Conheça 3 histórias das empresas mais ricas do mundo

ANÚNCIO

Seja lá qual for o desafio profissional que você está decidindo começar, ter boas referências nunca é algo que se dispense com facilidade. Tratando do início de uma carreira como empresário, esta realidade não é diferente. Por que não olhar para quem conseguiu dar certo?

No dia a dia, somos rodeados e envolvidos por marcas, produtos e serviços e não temos ideia da trilha que tiveram que percorrer para ocupar a posição em que se encontram atualmente no mercado. Pensando nisso, nós do Trovó Academy decidimos trazer as histórias de algumas das empresas mais ricas do mundo.

ANÚNCIO
empresas mais ricas do mundo
Foto: (reprodução/internet)

Para isso, selecionamos 3 das 10 companhias mais bem sucedidas na atualidade para te inspirar um pouco mais. Ficou curioso e quer aprender com essas histórias de sucesso? Continue com a gente e veja a continuação deste conteúdo.

Sorte ou esforço? Descubra o caminho para o sucesso

Antes de começar a te contar os relatos das empresas mais ricas do mundo, quero falar sobre o tema que dá título a este tópico. Aliás, esta é uma discussão muito comum e frequente no meio da sociedade, que (de forma geral) sonha em ter sucesso.

“É, ele realmente deu sorte na vida”: esta é uma das frases que já se tornaram clichês quando algum conhecido alcança um grande feito profissional. Mas, será que realmente foi só a sorte que operou a seu favor? Com certeza não. Antes de analisar os resultados de alguém, é preciso se propor a ver todo o percurso que foi feito até o indivíduo ter êxito em algo.

ANÚNCIO

90% suor, 10% trevo de quatro folhas

Em um dizer muito famoso aprendemos que “quanto mais eu treino, mais sorte eu tenho. Quanto mais eu trabalho, mais sorte eu tenho”. Ou seja, a quantidade de sorte que nós temos é proporcional ao nosso esforço. Quanto mais trabalho, mais portas são abertas e mais oportunidades são criadas.

Quem conta única e exclusivamente com a sorte, tende a ficar parado esperando as coisas acontecerem. A seguir, nos relatos que iremos contar, você vai perceber o quanto foi necessário para esses empresários estar em constante movimento, gerando novas possibilidades.

3 das 10 empresas mais ricas do mundo

7. Alibaba

Falar do Alibaba é, necessariamente, falar do empresário Jack Ma. O sucesso desta gigante do e-commerce é fruto de uma visão de negócio muito perspicaz e seu criador, que hoje é o homem mais rico da China.

Porém, nem sempre a história de Ma foi de êxitos e grandes rendas. A primeira profissão do chinês era a de professor de inglês, com a qual conseguia faturar apenas 12 dólares por mês. Além desta crítica realidade, o atual empresário precisou lidar com a rejeição de 30 empresas (entre elas o KFC) e também da Universidade de Harvard, que negou seu ingresso 10 vezes.

A reviravolta

Então, em 1999, quando a tecnologia começou a avançar com mais velocidade por conta da introdução da internet, Jack Ma foi sagaz. Com a ajuda de 17 amigos da época, o professor de inglês decidiu fundar o Alibaba, mesmo sem ter experiência prévia com negócios ou tecnologia.

Apesar de ter tido um início difícil, com uma série de novos aprendizados e enfrentando uma forte concorrência do eBay na época, o empresário estava decidido a dar certo. Sua perseverança e resiliência fizeram com que hoje o Alibaba seja uma das empresas mais ricas do mundo, valendo cerca de US$ 439,85 bilhões no mercado.

5. Facebook

Entre as redes sociais da atualidade, apesar de o Facebook estar caindo no desuso, sem dúvidas ainda é a mais lucrativa que existe. Porém, quando Mark Zuckerberg digitou o código da plataforma, não fazia ideia da proporção que o seu projeto iria tomar.

Aliás, a história do Facebook começou com uma brincadeira de Mark e mais três amigos quando ainda estavam na faculdade. Para criar uma rede em que fosse possível conhecer os alunos da Universidade de Harvard, os acadêmicos criaram uma rede chamada Facemash. Nela, era possível sinalizar a cada duas fotos qual aluno era o mais atraente.

A experiência foi fundamental

Para disponibilizar essas imagens do corpo de alunos, Zuckerberg precisou acessar o banco de imagens da universidade. Por esta e outra razões, vários complicadores se desenvolveram e fizeram com que o Facemash fosse desativado.

O fato é que o desenrolar desta história aconteceu quando Mark ainda tinha 19 anos. Alí, o jovem já teve uma ideia do tipo de site que poderia dar certo e utilizaria esta experiência tempos depois para lançar, de fato, o site multimilionário Facebook. Atualmente, a marca acumula um valor total de mercado de US$ 505,93 bilhões.

1. Apple, a empresa mais rica do mundo

A história da empresa da Califórnia não poderia ficar de fora desta lista. Apesar de o grande nome que anda junto com a maçã ser o de Steve Jobs, tudo só foi possível graças a outro talentoso Steve, o desenvolvedor Steve Wozniak.

Jobs e Wozniak, em conjunto com Steve Wozniak, resolveram juntar seus conhecimentos acerca de tecnologias e programação para revolucionar a história deste segmento. Tudo começou na garagem da casa de Steve Jobs, no dia 1º de abril de 1976.

Antes de se aventurar nas invenções, os Steves tiveram experiências importantes em trabalhos similares. Wozniak havia trabalhado por um tempo na HP, o que foi fundamental para que ele aprendesse sobre engenharia de tecnologia.

Steve Jobs decide ser empresário

Enquanto isso, Jobs era desenvolvedor de outra gigante, a Atari, que na época dominava os fliperamas ao redor do mundo. Porém, tempos depois descobriu que seu verdadeiro talento como marketeiro e criador de novos produtos.

Quando os dois decidiram trabalhar juntos, mal sabiam do sucesso que estavam prestes a vivenciar. O primeiro produto de grande relevância da empresa foi o kit Apple I, o primeiro computador pessoal da história.

Com esta forte característica de revolução que a empresa carrega, aos poucos foi tomando conta do mercado. Depois de enfrentar maus momentos, a Apple conseguiu construir um império gigantesco, tendo um valor de mercado atual de US$ 833,25 bilhões.

ANÚNCIO