É verdade que MEI tem desconto para comprar carro?

Se você é um MEI (Microempreendedor Individual) saiba que tem direito a comprar carro com descontos nos impostos. Se você não é MEI ainda, saiba que esse é mais um motivo para você se tornar um.

Além das vendas diretas para pessoas com deficiência que têm desconto e também para produtores rurais, os MEIs também podem conseguir descontos nos impostos na hora de comprar um carro novo.

As fabricantes brasileiras de carro oferecem condições especiais vai para o cadastro nacional da pessoa jurídica (CNPJ) também.

Isso prova que tem desconto não só para pessoas com deficiência, desconto na compra de carros para produtores rurais e também descontos para quem tem um CNPJ, além do microempreendedor individual.

O MEI tem um CPNJ, não tem? Sendo assim, o benefício também atende micro empresários, profissionais autônomos, com firma aberta e regular.

É isso que vamos falar no texto de hoje e a gente vai ver o lado bom e o lado ruim  disso. Aliás, você sabe como requisitar um carro com desconto utilizando o seu CNPJ? Descubra!

É verdade que MEI tem desconto para comprar carro?

Desconto nos Impostos

Vale lembrar que esse abatimento funciona diferente das isenções fiscais para pessoas com deficiência física. Neste caso de pessoas com deficiência física, a assistência aos fiscais são determinadas pelos valores dos impostos, seja do IPI e do ICMS.

Quais as fabricantes que dão desconto do ICMS?

Os descontos variam de marca para marca e de acordo com o modelo e a quantidade de veículos comprados e encomendados pela pessoa jurídica.

Mas, no geral, os carros de trabalho e utilitários (como picapes compactas e furgões) apresentam uma redução maior no valor.

O desconto varia, atualmente, partindo de 2,5% podendo chegar a incríveis 30% do valor do veículo… Acredite se quiser!

E, as condições de pagamento são bastante parecidas com a de uma compra na concessionária.

Carro da Empresa

Vale  lembrar que o carro com desconto de CNPJ fica atrelado a empresa.

Por isso, é importante saber como o carro vai ficar atrelado à empresa e não à sua pessoa física, sendo assim se os impostos do automóvel não forem pagos corretamente, a empresa pode sofrer algumas restrições.

Quais restrições? não conseguir empréstimos e outras coisas!

Temos também que lembrar outra questão que deve ser considerada: se a pessoa jurídica apresentar dívidas tributárias federais ou estaduais, o carro pode ser penhorado.

Logo, se a empresa estiver regular e não tem nenhum problema, fica tudo mais simples na hora de comprar um carro com desconto através do CNPJ.

Aliás, essa é uma prática bastante comum hoje em dia.

Sendo assim, o benefício ou incentivo para o crescimento das micro empresas só vale para a retirada de um carro zero quilômetro – 0 KM.

E a inclusão de acessórios também pode sair mais barata, já que o carro com desconto de CNPJ é pedido e faturado diretamente na fábrica.

Ou seja, o valor não inclui o ganho dos funcionários, então, você economizar em impostos e também economiza nos ganhos das concessionárias.

Desvantagem de comprar o carro

Como assim, tem desvantagem?

Na compra direta, a desvantagem tem a ver com o prazo da entrega, que é condicionado à demanda da fabricante e normalmente o tempo varia de 10 a 40 dias se o modelo desejado estiver disponível no pátio.

Agora, se não tiver disponível no pátio, o processo pode ser mais demorado.

Assim, se você vai como pessoa física comprar na concessionária já pode sair da loja com o carro. É só você comprar e pagar, que você já sai dirigindo – diferente do carro comprado por MEI.

Outra desvantagem é o pós-venda.

É outro ponto que varia de acordo com a marca do carro, com desconto e CNPJ. Isso porque algumas fábricas diminui o tempo de garantia por considerar que o automóvel vai ser de empresa e, por isso, vai rodar mais do que os outros (veículos de passeio).

Outras fábricas utilizam a garantia estendida para ganhar o consumidor.

Cuidado com a venda!

Não dá para comprar o carro através do MEI pensando em vende-lo em seguida por um preço mais baixo e garantir o lucro.

E isso se explica porque tem um prazo mínimo para revender o veículo, de acordo com a nova regra do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz): é preciso manter o automóvel no nome da empresa durante um ano, ou seja, 12 meses.

Se você acha que vai comprar para revender já de imediato e fazer o seu lucro… Pode esquecer!

Essa regra foi estipulada porque tinha muita gente querendo se usar esse benefício para ganhar dinheiro, o que não é o objetivo do benefício fiscal.

A ideia é facilitar o acesso do carro para as empresas e depois as empresas poderem trabalhar.

Como comprar o carro com desconto

Para fazer a aquisição do carro com desconto do CNPJ é preciso apresentar, na maioria das concessionárias, o contrato social da empresa e a inscrição estadual vigente.

Agora, outros documentos também pode ser usados em alguns casos, como, por exemplo: um CNPJ digital.

Então, quando você vai comprar um carro com o seu CNPJ, isto é, como microempreendedor individual ou como qualquer outra empresa, saiba que eles vão solicitar documentos específicos e você vai ter que provar que realmente você é uma empresa.

Mas, isso não é nada difícil.

Agora, comprar um carro de valor muito alto ou mais de uma unidade pode ser passível de fiscalização e até questionamentos futuros por parte da justiça. Isso porque para ser microempreendedor individual a empresa deve ter um faturamento anual menor R$ 81 mil.
 
Então, se você ganha pouco e você compra carro caríssimo, eles podem achar estranho e correr atrás de você. Entendeu?

Quais os carros com desconto para CNPJ e quais modelos estão disponíveis no mercado? Existem vários, mas as marcas mais famosas são: Chery, Chevrolet, Citroen, Fiat, Ford, Hyundai, JAC, Jeep, Kia, Lifan, Mitsubishi, Nissan, Peugeot, Renault, Suzuki, Toyota e Volkswagen.