Ter uma franquia para ganhar dinheiro – como fazer isso?

O investimento em franquias de negócios é um assunto muito bem pautado em revistos e jornais. Mas, e aí, será que vale a pena? Tem quem idolatre essa ideia como sendo a melhor de todas e tem quem simplesmente diga que não vale a pena.

E você, o que pensa disso?

Pense na hipótese: “É viável investir em uma franquia de R$ 400 mil com lucratividade de R$ 8 mil mensais, levando em consideração que será financiado parte do valor”?

Supostamente, R$ 400 mil não são todos ativos que já existem.

Logo, uma parte será financiada, ou seja, em algum tipo de custo financeiro.

Mas, R$ 400 mil são sugeridos para arcar como uma taxa de franquia, assim é o investimento  de uma franquia para ter uma lucratividade estimada pelo franqueador, que resultará em R$ 8 mil mensais.

O que devemos pensar disso?

Esses R$ 8 mil mensais são realmente efetivos? Porque se foram propostos por quem está vendendo oportunidade para você, talvez seja só uma estimativa.

Quem está vendendo, obviamente, está pintando um cenário com mais facilidades e com mais acertos do que aquele que você terá na sua experiência empreendedora. Tá bom?

Não que ele esteja querendo de enganar, mas também não está sendo tão sincero quanto poderia.

Se todo cuidado foi tomado, se essas sessões já foram tomadas e analisadas (e os números são conservadores visando um forte crescimento de alguns meses), então, obviamente que a gente pode considerar que os R$ 8 mil são números viáveis.

Segundo ponto a se pensar!

Esses R$ 8 mil estão desconsiderados os juros do financiamento que você irá tomar para conseguir juntar o total dos R$ 400 mil para investir na sua franquia? Se não foram considerados, então, temos que dizer que a lucratividade não é de R$ 8 mil.

Pensamento analítico e de experiência

Você pode estar caindo numa falácia (isto, em uma armadilha) que todo mundo cai.

Quando se analisa uma franquia, o que avaliar?

O quanto se investe e o quanto se tira!

Aí, pega o valor e compara com o que você teria em títulos públicos e privados de renda fixa ou em fundos multimercado, enfim os produtos no mercado financeiro.

É melhor investir R$ 400 mil e ganhar 1% ao mês ou é melhor investir R$ 400 mil e ganhar 2% ao mês? A resposta não é tão fácil assim!

Porque você pode estar esquecendo da renda variável mais importante, que é o seu tempo!

O tempo dedicado a fazer essa franquia funcionar!

E aqui é onde as pessoas normalmente acabam não se dando bem porque ignoram que se não estivesse lá alguém estaria no seu lugar.

Um gerente, um sócio, alguém trabalhando, alguém se dedicando até 15 horas por dia faz jus e tem direito a um pró labore, a um salário para exercer a sua função.

Não se trata de um investimento, se trata de uma combinação do seu dinheiro com seu suor, o seu tempo, o seu networking, seu expertise, toda  sua bagagem e isso tem que ser ponderado.

Então, você tem que entender que provavelmente essa franquia não é uma franquia fácil de ser administrada e outra coisa: são R$ 400 mil em investimentos!

Se  não for uma grande lanchonete é um grande comércio ou uma loja com algum sistema de distribuição devido a sua complexidade.

Então, você tem que deduzir esse custo de pró labore do especialista para identificar qual é o lucro real.

Normalmente, vai se concluir que considerando o quanto se investe na franquia e o quanto em faturamento se tem, o negócio não é bom – porque deduzir todas as despesas e todos os custos é bem mais caro do que se pode imaginar.

Deduzi o pró labore do sócio que está trabalhando para chegar a conclusão que a lucratividade é muito baixa e elas vão chegar um raciocínio que mesmo quem vende as franquias (os franqueadores é o nome de domínio) acaba não tem bons números.

Esse raciocínio que é o fato de que quem compra uma franquia, quem investe uma franquia, raramente, terá bons resultados.

Ter uma franquia para ganhar dinheiro – como fazer isso?

Os números!

Isso é uma verdade no mundo das franquias!

Quando consultar a associação brasileira de franchising (ABEF) você vai perceber ali que é não se faz a recomendação de você procurar ter uma franquia, vai ter uma franquia que tem pouco capital, que está disposto ao aprendizado, a investir nesse aprendizado.

A retirar seu pró labore sim, haverá um ganho.

Mas, esse ganho não será justo diante do esforço que você tem que ser ajuste diante do aprendizado que você terá.

Será um bom franqueado aquele que estiver se planejando para montar o seu negócio e retirar o seu pró labore.

E guardar todo o pouco lucro que tiver negociar crédito para talvez comprar uma segunda franquia, uma terceira, quarta ou quinta franquia. Aí sim.

Quando você tiver uma rede de franquia você terá talvez um pró labore menor em cada um deles, é porque você terá o seu tempo fracionado entre várias unidades de franquia e a lucratividade será melhor e aí sim terá um resultado interessante.

Quando se pensa num negócio próprio, seja uma franquia, seja uma operação de marketing multinível, seja um negócio próprio, marca sua… Sempre leva em consideração o seu tempo e o seu tempo considerando horas extras.

Quanto você trabalha com o seu final de semana?

Quanto você perde um feriado para está se dedicando ao seu negócio?

Normalmente, um negócio que está começando, um negócio que já tem toda a segurança de uma marca, ele será um pouco rentável porque o seu risco é muito baixo.

Mas, planejando se com carinho projetos com cuidado com o passar do tempo você terá um volume de negócios, um número de franquias suficiente para fazer com que essa experiência, toda uma experiência realmente rentável.