Economizar Dinheiro na Viagem: Outono é Ideal para ir Para… Leia e Descubra os Melhores Destinos!

ANÚNCIO

Aqui no blog já falamos sobre Como Economizar Dinheiro nas Viagens. Além do Planejamento Financeiro, é preciso também se atentar à alguns pequenos detalhes que podem fazer muita diferença no seu bolso. Um deles é sobre Viajar na Baixa Temporada e exatamente sobre isso que vamos falar hoje. Se você está há algum tempo planejando uma viagem, mas ainda não achou o momento ideal, saiba que ele pode ser agora!

Isso porque no dia 20 de março demos adeus ao intenso calor do verão e recebemos (um também acalorado) outono: a estação das folhas caindo ao chão. Essa estação do ano é caracteriza por ter um clima ameno, o que gera um intenso desejo nas pessoas de ir para lugares turísticos que tem no seu “pacote” o frio. Assim sendo, selecionamos os melhores destinos para essa época do ano no Brasil!

ANÚNCIO

1 – Campos do Jordão (SP) Viajar para Campos do Jordão nesse período é muito aconselhável porque, justamente por não ser inverno, o período é considerado de baixa temporada, o que, obviamente, faz com que os preços sejam menores.

Então, os viajantes vão encontrar melhores atrativos, ou seja, aqueles que melhor se adequam ao bolso, tanto em hotéis, na qual poderão observar uma belíssima paisagem natural, assim como ao andar pelas ruas forradas de folhas dos plátanos, além das árvores.

Então, se você escolher essa opção, não deixe de visitar o Parque Estadual, que fica no coração da Serra da Mantiqueira e tem extensão de 8,3 mil hectares, o correspondente à 40% de todo território do município.

ANÚNCIO

17 Lugares para Viajar na Semana Santa 2017

2 – Petrópolis (RJ) – A cidade fica na região Serrana, à 70 quilômetros da capital e é ideal para quem gosta do frio. A partir de junho, as temperaturas podem cair para perto de 0 grau Celsius. Além do clima, o lugar é um importante centro turístico conhecido pela gastronomia e construções históricas da época imperial.

3 – Chapada Diamantina (BA) – É uma opção interessante para quem não está tão interessado no frio, mas sim nas cachoeiras. Por lá, os turistas podem fazer passeios em trilhas e praticar esportes radicais, como o Trekking e o Rapel. O Poço Encantado, inclusive, é uma atração natural das mais desejadas.

4 – Gramado (RS) – Também é mega indicado para quem curte a natureza e os passeios ao ar livre. A cidade é conhecida pelo zoológico GramadoZoo, que investe no bem estar dos animais e conta com mais de 1,5 mil animais da fauna nacional. A culinária também é famosa, tanto é que a cidade é sede do 1º espaço temático de chocolate do Brasil, o Reino do Chocolate.

5 – Ouro Preto (MG) – Na verdade, a cidade vale a pena em qualquer estação do ano, mas ela é ainda mais charmosa no outono, por conta da Semana Santa, época em que são realizadas missas em diferentes igrejas e procissões que passam por tapetes florais coloridos.

Importante Ler:

Sobre Viajar em 2017: “ou você tem dinheiro ou vai se endividar”

Uma dica Adjacente é usar Milhas!

E isso vale tanto par aa companhia aérea, que são mais frequentes, quanto para os de Cartão de Crédito, que incluem passagens e podem render estadias. No Brasil, para conseguir milhas áreas, por exemplo, é preciso fazer parte dos programas de fidelidade, ou seja, quando mais a pessoa viajar, mais ela ganhará. No entanto, há outras opções.

“Hoje, cerca de 80% das milhas aéreas são provenientes dos pontos acumulados pelo uso dos Cartões de Crédito. Os programas dos bancos são uma ótima forma de se chegar a tão sonhada viagem, mas ainda apresentam muito desperdício”, diz Max Oliveira, da MaxMilhas.

Para conseguir acumular milhas com essa fidelidade, é preciso também fazer parte de uma companhia aérea. “O raciocínio é simples: quanto mais compras fizer no cartão, mais pontos você garante. Por isso, dê preferencia ao cartão de crédito quando for fazer um pagamento via boleto”, recomenda o especialista.

Atenção: “As milhas podem expirar em um determinado tempo, ou seja, existem datas limites para serem utilizadas. Assim, quem tem milhas acumuladas deve ficar atento ao tempo para não perder dinheiro. Caso as milhas acumuladas não sejam suficientes para trocar por uma passagem, é possível fazer, ao menos, o abatimento dela, utilizando a opção de compra por pontos somados ao dinheiro”, diz Max.

Planejamento continua sendo melhor opção! “Nas duas viagens que fiz à Europa, fiz emissão dos tickets na última hora e tive que desembolsar o máximo de pontos previstos”, diz Henrique Martin. “É importante pensar com antecedência e, se possível, emitir as passagens para destinos fora de temporada. As tarifas são mais baixas”.

“Tudo fica melhor quando é planejado. Em 2010 fui para Las Vegas com a ideia de passar o Ano Novo e emendar em uma feira de negócios. Emiti as passagens por 50 mil milhas cada. A mesma passagem, se fosse retirada na hora, sairia por 60 mil milhas na classe econômica. Foram 20 mil de economia com a ida e a volta”, ele conta.

Para fim de conversa, os especialistas recomendam que se converse também com as companhias aéreas para evitar eventuais problemas. E, para mais saber, nesse caso também é possível acionar o Procon para emitir queixas ou reclamações.

Você pode estar perdendo dinheiro sem saber: Descubra 10 situações que conferem à Venda Casada!

Se o foco é fazer um bate e volta Internacional…

O Brasil faz fronteira com vários países que tem boas opções de atrações turísticas, que valem, inclusive, para essa época do ano. Então, se você quer aproveitar essa estação para fazer um bate e volta internacional, veja quais as melhores indicações! As informações abaixa são baseadas em uma viagem que visa conhecer novos destinos em poucos dias, inclusive, com a família.

1 – Buenos Aires (Argentina) – Dependendo de onde você partirá, é possível ir até mesmo de carro. Lá, existem espetáculos de tango, saborosas carnes, vinhos e alfajores. O grande problema dessa cidade são custos, que costumam ser mais altos do que as próximas indicações.

2 – Mendoza (Argentina) – É para os apreciadores de vinho porque lá é possível fazer um tour pelas vinícolas e degustar uma variação da bebida, além de trazer uma bagagem histórica sobre a produção da bebida. Há também atrações na fábrica de azeite e na Igreja da Carrodilla.

3 – Bariloche (Argentina) – Uma cidade fria que fica às margens do Lago Nahuel Huapi. Tem como principal atração o Esqui, inclusive, com o Cerro Catedral, que é o centro de esqui mais desenvolvido da América Latina. Detalhe: Se você escolheu essa cidade, tente se informar sobre os parques, afinal, existem épocas em que eles ficam fechados para manutenção. Nesse caso, prevenir é melhor do que remediar.

4 – Santiago (Chile) – É uma cidade muito desenvolvida que fica ao lado da Cordilheira dos Andes. O local mescla traços latinos com europeus, assim, de tarde há opções como parques e praças, já a noite, o show fica por conta dos bairros boêmios, como o Bellavista.

Economizar Dinheiro na Viagem: Outono é Ideal para ir Para... Leia e Descubra os Melhores Destinos!
Reprodução: Google

5 – Lima (Peru) – o Centro Histórica é super indicado para quem gosta de História. Miraflores, Ruínas Pré-Incas e o Museu Oro são as recomendações, além da gastronomia, que conta com uma caipirinha peruana, carne de Lhama, entre outros.

6 – Montevidéu (Uruguai) – A cidade é pequena e ideal para um bate e volta, já que o local conta com belos pontos turísticos, boa gastronomia e vinhos deliciosos.

Com informações do Ig

ANÚNCIO