Gestão Financeira Pessoal em 5 Passos – Para Controlar os Gastos Mensais

ANÚNCIO

Quando não se tem um planejamento financeiro bem organizado, a consequência é eminente: dívidas grandiosas e incontroláveis. Elas causam o maior alvoraço na sua vida – traz problemas pessoais, profissionais e familiares.

A questão é conseguir controlar os gastos pode te fazer ter gestão financeira efetiva. E fazer isso é muito fácil – não leva mais do que 5 passos, confira.

ANÚNCIO

Conforme pesquisa do SPC (Sistema de Proteção ao Crédito), o consumidor brasileiro não tem o hábito de poupar dinheiro e quando o faz, geralmente, possui perfil conservador, de baixo risco, como as poupanças.

Aliás, é muito difícil controlar o orçamento financeiro doméstico em um país onde os preços do supermercado no mês anterior já não são iguais aos da compra atual. Ou, não raro, quando o salário não tem acompanhado as elevações da economia.

No Final do Artigo teremos 2 Bonificações: Planejamento Financeiro para Idosos e Gestão Financeira para Empresários. Leia!

ANÚNCIO

O segredo nós vamos contar abaixo, mas em síntese leve em conta os seguintes itens: dar prioridades às contas necessárias e cortar os gastos extras, procurar pendências com taxas de juros elevadas e renegociar elas e, mais importante que tudo, investir dinheiro em aplicações financeiras que rendam algum juros periodicamente.

1 – Encare os Números

Nada de “anotar depois” ou “é um gasto pequeno, não preciso anotar”. Você nunca vai conseguir organizar as suas finanças se não fizer o controle exato que entra e do que sai de dinheiro todos os meses.

O Registro dos Gastos é fundamentalmente importante.

O lado bom é que você pode escolher o seu próprio método para fazer isso – existem aplicativos para celulares, planilhas de controle de gastos do excel e registros manuais.

Aqui no blog já ensinamos como Fazer o Registro Manual através da Técnica dos Envelopes. “É mais vantajoso porque você nunca vai esquecer de anotar com o que gastou o dinheiro, além disso, poderá fazer uma análise sobre quanto imaginava gastar e quanto acabou realmente gastando”, disse o criador da técnica, Robinson Trovó.

Se você quer entender um pouco mais como funciona essa técnica, clique aqui.

Planejamento Financeiro Pessoal Simples e Eficaz Usando 10 Envelopes

Para todos os casos, o mais importante é manter os números atualizados diariamente, incluindo os centavos, os empréstimos, os boletos, as balas, entre outros. O seu cafezinho, por exemplo, pode custar apenas 5 reais hoje. Mas, se o valor for diário, pode representar um gasto exorbitante de 1,8 mil reais no ano todo.

2 – Identifique os Gastos Supérfluos

Com as despesas registradas, fica mais fácil reconhecer os gastos que são supérfluos, ou seja, não necessários. Mais importante do que reconhecer é saber que eles podem comprometer o seu orçamento financeiro muito mais do que você imaginava.

Depois que listar todas as possibilidades de corte desses gastos, leve em conta definir aquilo que é prioridade. A questão é muito simples de ser resolvida – normalmente, os gastos necessários são: alimentação, saúde e educação. O restante pode ser considerado supérfluo.

“Você tem que economizar sem sacrificar o bem-estar”, afirma Rodolfo Amstalden, que é sócio-fundador da Empiricus Research. “De todos os gastos que você teve no mês, quais são aqueles dois quais você se arrepende”?

“Não estou falando para deixar de sair e ficar só em casa assistindo aos filmes do Netflix. Mas é importante equilibrar estes gastos. Se você puder analisar seu extrato, apontar aquilo que não traz algo bom e tentar cortar gastos no mês seguinte, vai sobrar mais dinheiro para investir”, diz Rodolfo.

15 Ideias de Negócios para Mulheres Empreendedoras

3 – Evite Parcelar as Compras

Mesmo que você deixe de comprar o que é prioridade, você continuará fazendo compras. Aliás, o supermercado tem que ser feito todos os mesmos para que não falte comida em casa. A dica, para as compras prioritárias é não parcelar.

O Cartão de Crédito, por exemplo, pode ser usado de forma positiva, mas muito raramente. Enquanto você estiver trabalhando o seu orçamento financeiro e definindo suas prioridades, o ideal é que deixe ele no “banco de reservas”. Dê um tempo ao seu cartão de crédito e faça compras apenas à vista.

Todo pagamento à vista gera desconto, além de tudo.

Dan Ariely entrevistou muitas pessoas e pediu que analisassem seus extratos bancários. A grande maioria das pessoas disse que se arrependem quando gastaram muito dinheiro na balada, saindo para um bar ou em um restaurante. Pense nisso.

4 – Tenha uma Reserva Financeira

Ter um Fundo Financeiro Emergencial é importante para evitar que Imprevistos desmorone sua vida. Existem dois exemplos clássicos – e tristes – que explicam por que é importante ter essa reserva:

1) para o caso de perda de emprego e

2) para o caso de doenças sérias que exigem tratamentos imediatos e caros.

E não adianta vir dizer que você tem “sorte” ou que “essas coisas não acontecem com você”. Porque em todo momento da vida acontecem imprevistos. O carro pode quebrar, a casa pegar fogo, o remédio custar caro… E uma infinidade de ações que não estavam no planejamento.

Por isso, ter uma reserva financeira é importante e fará com que você tenha facilidade em tomar atitudes, sempre pensando no crescimento financeiro. Se você não tem nada guardado, fica difícil até mesmo planejar o pedido de uma promoção no trabalho, para se ter uma ideia.

Quanto ao valor, os especialistas não tem uma opinião única, mas na média, fala-se em reservar o equivalente à 6 meses de trabalho. Por exemplo, se sua Renda Mensal é de 3 mil reais, então, imagina-se que sua reserva seja de, pelo menos, 18 mil reais.

“As pessoas ficam felizes quando identificam que investiram em algo que vai trazer retorno positivo”, diz Rodolfo.

5 – Procure As Melhores Opções de Investimento

Existem muitas opções de investimentos no Mercado Financeiro atual. Então, se você é daquelas pessoas que só conhecem a poupança, melhor olhar para frente e para os lados. Conheça mais sobre o mercado.

Aliás, Aplicações Financeiras não é só sobre Investir Dinheiro na Bolsa de Valores.

Existe, por exemplo, a Renda Fixa que é um tipo de investimento muito seguro e tem rentabilidades superiores ao da poupança. Normalmente, são títulos de bancos ou do Governo Federal. O importante é fazer sua reserva render e ter segurança para que ela não fique abaixo do índice de inflação.

Quando você encontra tais investimentos que dizem respeito ao seu perfil investidor, você começa a entender um pouco mais sobre investir, lucrar e multiplicar, que são verbos que passam pela cabeça de quem se preocupa em ter um patrimônio financeiro que garanta um futuro tranquilo.

“Economize um pouco a cada mês, investir aquela economia. O dinheiro que você não gastou ainda vai se multiplicar. Será um ciclo virtuoso bom de acompanhar”, finaliza o especialista.

Além de levar em conta os investimentos financeiros, pense também em formas de ganhar dinheiro extra, além da sua renda mensal.

Bônus 1: Planejamento Financeiro para Idosos

Os contribuintes que tem mais de 60 anos tem prioridade para receber a restituição do Imposto de Renda. Isso faz com que os mais idosos fiquem com mais dinheiro. Além disso, há a aposentadoria do INSS. No entanto, somando todos os valores recebidos, essa parte da população tem muita dificuldade em quitar os débitos – afinal, os gastos são altos.

“Todos devem rever o orçamento e analisar o que é possível poupar para, aí sim, ver qual é o melhor destino para esse dinheiro, seja um investimento agora ou depois. Quando gastamos sem planejamento, nos perguntamos depois de um tempo: cadê”? afirma a Educadora da Associação Brasileira de Educação Financeira (Abefin), Teresa Tayra.

Ela diz que o aumento da expectativa de vida muda a ideia de que o idoso deva usar imediatamente o dinheiro. “Hoje, o brasileiro pode fazer planejamentos a curto, médio e longo prazos. É possível, sim, traçar objetivos que possam ser alcançados em alguns anos”.

Para ela, por trás de qualquer investimento financeiro, há um sonho que deve ser identificado para que o planejamento seja realizado. “Quando identificamos os nossos objetivos, o que almejamos, conseguimos com o planejamento e a economia de realiza-los”.

Mulheres Empreendedoras: qual o segredo para o sucesso financeiro?

Nesse planejamento é preciso pensar não apenas nos pontos positivos, também no que pode dar errado.

“Os prós e os contras precisam ser vistos. Uma pessoa pode comprar um imóvel por um preço bom, achando que está fazendo um bom negócio, mas não pensa no tempo que pode demorar para conseguir revende-lo, por exemplo – o mesmo ocorre com as aplicações financeiras”, diz a especialistas.

Sobre o dinheiro extra, Teresa diz que o melhor é quitar as dívidas. “Se o objetivo da pessoa é colocar as pendências financeiras em dia, é isso que ela deve fazer, ficando atenta ao real valor da dívida, para se possível negociar e parcelar o valor devido, livrando-se dos juros”.

Por fim, Tayra diz que todo idoso precisa tomar cuidado com os golpes de bandidos.

“Deve-se evitar conservar sobre detalhes de quando e quanto recebe de salário ou pensão e, no banco, sempre estar atento se não está sendo observado ou seguido, além de só pedir informações e ajuda aos funcionários”, alerta o Capitão da Política Militar na Baixada Santista, André Bonifácio.

Bônus 2: Gestão Financeira para Empresários

Atualmente existem mais de 23 milhões de micro e pequenas empresas ativas no Brasil, conforme dados do Portal Empresômetro MPE.

Aí, informatizar a gestão pode ser uma boa alternativa para quem quer crescer, já que isso facilita otimizar processos, obter os melhores resultados e economizar dinheiro. Os sistema de gestão são chamados de ERP e uma escolha assertiva pode valer muito a pena.

O ERP Organiza as Finanças é para a realização e separação correta das contas pessoas com as empresariais, o que torna a gestão passível de erros na contabilidade.

Além disso, ter uma ERP em uma nuvem acessível também pode minimizar os gastos com mensalidades, já que tem custo zero de instalação. O importante é sempre procurar as melhores formas de otimizar os resultados.

7 Passos para Reconhecer o Perfil de um Empreendedor de Sucesso

1 – Reinvestir em um Capital de Giro

Nunca é demais ter certa quantia em dinheiro, com investimentos de curto prazo e que será usado para eventuais necessidades. Porque sempre que uma mudança cresce e assume contratos maiores, é preciso reestudar o fluxo de caixa para prever algumas faltas.

Sendo assim, para períodos de caixa baixo, ter uma reserva vai possibilitar passar por qualquer momento sem sufoco e sem precisar fazer empréstimos. Em uma empresa, muitas vezes, o empréstimo é necessário, mas sempre que puder ser evitado, melhor será.

A regra do empréstimo é muito simples: você pega um dinheiro emprestado para fazer a empresa funcionar e em troca tem que pagar esse empréstimo e mais um juro. Logo, você pagará mais do que pegou, é assim que funciona sempre.

Para empresas que são novas no mercado, esse dinheiro do lucro deve ser resguardado para ser usado como capital de giro até que a companhia entenda o mercado de fato, conhecendo os altos e baixos porque sempre vai ter um fator determinando, chamado de sazonalidade.

2 – Na Estrutura da Empresa

Ao mesmo tempo, manter máquinas, veículos, modernização de sistemas ou treinamento da equipe é sempre uma boa pedida já que a empresa será considerada moderna, com equipamentos novos e confiáveis.

Isso vai garantir a satisfação do cliente já que ele terá confiança nos produtos, nos processos e isso levará ao aumento de vendas e de uma imagem próspera, tanto dos clientes quanto dos colaboradores.

No mercado administrativo, é quase que uma “obrigação” de qualquer gestor manter parte do lucro de uma empresa reinvestindo nela própria. Isso é consideravelmente ideal para empresas antigas, tradicionais ou que tenham um público exigente de tendências.

Ainda nessa parte estrutural, o pagamento regular de dividendos (lucros) aos sócios é também considerado um investimento. Satisfeitos, os sócios vão alavancar, cada vez mais, o negócio com a injeção de capital ou com filiais e novos departamentos.

Continue Lendo e Descubra os outros passos…

Com informações do segs, terra e atribuna

ANÚNCIO