3 degraus para sair das dívidas e caminhar para a riqueza

ANÚNCIO

Se você está precisando rever a sua vida para se livrar das dívidas é muito importante que você tenha em mente que dá para sair dessa situação constrangedora e chata mais rápido do que você imagina.

É claro que você vai precisar unir forças para sair das dívidas, mas dá sim e é isso que importante. Por mais fundo que seja o poço existem 3 degraus que precisam ser considerados para que se chegue à um patamar dos “sem dívidas”.

ANÚNCIO
dívidas
Foto: (reprodução/internet)

1 – A Coragem!

O degrau da coragem é aquele que diz que o indivíduo tem que encarar a realidade!

Essa dica é importante porque muita gente foge do problema e fica jogando a culpa nos bancos ou nos juros ou nos planos econômicos ou em qualquer outra coisa.

Essas pessoas simplesmente não têm coragem de assumir que ele precisa de ajuda para se livrar das dívidas.

ANÚNCIO

Essa ajuda pode ser até mesmo a leitura de um livro, de um artigo ou a opinião de um amigo que vai dizer que você precisa mudar de atitude para sair da situação em que se encontra.

Portanto, coragem para aceitar a situação e humildade para encontrar apoio para sair dela.

O que isso tudo quer dizer? Que a pessoa endividada tem que mudar o padrão de vida e começar uma nova experiência para que no futuro ele realiza seus sonhos, que seja feliz com as suas finanças.

Mudar o padrão de vida é diminuir gastos, cortar custos excessivos, rever serviços e ter um orçamento financeiro bem mais enxuto do que ele é hoje.

O fato é que o indivíduo que foge da realidade e que não quer encarar o problema só vai prejudicar ainda mais a sua vida.

Cuidado com a falta de coragem…

A conseqüência da falta de coragem pode ser variada. Como uma família desfeita, um casamento rompido e o nome sujo na praça!

Além disso, a pessoa pode ainda ficar a vida inteira com empregos pequenos, sendo que ela não conseguir a prosperidade.

Se você está com um problema financeiro pare agora mesmo e assuma que você precisa de ajuda! Depois disso, considere que o primeiro passo é mudar de atitude e saber por onde você vai começar.

2 – A Sinceridade!

O segundo erro que os indivíduos às vezes cometem é ficar segurando só para eles o problema das dívidas. Só que isso é um erro tão grande que quando deixa de ser um erro se torna um degrau importante para a prosperidade.

Abra com a sua família a sua real situação.

Se você é casado, se você tem filhos, se você vive com seus pais, se você está com alguém agora abra o jogo de verdade.

O segredo é um só: não tenha constrangimento de pedir ajuda.

Seja uma pessoa humilde e corajosa, como falamos no tópico 1.

As pessoas que vivem em família têm que entender que todas as despesas passam pelos membros da família. Independente de quem sejam os integrantes da família.

País, filhos, primos, tios, cônjuges… Todo mundo é parte da família.

3 – A Mudança!

Se você conseguir cumprir os degraus 1 e 2, saiba que está bem perto de conseguir sair das dívidas sem muito sofrimento.

  • Primeiro é preciso ter coragem de aceitar a realidade.
  • Depois é preciso ter sinceridade para falar com a família.
  • Por fim, resta mudar a vida para que ela seja mais organizada financeiramente.

Abrir a realidade é exatamente dizer algo como “precisamos mudar e precisamos reestruturar a vida financeira”.

Aí sim você está em um degrau que está bem perto de ter uma vida mais rica!

E note que todos vão ter uma vida mais rica: você e todos os integrantes da família.

Seguindo esse último passo você vai gerar um engajamento para que todos busquem economia e todos façam a sua parte!

O resultado é bem simples: dívidas serão pagas!

Além disso, uma nova experiência vai ser vivida na sua família.

Bônus – a prosperidade é para a família toda!

Portanto, note desde o primeiro momento que a família é fundamental para que tudo dê certo.

Esse é o principal alicerce que você vai ter aqui nesta terra!

E isso é importante demais para você viver uma nova experiência e se livrar das dívidas!

Agora, tão importante quanto agir rápido é seguir esse passo a passo. Que está em uma ordem totalmente cronológica e objetiva.

Por outro lado, se você demorar para agir, saiba que os juros vão comendo suas forças e vai ter uma hora que o fundo vai estar tão fundo que você vai achar que não tem mais saída.

Mas, tem! Sempre tem.

O fato é que o quanto antes você tomar a decisão e tiver coragem de assumir essa dívida, mais rapidamente você vai poder curtir a sua família em busca de dias mais confortáveis e mais ricos.

A última dica é: se você está devendo, lembre-se a matemática dos juros compostos. Eles vão aumentando cada dia mais, cada semana mais, cada mês mais. E sua dívida acaba ficando bem grande.

Por isso, é necessário você entender que um choque técnico, um choque na estrutura da sua vida e uma diminuição no seu padrão de vida é uma ideia pra lá de interessante.

ANÚNCIO