Conheça 6 opções de franquias para trabalhar sozinho

ANÚNCIO

Talvez você ainda não tenha ouvido falar sobre uma franquia home based. Mas, é bem possível que já tenha considerado encontrar algumas franquias para trabalhar sozinho, não é mesmo? Então, saiba que uma home based permite isso.

A ideia vem do home office. Nesse caso, a pessoa é contratada pela empresa e pode trabalhar de casa. No caso da home based, o que temos é uma franquia que permite ao empreendedor trabalhar de casa – e sozinho.

ANÚNCIO

A ideia deste conteúdo é que você considere algumas opções disponíveis no mercado brasileiro para quem quer exatamente isso: ser dono do próprio negócio e trabalhar de casa. Interessante, não? Vamos lá!

1 – TFLOW

A marca de roupas TFlow tem sido uma das mais pesquisadas e mais agradáveis pelos franqueados que querem levar a unidade para vários lugares. Inclusive, para dentro de casa.

A marca ganhou destaque depois que foi comentada por vários artistas musicais sertanejos. Por exemplo, Jorge & Matheus, Xandy Avião, Luan Santana, Fernando e Sorocaba, que já vestem a marca.

ANÚNCIO

Basicamente, essa é uma franquia que se destina a quem deseja complementar a renda mensal. Mas, também aos que desejam empreender, porém possuem pouco investimento.

Veja o que diz o presidente da marca, Luã Vignoli. “Há oportunidade de crescimento dentro da própria franquia, inclusive alguns franqueados que começaram com o modelo bag expositora depois adquiriram o modelo quiosque”.

2 – BRECHÓ AGORA É MEU

Já imaginou levar um brechó que permite os clientes ver tudo dentro de uma uma bag? Essa é a ideia do Brechó Agora é Meu. É a BrechóBag. Atualmente, marca possui um rigoroso processo de curadoria das peças, que saem lavadas e prontas para vestir.

Assim, também é uma das opções de franquias para trabalhar sozinho. Inclusive, tem os diferenciais de ser prática e acessível. Sendo que para se tornar um franqueado, o primeiro passo é se tornar um Microempreendedor Individual (MEI).

Siomara Leite é a sócia-diretora e fala sobre isso. “Com a BrechóBag é possível se deslocar com facilidade, indo de locais inusitados, como escolas, clubes e vizinhos, até locais mais distantes, como outras cidades e estados”.

Sem contar que a ideia de brechó está em alta. Para isso, o empreendedor deve sempre ter as roupas no estilo “boutique”, já que elas podem servir para montar vários looks.

3 – CI

A intercâmbio CI possui um modelo de franquia que também permite o trabalho sem ter uma unidade física. Ele está disponível para cidades com mais de 75 mil habitantes e que não possuem unidade física, permitindo aos empreendedores trabalhar de casa.

Isso acontece no modelo home office, por isso, é uma franquia home based. Assim, não existe necessidade de dedicação exclusiva por parte do franqueado. Portanto, ele pode usar essa franquia para ganhar dinheiro extra e em horários alternativos.

Henrique Munhoz é um dos responsáveis e comenta. “Buscamos profissionais que tenham afinidade e conhecimento mínimo na área de intercâmbio e viagem, além de uma boa rede de relacionamento na cidade e região”.

4 – DRS. PROTECT

Outra das franquias para trabalhar sozinho é a rede Drs. Protect, que é focada em PMEs, isto é, Pequenas e Médias Empresas. A marca oferece soluções para gestão de negócios como aplicativos, máquina de cartão de crédito, sistema de gestão – ERP, etc.

Nesse caso, é muito raro quando o empreendedor tem um escritório fixo. O motivo? Ele será responsável por ir até o cliente para ajudar na gestão. A saída é usar dispositivos móveis, como smartphones, para fazer o trabalho a delivery.

franquias para trabalhar sozinho

“Tão importante quanto, nossa estrutura de suporte também fica disponível online ao nosso franqueado, facilitando ou agilizando a resolução de eventuais problemas”, comenta o sócio-diretor dos Drs. Protect, Richard Freitas.

A dica é que o interessado em investir nessa franquia conheça os requisitos para empreender, já que estamos falando em questões administrativas e de gestão.

5 – LITTLE KICKERS

É uma opção de escola de inglês que liga isso ao futebol. O projeto deu certo na Inglaterra e agora está em testes no Brasil. É focada no público infantil, com 1 ano até os 7 anos.

Como funciona? O programa é guiado por treinadores: um deles fala em inglês e o outro é especializado na parte de Educação Física, oferecendo aulas não convencionais de futebol.

A franquia não exige uma sede própria, por isso, os gastos são bem mais contidos. Do mesmo modo, muitos dos franqueados podem atuar em outras operações, desde que consigam conciliar os horários.

Everson Pergher é um dos franqueados. “Os franqueados precisam ter entre 21 e 39 anos, bom perfil comercial, empreendedor, superior completo e o desejo de fazer a diferença para milhares de crianças”. O investimento inicial é a partir de R$ 25 mil.

6 – SUPORT SMART

A ideia dessa franquia é fazer reparos em smartphones com um modelo de negócio móvel. O resultado já tem aparecido: o formato que permite ao franqueado ir até o cliente e isso faz toda a diferença. Tudo que o empreendedor precisa vai estar em uma maleta.

Segundo Guylherme Ribeiro, CEO da marca, a aposta deu certo. E o motivo é que ela é baseada no cotidiano das pessoas, que geralmente é muito corrido.

“Quando falamos que vamos até a casa ou o trabalho dos nossos clientes e realizamos o serviço na hora e na frente deles, costumam ficar extremamente felizes”, comenta o executivo.

ANÚNCIO