Descubra a diferença entre o empréstimo consignado e o empréstimo com garantia

ANÚNCIO

O empréstimo consignado e o empréstimo com garantia são duas das opções mais baratas de crédito pessoal que está disponível no mercado atual. Por isso, eles sempre são lembrados pelas pessoas que estão em busca desse produto financeiro.

Aliás, os motivos para solicitar um empréstimo pessoal são muito particulares de cada pessoa. Por exemplo, pode ser para comprar uma casa, um carro ou até quitar uma dívida. Além disso, há que faça para viajar, comprar celular ou ainda fazer um intercâmbio.

ANÚNCIO

Assim como o a razão para assinar um contrato muda de uma pessoa para outra, o tipo de empréstimo também varia de acordo com os perfis. Por isso, pode ser que o consignado seja bom para você ou pode ser que o com garantia seja o melhor.

Então, como descobrir? Analisando cada um dos produtos. E é justamente isso que vamos fazer nesse conteúdo, nos próximos tópicos. Primeiro, vamos falar do crédito com garantia, depois do crédito consignado e, por fim, você vai saber qual é o ideal para você.

O que é empréstimo com garantia?

Vamos começar falando sobre o empréstimo de garantia, que tem um nome bastante sugestivo. Esse tipo de empréstimo é simples de ser explicado: a pessoa fecha o acordo e dá o seu imóvel ou carro como garantia.

ANÚNCIO

Entre os bens que costumam ser utilizados como garantia, costuma-se ser usado imóvel residencial, comercial, terrenos para construção e até veículo.

É preciso estar bem organizado ao fazer essa solicitação, pois caso não cumpra sua parte no acordo, você vai ficar no prejuízo, pois seu bem poderá ser embargado para quitar a dívida. Por isso, você deve identificar a verdadeira necessidade de se fazer esse pedido.

Antes de terminar, ainda temos algumas dicas. Uma é que o seu imóvel não precisa ser desocupado na vigência do contrato – só se você não pagar os boletos do empréstimo. A outra coisa é que por ter essa garantia, o banco permite taxas de juros mais baixas.

O que é o empréstimo consignado?

Diferente do primeiro exemplo, acima, o empréstimo consignado conta com menos burocracia, resultando em uma operação mais fácil de realizar. Porém, ela é bem mais restrita também. Logo, deve-se observar os requisitos.

Você não vai correr riscos com inadimplência, pois as parcelas já serão debitadas do salário. A vantagem é que não iria esquecer nenhum mês de pagar. Porém, nem todos têm direitos a esse empréstimo.

Logo, ele é destinado somente para funcionários públicos, militares e para certos indivíduos que fazem parte do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), como aposentados e pensionistas.

A dica aqui é saber que existe um limite do seu salário que poder ser descontado. O valor não pode ultrapassar os 35% (sendo que 5% pode ser para o cartão de crédito consignado, se o cliente tiver). Pela garantia que o banco tem, as taxas também são baixas.

Quais são os juros dos empréstimos?

É nesse tópico que a gente começa a trazer as diferenças entre o empréstimo consignado e o empréstimo com garantia. Afinal, cada tipo de empréstimo tem sua própria forma de definir os valores das taxas de juro – mesmo que ambos são considerados baratos.

Para o empréstimo com garantia, os valores médios do mercado nacional ficam entre 2,3% a 3,5%, isso dependendo de qual banco optar. Já no consignado, o beneficiário do INSS deverá desembolsar de 2,08% ao mês. Os Servidores Públicos, um pouco menos, 2,05%.

O cartão de crédito consignado também tem taxa nominal de juros, com um valor que vai de 3,5% até 5,0% mensalmente. No entanto, se formos fazer uma comparação com outros cartões tradicionais, a diferença é muito grande, pois estes variam entre 15% a 20% ao mês.

A dica é conferir o Custo Efetivo Total (CET), que é a importância integral do seu débito, que não será pago de uma só vez, mas em parcelas.

Quanto tempo tenho para quitar o empréstimo?

Aqui também há uma diferença interessante entre o empréstimo consignado e o empréstimo com garantia.

O prazo máximo para acabar com seu débito depois de recorrer a um empréstimo com garantia é de 30 anos. Mas, fique ciente que quanto maior for o tempo, mais juros você vai pagar também.

Sendo assim, normalmente, quem solicita esse tipo de operação, precisa de um valor alto, como para comprar imóveis, carros, estudos. Ou seja, a intenção é conseguir diluir em mais parcelas o pagamento.

O limite de tempo para o empréstimo consignado é muito menor, sendo 72 meses para os beneficiários do INSS e de 96 para os servidores públicos. Enquanto você não pagar todo o valor, a margem consignada não será liberada.

Qual empréstimo é o melhor?

A resposta depende dos seus interesses, onde irá empregar aquele dinheiro e como fará o pagamento das parcelas.

Ambos são considerados uma dívida de longo prazo, mesmo que o empréstimo consignado seja menor. É importante estar consciente que uma boa parcela do seu dinheiro deverá ser destinada para isso.

Depois disso, você deve comparar o valor dos juros, das parcelas, quanto tempo está disposto a pagar aquele valor para ver qual deles é mais fácil para que consiga respeitar.

empréstimo consignado e o empréstimo com garantia

Se a dúvida persistir, ainda existem alguns simuladores de empréstimos na internet que fazem todas essas contas para facilitar sua compreensão e entender qual a real situação que será submetida na escolha que fizer.

Aqui no blog mesmo temos várias matérias falando desses simuladores: a última delas é sobre como simular online o empréstimo do banco Bari, que é novo no mercado e tem o empréstimo com garantia como carro-chefe.

ANÚNCIO