Reconheça esses 5 gastos que podem ser cortados da sua vida ainda este ano

ANÚNCIO

Você já ouviu falar sobre os gastos invisíveis? Eles são aqueles que temos e nem notamos. São como fantasmas mesmo, sabe? Bom, aqui a gente vai mencionar 5 desses gastos que podem ser cortados e que não farão falta para você.

Antes de começar com a lista, leve em conta que esse texto pode ter uma variação de pessoa para pessoa. Afinal, cada um de nós tem um gosto, uma particularidade. Porém, de um modo geral, as dicas valem para a maioria das pessoas.

ANÚNCIO

1 – Os juros, as taxas e as multas

A gente não poderia começar essa lista de gastos que podem ser cortados sem falar desse tema. Ah, só para começarmos, considere alguns deles na sua vida. Geralmente, a conta do banco fica em 12 parcelas de R$ 30. A do cartão em 12 de R$ 10.

Depois, se você atrasa no pagamento das contas tem as multas e encargos, também.

Enfim, ao menos, uns R$ 500 você acaba gastando com isso, né? A boa notícia é que atualmente dá para evitar tudo isso. Por exemplo, temos opções de contas digitais gratuitas e cartões sem anuidade. Pronto, só aqui você já zerou boas e muitas taxas.

ANÚNCIO

Do lado das multas, aí é questão de organização financeira, né: não dá para atrasar.

2 – O combo da TV por assinatura

O próximo vilão que temos aqui é sobre os combos de TV por assinatura. Geralmente, as empresas fazem algumas promoções bem “malucas”. Vamos supor um exemplo hipotético aqui para você entender.

Você quer pegar um plano de TV com um determinado número de canais. Isso ficaria R$ 200. Mas, se você pegar junto o telefone e a internet, esse pacote de canais cai para R$ 150. Só que a gente tem que somar R$ 20 do telefone e mais R$ 100 da internet.

Assim, você acaba achando justo. Afinal, parece que compensa, não é mesmo? Mas, se a gente somar tudo, a conta que era de R$ 200 vai ficar em R$ 270. “Ah, mas agora eu tenho 3 serviços”. Isso é verdade. Mas, a pergunta certa é: o quanto desses serviços você usa?

Aqui não tem resposta certa. Cada pessoa tem um consumo, um uso. Você só tem que avaliar.

3 – Os remédios com “efeitos colaterais”

Esse tema é polêmico. Mas, vamos lá. A gente não é especialista em saúde, ok? Mas, a gente tem que dizer que há remédios que possuem efeito colateral muito visível. Quer um exemplo claro e clássico? Aqueles para emagrecer.

Eles funcionam? Sim. Só que o processo de emagrecimento, na maioria das vezes, tem mais a ver com atividades físicas e alimentação do que propriamente com necessidades de medicamentos. Obviamente, há exceções à essa regra, ok?

O que a gente quer dizer é que você só vai gastar dinheiro à toa com isso. O motivo? Você vai voltar a engordar quando parar o remédio. E isso se não começar a mudar o estilo de vida. Portanto, existem alguns casos que tem “efeitos colaterais”, como esse exemplo.

Então, a pergunta é: o quanto de dinheiro à toa você está gastando com isso?

4 – O plano da academia, que é anual

Aqui a gente não vai se alongar muito. Mas, entenda que também pode ser um dos gastos que podem ser cortados. O motivo é simples: você vai todos os meses na academia? Pode ser que sim. Mas, a maioria das pessoas vai dizer que não.

Então, por que você paga o plano anual? Porque a mensalidade sai mais barata, né. No entanto, a gente vai indicar para você que faça as contas exatas para saber sobre isso. É claro que, com a pandemia, muitas academias fazem promoção.

No entanto, se estamos falando sobre pagar e não ir, então, o dinheiro é gasto à toa, também. Inclusive, para quem está começando nessa vida mais saudável, uma boa ideia é pensar em fazer exercícios ao ar livre, que além de tudo são gratuitos.

5 – O café na padaria todo santo dia

A gente usou a palavra “café” porque essa é uma das bebidas mais conhecidas e mais apreciadas no Brasil. No entanto, isso também vale para o seu “almoço” ou para a “pizza” de todo sábado. O conceito é um só: comer fora de casa é mais caro.

E isso não quer dizer que você tenha que passar vontade, ok? Mas, será que existe alguma necessidade de que isso aconteça todos os dias? Sem contar que, geralmente, quando comemos em casa sabemos a procedência dos alimentos.

Isso não quer dizer que a comida do restaurante é ruim. No entanto, fazer em casa permite a você criar cardápios do seu gosto, variando mais e, para arrematar a ideia, isso ainda é mais econômico. Logo, é uma boa medida para começar a economizar nos próximos dias. Assim, a gente termina a lista dos gastos que podem ser cortados.

gastos que podem ser cortados

Sobre as contas digitais

No tópico número 1, a gente mencionou as contas digitais. Mas, nem todo mundo sabe como escolher uma delas atualmente. Por isso, a gente vai recomendar a leitura de um artigo que fizemos recentemente.

Nele a gente cita os 3 primeiros passos para quem quer escolher uma nova conta digital e começar a economizar um dinheirão com taxas de serviços. Para começo de conversa, saiba que a gente fala sobre os benefícios delas, como cartões sem anuidade e TEDs gratuitas.

Quer conhecer mais? Então, anote aí essa matéria para você ler mais tarde: “Saiba como escolher uma das novas contas digitais em 3 passos”.

ANÚNCIO