis do momento.

Entenda que o mercado financeiro não é fixo e sim flexível. Ele se adapta às mudanças da economia. Portanto, essa é uma boa dica!

DESCUBRA O SEU PERFIL

Se você ainda não sabe qual é o seu perfil para investimentos, melhor ver o vídeo abaixo – é rapidinho!

Em resumo, podemos destacar os 3 principais – entenda por que isso será importante para quando formos falar nos investimentos financeiros rentáveis para 2018!

I – Conservadores

São investidores que querem proteger os seus patrimônio do ano. Em geral, neste caso, houve-se falar muito em títulos pós-fixado. Eles são formados por CDBs longos que podem render até 120% do CDI.

II – Moderados

São investidores que querem proteger os patrimônios, mas não ficam satisfeitos com as rentabilidades proporcionados por alguns ativos. Ao mesmo tempo, eles não ousam ir para a renda variável. Ficam no meio termo.

Geralmente, optam por fundos multimercados.

III – Agressivos

São pessoas que querem ganhar dinheiro rápido e aplicam, especialmente, na bolsa de valores brasileira. Para isso, existem muitas técnicas e só tem vantagem aqueles investidores que estudam muito esse mercado de ações.

Os 10 investimentos financeiros mais rentáveis para 2018

A lista é grande sim, ao todo são 15 os investimentos mais rentáveis para 2018 que separamos para você e isso prova uma coisa importante: a sua melhor saída é diversificar as aplicações.

Especialmente para quem está buscando investimentos financeiros para iniciantes, atente-se ao fato de que no começo, com pouco patrimônio acumulado, essa diversificação será praticamente impossível.

Mas, com o tempo ela se torna viável e totalmente indicada. O grande lance é sacar qual é o seu perfil para investir e criar uma estratégia de ganhos.

Na prática, isso quer dizer que mesmo que você tenha muito dinheiro não deve aplicar tudo na renda variável – uma pequena parte precisa, obrigatoriamente, estar na renda fixa para garantir que seus investimentos financeiros sejam mais rentáveis do que poderia.

E, como visto nos tópicos acima, isso é importante neste ano, que pode ter varias variações na economia nacional e internacional.

Vamos à lista:

1 – Tesouro direto Selic

É indicado especialmente para quem tem perfil conservador e quer manter a liquidez em 2018.

Isso quer dizer que você que está pensando em juntar dinheiro para comprar algum bem neste ano (como carros e casas) pode optar pelo tesouro Selic para ganhar dinheiro – ao invés da poupança.

A caderneta, apesar de antiga e mais fácil, tem uma rentabilidade muito baixa, o que não vai te fazer ganhar dinheiro algum.

Apenas poupar. Se estamos falando em investimentos financeiros mais rentáveis em 2018 para quem quer liquidez, temos que falar do tesouro Selic.

“A Selic já caiu tanto que, provavelmente, estamos no final do ciclo de queda. Pode ser que ela permaneça baixa ou que, ao final de 2018, aumente novamente. Eu diria que é um investimento para alocar até 45% do patrimônio”, aconselha José Santos, da FEA/USP.

2 – Tesouro direto IPCA

É a mesma ideia de cima – para quem tem perfil conservador e quer ganhar mais dinheiro do que ganha na poupança.

A grande diferença aqui é que a pessoa não conta com a liquidez diária, como na Selic.

Portanto, o IPCA está os investimentos financeiros mais rentáveis de 2018 para quem quer ganhar da poupança e não se preocupa com a liquidez.

“Se o investidor tiver perfil conservador, pode deixar tudo no Selic. Mas, se quiser diversificar mais, pode aplicar no tesouro IPCA+. Via de regra, quando você considera a rentabilidade e subtrai as despesas, eles são mais econômicos”.

A frase acima é de Silvio Paixão, da Faculdade FIPECAFI.

3 – Letra de Crédito do Agronegócio ou Letra de Crédito Imobiliário

A LCI e a LCA é outro título da renda fixa chamado de conservador – ou seja, a chance de perda do dinheiro e dos juros é praticamente mínima. Esses ativos pagam um percentual da taxa CDI, que sempre fica próxima à Selic.

É como o tesouro Selic que falamos acima, com a diferença é que é emitido pelos bancos e tem fins característicos (podendo ser para o agronegócio ou setor de imóveis).

Por ser privado, o título não é garantido pelo governo, mas conta com o FGC (Fundo Garantidor de Crédito), para aplicações de até 250 mil reais.

O que faz uma LCI ou LCA poder ser mais vantajosa do que um tesouro Selic e ser considerado um dos investimentos financeiros mais rentáveis para 2018? O fato de ser isento do Imposto de Renda.

“Porém, eles apenas são interessantes se a rentabilidade estiver em torno de 90% do CDI. Abaixo disso, o tesouro direto acaba sendo mais vantajoso”, diz Santos.

Isso quer dizer que o investidor que optar por esse ativo não precisa sofrer a incidência do Leão. Mas, isso não garante que ele seja melhor do que o tesouro. A grande sacada é fazer comparações.

E, para além do mais, essa opção é um pouco mais cara e não se destina, especialmente, como um dos investimentos financeiros para iniciantes mais acessíveis do mercado. Normalmente, o valor inicial para ingressar no ativo é de 20 mil reais.

4 – CDB (Certificado de Depósito Bancário)

É outra opção super indicada para os conservadores.

Eles são ditos como “primos” da LCI e LCA, mas com diferenças: tem incidência do imposto de renda e rendem com a taxa CDI. Muitas vezes, não tem também a cobrança de taxas administrativas – o que é bom para os investidores iniciantes.

Também é um ativo do banco, mas sem estar voltado para alguma área especifica. O que se sabe é que as instituições usam esses valores para financiar seus próprios projetos – como emprestar dinheiro aos seus clientes através de créditos.

Também está entre os investimentos financeiros mais rentáveis para 2018 para pessoas que querem manter a segurança dos seus recursos.

A dica final é optar pelos bancos pequenos e médios que tem a mesma garantia do FGC, mas por serem menores oferecem melhores taxas. Faça as contas e comprove!

5 – LC (Letras de Câmbio)

Não confunda com as LCI e LCA, ok?

As letras de câmbio são opções mais rentáveis de todas citadas até aqui porque é muito comum que paguem quase sempre acima do 100% do CDI.

No entanto, o cuidado está em verificar se a instituição que oferece o ativo tem carência.

6 – Debêntures

  • As debêntures são investimentos financeiros a curto prazo? Não.
  • São para iniciantes? Também não.
  • São conservadores? Mais ou menos.

Então, o que são as debêntures?

Esses são ativos ainda pouco conhecidos e usados no Brasil. Eles são chamados também de dívidas públicas das empresas. Então, suponha que uma grande empresa queira conseguir crédito mais barato do que no banco… O que ela faz? Uma debênture.

É aqui a questão é justamente essa: apesar de ser um dos investimentos financeiros mais rentáveis para este ano, ele não é recomendável para quem quer ter um ativo conservador.

São várias as características desse título: são isentos de IR, tem rentabilidades melhores do que as citadas aqui até agora e é um crédito privado de título de crédito.

“Com a economia deve se recuperar ano que vem, mesmo que lentamente, as empresas devem oferecer papéis com juros mais convidativos. É uma boa oportunidade de investimento para médio e longo prazo”, diz Santos.

O que é preciso analisar na hora de comprar uma debênture?

Primeiro: a instituição que está oferecendo (ela precisa ser muito confiável mesmo) e, depois: não é um dos investimentos financeiros a curto prazo mais recomendáveis, justamente por ser de longo prazo.

7 – CRI (Certificados de Recebíveis Imobiliários)

É para quem já tem uma carteira de investimentos montada. A CRI é para a diversificação dessa carteira, levando em conta que não é garantida pelo FGC, apesar de ter boa rentabilidade.

Os 10 investimentos financeiros mais rentáveis para 2018
Reprodução: Google

8 – Ações com bons dividendos

Dividendos, se é iniciante, são os juros pagos pelas empresas aos seus acionistas. Bom, suponha que você tenha ações na Petrobras. Durante o ano, se ela teve lucro, pode pegar uma parte dele e dividir aos seus acionistas como forma de agradecimento ou incentivo.

Isso são dividendos e, geralmente, eles representam ótimos ganhos em períodos de juros baixos, como o qual estamos vivendo.

Logo, as ações com dividendos estão entre os investimentos financeiros mais rentáveis para 2018 – com a ressalva de ser indicada para quem ter perfil agressivo ao risco, justamente por estar na bolsa de valores.

A dica: “o Brasil já está há mais de 2 anos sem grandes investimentos em infraestrutura e, caso a economia realmente se recupere, a tendência é que projetos governamentais sejam desengavetados, beneficiando as empresas desses setores”, diz Santos.

9 – Fundos imobiliários

Essa é uma excelente opção – ainda mais para quem acha que ter um imóvel para alugar é um bom negócio. E por que essa é uma opção que está entre os investimentos financeiros mais rentáveis do ano?

São vários os motivos: tem valores de aplicação inicial baixos e tem vantagens frente ao imóvel físico, como não ter problema com a liquidez, com o mercado de oferta e procura, com inquilinos, com IPTU, entre outros.

O cuidado é para a cobrança das taxas administrativas, que podem corroer as aplicações.

E, entenda que esse fundo não é como aqueles emitidos pelos bancos, mesmo porque eles estão na bolsa de valores e toda negociação é feita por lá.

10 – Fundos multimercados

Esses sim são fundos emitidos pelos bancos e também estão entre os investimentos financeiros mais rentáveis para 2018.

Isso porque eles têm liquidez diária, são ótimos para diversificar a carteira de ativos e, geralmente, tem taxas administrativas menores do que os outros fundos.

Ainda assim, isso requer cuidado!

“Investidores com perfil mais moderado, que podem arriscar um pouco mais, podem optar pelos fundos multimercados. Apenas cuide para que a taxa de administração seja superior a 1% para não prejudicar os rendimentos”, avalia Paixão.

Curiosidade – o Bitcoin não é um dos investimentos mais rentáveis em 2018?

Pode até ser que sim, mas não fomos ousados a ponto de tocar nesse assunto.

O fato é que ganhar dinheiro com o bitcoin ainda é um incógnita para muitas pessoas – e é por isso que não listamos como um dos investimentos financeiros mais rentáveis para 2018.

A ideia da moeda virtual está se popularizando na internet, mas ainda não conseguiu ser consistente a ponto de ser indicada por nós. Especialmente se compararmos os ativos mais antigos e conhecidos, como a renda fixa e a renda variável.

A cada dia as pessoas estão apostando no que é chamado de criptomoeda. Essa é uma verdade, mas com a ideia de livre mercado, isso se torna algo tênue.

Ainda que acreditamos que quanto mais livres dos bancos estivermos, melhor será!

Basicamente, o bitcoin é um programa de código-aberto presente compartilhado por redes com vários computadores conectados. Ele foi criado por Satoshi Nakamoto. E está espalhado na rede.

Nakamoto criou 21 milhões de bitcoins e até hoje foram encontrados 11,7 milhões.

A ideia, assim sendo, é de mineração.

A polêmica começa aí mesmo. Para o presidente da JP Morgan, por exemplo, isso se trata de uma grande fraude. Mas, há sim quem discorde.

As previsões indicam que o investidor vai precisar pensar com carinho sobre o tema.

E quanto a nós, nada de conselhos sobre isso, o fato é que justamente por essa inconsistência não indicamos como um dos investimentos financeiros mais rentáveis para 2018.

Como escolher o investimento financeiro mais rentável para você?

Não há muito segredo, se não: estudar a sua situação atual e ver quais os desafios estarão a frente neste ano.

Um fato é o de que você tem que investir e outro diz que você não pode criar dívidas. Logo, é possível manter os dois contextos ao mesmo tempo. Para isso, avalie sua realidade financeira.

A ideia deste artigo foi a justamente de mostrar como é possível escolher aplicações financeiras sem ficar totalmente exposto ao risco. Existem muitos ativos, tanto da renda fixa quanto da variável, para se adequar a sua necessidade.

O que você não deve é cair na besteira de ouvir apenas o que os “grandes especialistas financeiros chamados gerentes de bancos” dizem. Vá além: estude mais.

Há títulos do tesouro que são muito indicados, assim como os bancários e da bolsa de valores.

Pare com essa bobagem de achar que só quem tem dinheiro pode ganhar dinheiro ainda mais. Deixe esse mito para trás.

Ao mesmo tempo: nunca invista em algo que você não conheça. Faça valer sua experiência e seus conhecimentos.

Ah, e se você acha que investir dinheiro não vale a pena, fica aqui mais uma informação importante:

– com a queda da taxa Selic, a caderneta da poupança voltou a ser um pouco mais rentável, mas isso não significa que ela seja melhor do que a renda fixa de outros ativos.

E dificilmente ela estará entre os investimentos financeiros mais rentáveis de 2018.

Lembrando que quando o índice está abaixo de 8,5% (como agora), a lei diz que ela pagará apenas 70% do valor total da Selic somada a TR (Taxa Referencial).

Para nunca errar, estude, faça as contas e comece a aplicar hoje!

Da redação com informações da organize, rico, euqueroinvestir e uol

ANÚNCIO