Você conhece o Fliper, que permite o controle automático dos investimentos?

Na briga entre os melhores aplicativos financeiros para visualizar a carteira de ativos, muita gente tem encontrado nas plataformas o Fliper. Assim, ele é mais um dos apps que permite o controle automático dos investimentos, exatamente como o Kinvo, o Gorila e outros.

Sobre esse programa de celular, considere que as últimas notícias encontradas no Google são muito positivas. Por exemplo, uma de 2019, que cita a captação de R$ 4 milhões para aplicações na plataforma. E outra de 2020, que fala da participação da XP.

Por isso, aliás, muita gente acha que o Fliper só é útil para organizar os investimentos feitos na XP, o que não é verdade. Afinal, dá para conectar e sincronizar a carteira de ativos com base em outros investimentos também, como de bancos e de outras corretoras.

E antes de a gente citar mais sobre como esse aplicativo financeiro pode auxiliar o investidor a ter uma visão mais ampla e geral da carteira, vamos falar um pouco mais do programa em si. Aliás, ele mesmo se intitula como “o GPS das suas finanças”.

O que é o Fliper

Você já sabe que ele é um programa focado no controle automático dos investimentos. Mas, o que é preciso considerar além disso? A primeira coisa é que a ideia central é auxiliar o investidor a ter essa visão geral da carteira. Ou seja, isso permite um melhor rebalanceamento.

Por exemplo, será que estou arriscando demais com a renda variável? Será que o meu perfil está conservador demais? Onde será que está a maior parte dos meus recursos? Eu tenho fontes para resgates rápidos? Tudo isso é respondido ao sincronizar as contas no app.Aliás, sobre a sincronização das contas, saiba que a grande mágica acontece aqui. Afinal de contas, dá para ver que ao unir as contas de vários bancos e corretoras, o investidor tem mesmo uma visão geral da sua carteira. E a gente nem precisa ir muito longe para ver isso.

controle automático dos investimentos
Foto: (reprodução/internet)

Imagine que você tenha gostado do fundo de canabidiol da Vitreo, que tenha uma renda fixa no banco Itaú, fundos de investimentos imobiliários na XP, ações na Rico e alguns fundos multimercados no banco Inter. Ou seja, está tudo bem. Mas, é confuso analisar tudo.

Por isso, o Fliper acaba sendo muito útil: ele permite justamente essa sincronização das contas, criando uma visão geral da carteira do investidor.

O objetivo do Fliper

O próximo ponto que merece destaque sobre essa forma de fazer o controle automático dos investimentos tem a ver com a principal vantagem dele, que está ligada também ao objetivo da empresa: educação financeira voltada para investimentos.

controle automático dos investimentos
Foto: (reprodução/internet)

O Fliper já chegou a dizer, em vários comunicados e entrevistas de CEOs, que o Brasil é um ótimo país, mas que precisa de mais educação financeira. Veja um trecho: “85% ainda investem em poupança. Mas, o ritmo em diferentes tipos de produtos vem crescendo”.

Assim, a empresa também cita que o Tesouro Direto acabou de bater a meta de 1,5 milhão de investidores, o que é algo bastante surpreendente, já que nunca aconteceu antes. Com tudo isso, não resta dúvidas de que está havendo uma democratização dos investimentos no país.

Como resultado final desse objetivo, podemos ver que o app gratuito é uma espécie de marketplace que une a tecnologia com a educação financeira. Logo, cada usuário pode visualizar a sua carteira, o que resulta, por sua vez, na busca de melhores ofertas de produtos.

Ou seja, se você sabe como a sua carteira está montada, então, fica mais fácil entender aonde dá para fazer novos aportes, por exemplo. Ou dá para notar se a sua reserva de emergência está defasada demais. Assim por diante.

A concentração dos investimentos

Bom, ficou fácil entender para que serve esse programa, não é mesmo? A gente até pode usar aqui um exemplo que vai facilitar isso. Pense em um banco que tenha investimentos. Agora, uma corretora. Obviamente, a corretora tem mais ativos porque sincroniza todos os bancos.

controle automático dos investimentos
Foto: (reprodução/internet)

Mas, aonde é que entra o Fliper? Ele é uma espécie de carteira virtual que vai ajudar você a unir todos os seus ativos, independente dos bancos e corretoras, em um só lugar. Fácil entender isso, não é mesmo? Agora, vem a dúvida: quais ativos ele considera?

Na verdade, praticamente todos. Além dos investimentos financeiros que conhecemos da renda fixa e variável, também dá para incluir aqui a sua conta corrente, o seu FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) e até mesmo a poupança, se você ainda tiver dinheiro lá.

Do lado dos investimentos propriamente dito, saiba que a gente tem os fundos (imobiliários, multimercado, de renda fixa, de ações, cambiais), as ações, os CDBs, as LCIs, LCAs, CRIs, CRAs, debêntures, LCs, entre outros.

O que talvez você não consiga unificar nesse aplicativo seja o seu investimento fora desse mercado, como em imóveis físicos, por exemplo.

As funcionalidades do Fliper

Já chegando ao fim da matéria está na hora de você saber sobre algumas das funções desse aplicativo de controle automático dos investimentos. Afinal, o objetivo e a ideia você sabe qual é. Porém, ainda não sabe como ele pode ser usado e como pode ser bom para você.

controle automático dos investimentos
Foto: (reprodução/internet)

Basicamente, a primeira função dele é justamente a de consolidação automática dos investimentos. Ou seja, a sincronização das contas. Isso é legal para dar aquela visão geral sobre os ativos. Ou melhor, sobre a carteira do investidor.

Além disso, podemos notar também sobre os avisos de pagamentos de proventos, como dividendos. Ou seja, se você tem ações que pagam esses proventos, então, você terá acesso a uma espécie de agenda. Outra coisa é que dá para ver as classes dos ativos.

E, sem dúvidas, um dos pontos mais bacanas é observar a rentabilidade da carteira, ver o resumo mensal e até mesmo um gráfico de evolução patrimonial. Por último, considere ainda os prazos de liquidez e alguns conteúdos relevantes do mercado financeiro.

Ainda que não seja sobre a funcionalidade, considere uma vantagem importante: sobre o aplicativo ser gratuito para baixar e cadastrar. Ou seja, o usuário não precisará pagar nada para começar a usar e ter essa visão sobre a carteira virtual de ativos.

As pessoas que usam recomendam o aplicativo?

Uma das formas que existem para a gente avaliar e analisar um produto, serviço e até mesmo um aplicativo, considere que ver o que as pessoas que usam falam é o primeiro passo. Então, vamos fazer isso agora mesmo, considerando a plataforma do Google (Google Play Store).

controle automático dos investimentos
Foto: (reprodução/internet)

No geral, a nota de recomendação é boa, sendo de 4,4 estrelas de um total de 5. Logo, o aplicativo se torna indicado para muita gente. Por outro lado, não podemos deixar de avaliar também os últimos comentários que, infelizmente, não são tão positivos.

Por exemplo, o Gustavo Souza falou que após a implementação do token o uso ficou mais complicado. Ou seja, agora o programa demora mais para solicitar a informação, o que se torna desconfortável. A lentidão também é reclamação do Guilherme Delai.

De todo modo, os organizadores recomendam o envio de mensagens e sugestões por e-mail. Os contatos selecionados são: @fliper.app ou ajuda@fliper.app.

Para o novo investidor

Curiosamente, entre os comentários, a gente também encontrou uma recomendação para os novos investidores. O motivo é que eles, geralmente, não possuem muita experiência na hora de avaliar ativos, rendimentos e porcentagens.

Nesse sentido, o aplicativo se torna extremamente útil para dar essa visão geral. Obviamente, a gente tem que considerar uma pequena demora na atualização dos dados, ainda mais quando se trata da renda variável, que oscila demais a cada minuto.

Ainda assim, para quem está aprendendo sobre o assunto dá sim para pensar nesse aplicativo, e em outros com o mesmo foco, como forma de continuar entendendo mais dos ativos e da carteira de investimentos.

Conheça também o Gorila e o Íon

Para complementar essa matéria, considere que a gente já fez um conteúdo falando de outro aplicativo de controle automático dos investimentos. Na ocasião, o assunto era sobre o Gorila. Inclusive, no Google Play, ele tem uma nota um pouco melhor do que a do Fliper.

Entre os diferenciais dele, a gente pode destacar: consolidação da carteira de ativos, informações de fácil acesso, divisão dos investimentos, relatórios de rendimentos, variação de produtos. Ou seja, é um concorrente a altura do Fiper, por isso, vale a pena estudá-lo, também.

Aliás, assim como o Fliper, esse é um aplicativo de finanças gratuito e ótimo para o investidor iniciante. Se você quiser saber mais sobre ele, considere a leitura integral da matéria: “GORILA – Confira 5 motivos para baixar esse app de controle de investimentos”.

Por fim, a última curiosidade é sobre um aplicativo de investimentos que o Itaú lançou. A ideia geral é a de entrar, de vez, nesse mercado de investimentos, mas com um app que funcione como um home broker, exatamente como acontece nas corretoras.

A gente falou disso na matéria, também: “Íon é o novo aplicativo de investimentos do Itaú – conheça-o e saiba como baixar”. E nesse conteúdo, a gente dá o passo a passo de como baixar o aplicativo do Itaú no seu celular, independente se é um Android ou iOS.