Empresário de Sucesso é aquele que sabe Investir Tempo e Dinheiro: 39 Dicas

Produzimos este artigo com a intenção de que ele seja breve, mas fatal. Se você é ou quer ser um empresário de sucesso, precisa seguir as dicas abaixo porque elas vão te mostrar qual o Jeito Certo de Investir Tempo e Investir Dinheiro no mundo atual.

Todas as dicas são foram selecionadas e tem a ver com pessoas que já chegaram ao êxito empresarial – com muitos lucros e altas rentabilidades financeiras.

Investir Tempo é você saber o que fazer com essa preciosidade que tem. Você tem que fazer escolhas – entre ver a novela e ler um livro sobre o Marketing Digital, por exemplo. Nas horas vagas, pode optar por algo como Atividade Física ou Ensinar Alguém sobre sua expertise.

Investir Dinheiro é uma necessidade na atualidade. A questão é que você não precisa ter muito para começar a empreender. Se você souber investir o seu tempo, como comentado acima, vai ter dado um passo importante na hora de conseguir os primeiros lucros.

Neste artigo você vai encontrar o seguintes tópicos:

  • 7 Hábitos de Pessoas Eficazes – Para Fazer Igual
  • 7 Características de Empreendedores de Sucesso – Para Mudar o Conceito
  • 10 Passos para Ser um Empresário de Sucesso – Para Serem Seguidos
  • 9 Coisas que Nunca te Contaram sobre Empreender – Para Você se Surpreender
  • 6 Motivos para Ter Negócios Paralelos – Para Minimizar Riscos e Aumentar Ganhos

Leia todas as dicas abaixo e faça uma auto analise: Será que você está trilhando o mesmo caminho de pessoas que já conseguiram chegar ao topo da montanha do empreendedorismo?

7 Hábitos de Pessoas Eficazes – Para Fazer Igual

Neil Patel é um expert em empresas e atua em parceria com grandes nomes, como Amazon, Google, Facebook, HP e Yahoo. Para o The Wall Street Journal, ele é o mais influente personagem da internet e reconhecido como um dos 100 mais importantes empreendedores com menos de 30 anos na opinião de Barack Obama.

Ele, recentemente, publicou um artigo na internet listando os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes, que está no livro de Stephen Covey.

“Criar tempo para tarefas é difícil e exige uma mudança de mentalidade. Vamos sempre lidar com a tirania do urgente. No entanto, para melhor criar, sonhar e prosperar como empreendedores devemos empurrar de um lado o urgente e o não importante para abrir espaço para essas atividades”, ele diz.

Confira as 7 dicas.

1 – Planejar o Próximo Produto

O dinheiro está nos produtos ou nos serviços, portanto, quanto melhores e mais inovadores eles forem, melhores serão as vendas e o retorno financeiro.

2 – Negócio Futuro

Fazer brainstorming é importante para incentivar os empresários a continuar com seu negócio sempre adiante – buscando novas oportunidades, descobertas. No linguajar menos formal, “se você gastar muito apagando incêndios, você nunca será capaz de ter um bom negócio no futuro”.

3 – Faça Mentorias

Quando um empresário opta por orientar alguém, ele reconhece um poder incrível que tem – de orientação. Essa é uma via de mão dupla, onde você também aprenderá em cada lição.

4 – Pense na Próxima Estratégia de Marketing

Infelizmente, nem todo bom empreendedor é bom em marketing, porém, no empreendedorismo é preciso reciclar as ideias sempre, principalmente no marketing. Investindo nisso, você poderá experimentar um nível alto de sucesso.

5 – Estude o Comportamento Humano

O tempo que você gasta estudando pessoas é um dos melhores investimentos. Aplique parte do seu tempo em conhecer mais sobre psicologia, motivação, comportamento, desenvolvimento. Só assim você vai entender melhor as pessoas.

6 – Networking de Empreendedor

Você precisa fazer conexões em lugares prováveis e improváveis. Você sempre pode olhar para cada negócio que começou ou vai começar e identificar alguém, uma conexão chave, que já se tornou bem sucedido.

7 – Tire uma Folga

Pode não parecer um conselho empresarial, mas pare de trabalhar por alguns instantes. Desligue o telefone e o computador. Todo empresário precisa fazer algo diferente periodicamente. É nesses momentos que surgem os melhores insights.

7 Características de Empreendedores de Sucesso – Para Mudar o Conceito

Outros nomes reconhecidos no meio das empresas é o de Flávio Augusto, fundador do WiseUp e Robinson Shiva, do China in Box. Entre eles, existem alguns pontos que são comuns e fazem deles pessoas de sucesso. Acompanhe.

Essa parte do texto é destinada principalmente a você que cogita a possibilidade de ter no empreendedorismo um novo estilo de vida.

8 – Ter um Grande Sonho

Um grande sonho nada mais é do que uma ideia realmente grandiosa, a ponto de outras pessoas falarem: “Você está maluco”. Essa crença de realizar o impossível é que diferencia os verdadeiros empreendedores dos outros.

Pense de forma mirabolante, sonhe grande.

9 – Encarar os Riscos

Todo empreendimento, seja físico ou não, envolve riscos. Tudo que é novo, na real, envolve riscos. A característica do empreendedor de sucesso é saber planejar e analisar isso para que na hora H, mesmo que aconteça imprevistos, você saiba dar a volta por cima.

Toda tomada de decisão te tira da zona de conforto. Portanto, para empreender é preciso coragem e estar sempre pronto para encarar uma montanha-russa de emoções e riscos.

10 – Ter Contatos

Falamos um pouco sobre o networking e aqui a ideia é a mesma, mas um pouco além: os dois empresários citados se relacionam com inteligência e fazem do networking uma das suas melhores ferramentas para trocar experiências e aprender.

11 – Pessoas Positivas

Ah, isso sim muda o mundo. Ter ao lado pessoas que também sabem fazer acontecer e que tenha valores alinhados com os seus pode trazer grandes triunfos para a sua carreira empreendedora.

Paixão é importante, mas não é tudo. Só se ganha campeonato quem joga em um bom time, que lutam pelo mesmo objetivo.

12 – Ter Disciplina

Além do planejamento citado lá em cima é preciso ter disciplina para cumprir ele. Sentar na cadeira e ficar focado no trabalho por horas a fio te dá esse horizonte, afinal, só com foco é possível chegar ao objetivo final. Valorize seu tempo e seja disciplinado.

13 – Lembra-se do Mentor?

Se antes falamos em você ser um mentor e aprender mais com isso. Agora, é importante levar em conta ter um mentor e aprender ainda mais com ele. Siga os passos que já deram certo, leve em conta também os equívocos. Saiba escolher as pessoas certas.

14 – Administrar o Dinheiro

Parece simples né? Mas você já se atentou a observar como as pessoas de sucesso administram o dinheiro? Eles, muitas vezes, falham e perdem dinheiro, vamos combinar. Mas, mais do que isso, eles sabem como vencer o mercado atual e sabem quanto cobrar pelo que fazem.

10 Passos para Ser um Empresário de Sucesso – Para Serem Seguidos

Os passos a seguir também foram orientados, inicialmente, pelo Flávio Augusto em algumas de suas obras literárias. Depois, sofreram alterações, foram modificados e agora vamos publica-los de forma sucinta.

15 – Não Tenha um Emprego

Saía do seu emprego e vá para a rua ganhar aquilo que você merece. Os atuais empregos são apenas motivos de sobrevivência e não de vivência – tudo vale pela troca do dinheiro. A ideia é se atentar ao fato de que não tem nada melhor do que fazer aquilo que você realmente acredita e gosta.

16 – Nunca se Esqueça de Ter um Produto

Existem pessoas que empreendem com picolés e balas, isso prova que não existe produto ruim ou barato demais. Se você tem vergonha de vender, precisa mudar a forma de fazer isso. Vender, culturalmente falando, é sinônimo de prosperidade. Portanto, aprenda a vender.

17 – Não entre em Pirâmides

O único atalho para a riqueza é o esforço e o conhecimento. Vale a pena imitar pessoas de sucesso, mas nunca em modelos de negócios que prometem resultados rápidos. As pirâmides digitais são apenas desculpas para empreendedores preguiçosos.

18 – Crie Modelos de Vendas Recorrentes

A ideia é a seguinte: se você trabalhou arduamente durante o mês e conseguiu 10 clientes que se comprometeram com o seu negócio, então, no mês seguinte você só precisa fazer o mesmo trabalho e acumular 20 clientes no todo.

19 – Viva com 50% do que você ganha

É quase de lei que os grandes empresários não consomem tudo que ganham no mês – isso seria burrice. Portanto, se você quer ganhar muito dinheiro para torrar tudo – com carros e festas – saiba que você está cada vez mais distante dos grandes nomes do empreendedorismo mundial.

Ganhar dinheiro e não economizar é o mesmo que não ganhar nada.

20 – O Processo Todo

O ideal é você conhecer todas as fases do processo do seu produto antes de fabrica-lo ou investir nele. Se o seu negócio estiver na mão de outra pessoa, então, você, definitivamente, não tem um negócio.

21 – Mix de Produtos

Amplie sua variedade de produtos para aumentar também a recorrência das vendas. Desde que você tenha satisfeito as necessidades dos seus clientes, pense em outras e sirva-se como boa opção de negócio – é exatamente o que acontece com supermercados, que vendem vários produtos.

22 – Canais de Distribuição

Em um mundo tão grande e tão diversificado, você não deveria ficar apenas em um canal de comunicação… Pense em atuar em várias frentes ao mesmo tempo. Nunca se limite apenas ao seu bairro, mesmo que seja lá o seu começo. Pense grande, sempre.

23 – Venda a Sua Companhia

Quem conhece o Flavio Augusto sabe que essa é uma das principais dicas dele: vender a empresa quando ela estiver no auge. “Isso é conseguir atingir a perfeição no mundo dos negócios”. Se quer ser um empresário, tenha atitudes de um empresário.

24 – Invista 5% em Algo Novo

De tudo que você ganhar, pegue apenas 5% e invista em um novo negócio. O restante você pode aplicar em investimentos financeiros conservadores. Quando você tem pouco dinheiro na mão, você ativa sua criatividade para fazer as coisas acontecerem.

9 Coisas que Nunca te Contaram sobre Empreender – Para Você se Surpreender

Essa parte do artigo é para você que é novo no mundo dos negócios ou que ainda está estudando o empreendedorismo. Aqui existem algumas curiosidades, mas nada muito assustador. Se você tem coragem ou persistência, vai entender tudo de forma fácil.

As informações são baseadas em dados e números de empresas criadas no Brasil.

25 – Aprenda a Gostar de Números

Lá em cima você já viu que é preciso conhecer todo o processo do seu produto – portanto, isso inclui também e principalmente a parte financeira. Isso vai muito além de somar e subtrair. Durante o percursos, você vai lidar com elaborar metas, planilhas de contas, lucro bruto, gastos, entre outros.

26 – Noites em Claro é Mais Comum do que Você Pensa

Você já ficou tão ansioso com uma ideia que passou a noite em branco? É basicamente isso, mas muito mais. Além disso, tem as preocupações também. Na busca por melhores soluções, você pode ter seu humor alterado, por isso, é tão importante praticar esportes ou exercícios de relaxamento.

27 – Gerenciar Pessoas É Difícil

Também falamos sobre entender as pessoas, não é? É por isso mesmo: porque gerenciá-las também é bastante complexo. São muitas as situações do dia a dia que vão influir nisso. As responsabilidades são grandes e, conforme sua gerencia, os números positivos podem aparecer ou não.

28 – O Medo será Constante

É normal ter medo, mas ele não pode tomar conta de você. Pessoas que deixam isso acontecer não fazem nada, não saem do lugar. A falta de coragem é o principal motivo pelo qual muitas pessoas não conseguem prosperar. Tenha medo, mas faça dele um fator de motivação.

29 – Resolver Problemas é Diário

Se você tem o costume de procrastinar seus problemas, saiba que no empreendedorismo isso não pode acontecer. A ideia de “matar um leão por dia” é realmente verdadeira. Os problemas vão existir, mas sua luta tem que ser em função das soluções. Sempre gaste mais tempo nela.

30 – Concorrências Desleais

Esse tipo de concorrência vai existir quase sempre. A você, empresário de sucesso, resta achar uma alternativa para sair dela ileso. Como? Abuse da criatividade e mostre que vale a pena o seu produto. Invista na sua marca, na sua imagem e no conhecimento.

31 – Fraudes

Fraudes também podem acontecer e, vamos combinar, é um fato bastante desagradável. Existem funcionários mesmo que sabotam suas empresas, assim como “inimigos” que dão um jeito de passar a perna. Sua ação tem que ser encontrar a melhor solução sem ferir o ideais da empresa.

32 – Processo Judicial

Também é comum no Brasil. Portanto, nem sempre que você ler essa expressão entenda que a empresa é ruim, mesmo que possa ser. Uma empresa tem muitos relacionamentos e, como já dito, lidar com pessoas é algo incerto. Atente-se aos direitos trabalhistas e mantenha-se sendo um empreendedor austero.

33 – A Burocracia Existe

No Brasil, ainda mais. Porém, apesar desses últimos pontos serem negativos, observe que é possível criar soluções inovadoras e ficar rico com isso. A burocracia está em toda parte da sua empresa, a começar pelos contratos, assinaturas, registros e certidões. Tenha amparo, sempre.

6 Motivos para Ter Negócios Paralelos – Para Minimizar Riscos e Aumentar Ganhos

Por fim, mas não menos importante, criamos esse tópico para falar sobre a diversificação de investimentos. Isso é muito usado no mercado financeiro, mas também no empresarial. É muito comum que as pessoas que têm sucesso apostem em negócios paralelos.

Logicamente, o motivo você já viu qual é: minimizar riscos e aumentar ganhos. As dicas abaixo também são de Neil Patel, que ainda te induz a pensar:

“O que você está esperando? Nunca foi tão fácil validar, lançar e fazer crescer um negócio novo. Você não precisa estar faturando alto, apenas uma paixão pela ideia e bastante trabalho duro são suficientes aqui”.

Listamos essas razões para você acreditar que todo empresário deve ter negócios paralelos.

34 – Ter Sucesso

O ideal é ter um negócio paralelo para ter sucesso nele também. Oras, o sucesso é apenas a comprovação de que você está no caminho certo. Portanto, não é porque trata-se de uma atividade paralela que você tem que empreender por empreender.

Procure ideias que satisfaçam a necessidade das pessoas.

35 – Teste Novas Ideias

Com o 1º negócio indo bem, você pode usar essa opção para testar alguma ideia que ainda está incerta no seu conceito. Se você já tem um “core bussiness” suficiente para cobrir despesas, o que falta para você arriscar algo que sempre quis?

36 – Convide sua Curiosidade

Faça da sua curiosidade um atrativo para essas novas ideias. Um relatório recente, da Selz, mostrou que aproximadamente 20% dos empresários que fundaram suas empresas de sucesso disseram que fizeram isso para escapar da rotina.

Faça algo que seja fonte de inspirações diárias.

37 – Riscos Minimizados

Os riscos são minimizados em vários sentidos. Se você tem algo em mente é a hora certa para por em prática.

Porém, independente de qualquer investimento que faça ou qualquer novo negócio que entre, você vai precisar estudar e fazer tudo com cautela, só assim os riscos serão minimizados.

38 – Use a Tecnologia

O mesmo estudo citado acima mostrou que a tecnologia é considerada fator chave para iniciar um negócio em paralelo, já que tem baixo custo. Em apenas alguns dias você já consegue pegar um produto em fase de teste e leva-lo ao mercado.

39 – Apoie outros Projetos

Quando você inicia esses projetos paralelos, você descobre que é muito favorável apoiar empresas e receber o apoio delas, em uma situação mútua. Esse é um dos grandes segredos para investir tempo e dinheiro ao mesmo tempo e fazer do seu negócio principal um core bussiness para ser usado em negócios paralelos.

“Um negócio paralelo pode diversificar a sua renda, apoiar o seu negocio existente e envolve-lo em um trabalho que realmente mexa com a sua paixão. Então, pare de esperar e transforme sue negócio paralelo em uma realidade”.

Bônus: 3 Motivos que os Empreendedores Precisam Saber Sobre o Mercado de Investimentos

Como a pessoa física, a pessoa jurídica também não deve manter o dinheiro guardado na poupança e para acessar os melhores investimentos é preciso ter conta em uma corretora, na maioria das vezes, fora dos grandes bancos. A melhor maneira de fazer isso é com o Mercado de Investimentos, em opções como o Tesouro Direto.

Justamente por isso, todo empresário precisa conhecer sobre esse mercado. Esse artigo tem o objetivo de unir a necessidade do empreendedor de investir, guardar dinheiro e fazer um planejamento financeiro efetivo com as melhores opções que existem, atualmente, no mercado de finanças.

Bom, agora você sabe que vai precisar fazer um planejamento financeiro exato e poupar dinheiro durante todo o ano. Mas como você pretende fazer isso? Deixando o seu dinheiro na poupança? NÃO FAÇA ISSO, pelo amor de Deus! Por que não?

  • Rendimento da Poupança

A inflação, como é comum, tem variado durante os meses. Mas, em qualquer dessas variações, se você deixar o seu dinheiro lá, você vai estar descapitalizando. E, para a sua empresa, isso não é nada bom. Aliás, nem para a sua empresa, nem para você, nem para ninguém.

Isso tudo acontece porque em 2012 uma nova regra da poupança entrou em vigor e com isso, todas as vezes que a Taxa Selic estiver acima de 8,5% a poupança vai pagar apenas 6,5% ao ano, mais uma TR.

Você gostou desse assunto, né? Agora, se quer saber tudo sobre a poupança e os vários porquês de não investir nela, leia esses 2 artigos: 3 Motivos Para Não Investir na Poupança e Quantos Brasileiros tem Dinheiro na Poupança.

  • Corretoras de Investimentos

Depois que escolher um investimento, assim como a pessoa física, a pessoa jurídica também precisa enviar alguns documentos para a corretora em escolha. Inclusive, selecionamos esses documentos:

  • Cópia do Contrato Social e última alteração contratual consolidada,
  • Cópia do Demonstrativo de Resultado (DRE),
  • Cópia do Balanço Patrimonial e
  • Cópia dos RG e CPF dos sócios.

Atenção: na maioria das corretoras só é possível investir por meio da conta da empresa, ou seja, não são aceitas transferências vindas das contas de pessoas físicas. Fiquem atentos à isso!

Atenção 2: É super, mega, blaster importante escolher uma corretora confiável. Sendo empresário, muito provavelmente você não vai poder se dedicar integralmente à esse negócio, por isso, sua corretora deverá ser super confiável.

Se você tem dúvidas de como escolher uma corretora, leia: Corretora de Investimentos: Como Escolher a Melhor para Você.

É importante que se escolha uma corretora de investimentos ao invés de um banco. Por quê? Os bancos vão oferecer, de todas as formas, outras formas de investimentos porque assim, eles vão lucrar mais. Se você dúvida disso, leia esse outro artigo: Em Ranking de 10 Empresas que Mais Valorizaram em 2016, 5 são Bancos.

  • Melhor Investimento para os Empreendedores

Atualmente, existe uma infinidade de formas de investir o seu dinheiro, tais como as Rendas Fixas (CDB, LCI, LCA, Tesouro Direto) e as Rendas Variáveis (Fundos de Investimentos em Ações e Câmbio). Temos vários textos explicando cada um desses, mas o resumo para esse artigo é que a maior diferença entre ambos está no risco do investimento e no retorno do mesmo.

Para um empresário, em um primeiro momento, é claro que o mais indicado é um investimento que tenha um retorno consistente e que seja muito mais seguro, mesmo que ele não tenha o percentual de retorno mais alto.

Reprodução: Google
Reprodução: Google

Por exemplo, é possível entrar em um investimento que oferece excelente rentabilidade com o risco muito baixo, na qual, é possível remunerar o capital com a Taxa Selic (que até tempos atrás estava em 13,25% ao ano). Esse é um investimento que tem na base a liquidez e a segurança.

E, por isso, é o mais indicado para os futuros empresários, empresários ou velhos empresários. Estamos falando do Tesouro Direto, que tem como principais características:

  • Segurança
  • Alta Rentabilidade
  • Liquidez
  • Acessibilidade
  • Facilidade
  • Flexibilidade

Vamos ter um próximo artigo explicando, especificamente sobre o Tesouro Direto: o que é, como investir nele, quem pode investir, etc. Abaixo, está o passo-a-passo do Tesouro Direto para os empreendedores.

Quer Saber o Passo a Passo para Investir em Renda Fixa…? Clique Aqui!

Com informações do dinheirama, negociodozero e falemaisvoip