O Horário que Você Abastece o Carro pode te fazer Economizar Dinheiro – Acredita?

O Posto de Combustível tem sido o lugar que o brasileiro mais tem temido, afinal, com impostos e todo tipo de tributação possível, o país é um dos que tem o preço da gasolina e do álcool mais caros do mundo. E, em tempos de crise, economizar dinheiro com esse gasto do carro pode ser fundamental para manter o orçamento financeiro regulado.

Ao que tudo indica, ninguém sabe, mas estudiosos da UFSCar (Universidade de São Carlos), conseguiram provar que até mesmo o horário que você abastece pode resultar em economia de dinheiro. Sabia disso? É, provavelmente não… Então, leia este artigo na íntegra e descubra qual o melhor horário para abastecer o seu veículo.

No Final do Artigo, também teremos um tópico específico para falar como você pode economizar dinheiro com o combustível, usando, inclusive, os melhores aplicativos para celulares. Não deixe de Ler!

Também até o final deste artigo também vamos falar sobre o fato de pagar com dinheiro ou com cartão, alguns hábitos saudáveis para o seu bolso e a escolha de produtos que ajudam na economia financeira. Leia!

Qual o Melhor Horário para Abastecer o Carro

Na verdade, você não precisa fazer muita conta, basta analisar a meteorologia ou se atentar para a posição do sol. Conforme os pesquisadores, como qualquer outro líquido ou sólido, a gasolina e o etanol sofrem alterações de volume com o efeito da mudança de temperatura.

Na teoria, isso se chama Expansão ou Contração Térmica.

“Em particular, a gasolina tem uma expansão térmica relativamente alta comparada com outros fluídos”, garante Adilson de Oliveira, físico da UFSCar. “Ao abastecermos o carro em um horário de alta temperatura no dia, compramos menos líquidos do que quando a temperatura ambiente está baixa”.

Na prática, funciona assim: quando a temperatura aumenta, o combustível se expande e a mesma massa ocupa um volume maior. Já quando esfria, as moléculas ficam mais concentradas, ocupando menor espaço.

O que muda, portanto, é o volume e não a massa, que se mantém a mesma.

Só que pagamos, no posto de combustível, pelo volume. Já para o carro funcionar, é preciso a massa. Entende essa diferença? Assim sendo, quanto mais massa tivermos no tanque, mais quilômetros vamos conseguir rodar com o carro.

Assim sendo, pela manhã, mais massa entra no tanque pelo mesmo preço que seria pago se o carro fosse abastecido com o sol a pino, que costuma acontecer entre as 10 e 14 horas do dia.

Se os combustíveis fossem vendidos por peso, o efeito da temperatura apareceria na balança e não haveria diferença alguma em escolher o horário para abastecer. A localização dos tanques de combustíveis no subterrâneo dos postos ameniza um pouco o efeito da variação de temperatura do dia.

Obviamente, o calor provoca expansão do combustível líquido e faz ele evaporar, portanto, abastecer em um posto de combustível no deserto seria uma péssima ideia, se você quiser economizar dinheiro.

O Melhor Comportamento para quando o Tanque Estiver Quente

Um cálculo matemático feito pelos pesquisadores foi feito para descobrir quanto conseguimos economizar ao abastecer o carro nas primeiras horas do dia. Porém, falar em números exatos é bastante complexo porque isso dependeria não apenas da temperatura, mas também do poder e do motor do carro.

O que dá para saber é que dependendo do período do dia, só o fato de abrir o tanque para abastecer pode fazer seu dinheiro… Diríamos… Virar vapor. Isso porque os tanques dos carros mais novos são pressurizados e quando estão fechados, a pressão interna é mais alta do que a ambiente.

Isso faz com que o combustível, mesmo em temperatura mais alta, mantenha-se líquido.

“Ao abrirmos o tanque, a pressão diminui e parte do líquido evapora”.

Aquele famoso cheirinho de gasolina no ar depois que entregamos a chave para o frentista é, literalmente, o mesmo cheiro do seu dinheiro no estado gasoso. Os veículos novos injetam vapor de gasolina no motor junto do combustível líquido para ganhar eficiência.

“Ao abrirmos o tanque em horários em que o carro está em temperatura mais alta, é perdido esse vapor do combustível para o ambiente”, diz o físico.

E o pagamento, é no Dinheiro ou no Cartão?

Dan Ariely é reconhecido por seu trabalho na área da psicologia e economia comportamental e falou publicamente sobre a tomada de decisão de forma irracional.

Mas, aliás, não é só ele, quase todos os economistas e analistas financeiros dizem que “se você quer começar a economizar dinheiro, comece a fazer o pagamento em espécie” – e não cartão. Para a psicologia, o volume de nota saindo da carteira vai “doer mais” do que simplesmente passar o cartão – de débito ou de crédito.

Obviamente, em termos de números, isso não faria diferença, mas emocionalmente falando, faz. E muita. Esse fenômeno, por sinal, não é isolado, mas comum. “Acontece porque a tomada de decisão humana é irracional por mais que nós gostemos de acreditar no contrário”.

Para Dan, é possível traçar um paralelo entre ilusões visuais e a tomada de decisão. “Mesmo sabendo que é um truque, se você já pensa daquela forma, vai ser difícil mudar”, explica. As decisões, sendo assim, estão ligadas às nossas emoções e pressões externas.

Ainda sobre Economizar Dinheiro, o especialista fala em comportamentos que também tem a ver com a questão emocional. “Hoje, as pessoas reciclam porque existe uma pressão social. Economizar energia elétrica também é bom para o meio ambiente, mas é algo muito mais privado, ninguém está vendo [então as pessoas não economizam]”.

Aí, entra a questão primordial dos estudos de Ariely: “Como Mudar os Comportamentos”?

Para ele, primeiro é preciso identificar o obstáculo para aquela tomada de decisão e, depois, descobrir como resolver isso. No caso do dinheiro, a dica é tornar visível o que parece ser invisível – pagar com dinheiro em vez do cartão.

“Nos últimos anos, poupar ficou menos visível e o gastar é mais invisível”.

Um estudo mostrou que vizinhos ganhadores da loteria gastavam mais, influenciados pelo vizinho que estavam gastando. Na conclusão dele, as pessoas querem competir, disputar e ver quem está comprando mais.

“Nós consumimos mais e poupamos menos. Poupar para a aposentadoria, por exemplo, é uma das coisas mais difíceis de fazer porque é algo abstrato, está no futuro”, conclui.

Como Fazer Sobrar Dinheiro no Fim do Mês?

Jonas Jaimovick é CEO da JJ Invest e fala que na vida de qualquer pessoa não é fácil fazer sobrar dinheiro no fim do mês, ainda mais para aquelas que recebem salários baixos. Mas, para todos os casos (ricos ou pobres), a dica é sobre ter um planejamento financeiro, equilibrando as receitas e as despesas.

“Seja disciplinado, anote as informações diariamente. Recebeu algum valor, inclua. Realizou algum gasto, contabilize”.

Depois, conforme o especialista, é preciso fazer uma profunda análise das finanças. Para gerar receitas, encontre alternativas de renda para fazer à noite ou no final de semana ou em qualquer horário que não vá de encontro com o trabalho já feito. Por outro lado, elimine tudo o que for indispensável, reduzindo os custos.

O controle emocional é fundamental para a estabilidade financeira – ir ao shopping nas horas vagas não parece uma boa medida para o final de semana. Se realmente precisar comprar algo, pesquise muito, encontre melhores taxas e valores e evite dívidas.

Contas básicas e inevitáveis (água, energia, alimentação) devem ser pagas sem atraso e com o máximo de economia possível. O transporte também pode ser reduzidos. Entre outras medidas.

Para o especialista, o foco deve estar no orçamento financeiro familiar, que pode estar regrado de comportamentos e sacrifícios por todos os envolvidos. E nunca se deve esquecer de investir dinheiro todos os meses e não apenas “quando sobrar”.

Já sobre a melhor aplicação financeira, conforme a Consultoria Economatica, até maio deste ano, se descontada a inflação, a Bolsa de Valores havia subido 25% enquanto o CDI, que orienta a Renda Fixa, rendeu 9%. A poupança ficou em 4% e o dólar em queda.

Porém, nenhum especialista do Brasil recomenda começar na renda variável sem antes conhecer o mercado financeiro, através das rendas fixas – Se você ainda não sabe nada sobre elas, leia nosso e-book gratuito que não leva mais do que alguns minutos.

“Com o crescimento econômico e a queda da Selic, o rendimento dos investimentos atrelados aos juros ficou muito baixo. Por outro  lado, estes mesmos fatores favorecem o mercado de ações, que se tornou extremamente atrativo e com perspectivas de lucros estimulantes”, disse Jonas Jaimovick.

10 Hábitos para Manter o Orçamento Financeiro em Dia

Enriquecer ou, pelo menos, manter a vida financeira equilibrada é possível a partir de medidas simples do dia a dia. Sempre vai haver alternativas mais econômicas, todos os dias e em tudo o que você faz. Produtos mais baratos, serviços mais em conta e oportunidades que envolvam menos dinheiro.

Selecionamos algumas opções de como você pode começar a repensar a sua vida financeira.

1 – Poupar Dinheiro

Todo mês é preciso poupar dinheiro, que é diferente de economizar dinheiro. Economizar é importante, mas o que você vai fazer com o dinheiro é ainda mais. Poupar, por sua vez, não significa deixa-lo debaixo do colchão ou na poupança – que é quase a mesma coisa.

É preciso encontrar um investimento financeiro que vá de acordo com o seu perfil.

2 – Débito Automático

Se você tem um planilha financeira e sabe como manter o saldo em dia, pode começar a usar o débito automático, que te ajuda a não atrasar a conta.

No entanto, o cuidado é preciso na hora de deixar sempre o dinheiro em caixa para que a conta não fique no vermelho e entre no cheque especial, o que é muito pior.

3 – Gastos com Energia

Em casa, tire os aparelhos eletrônicos em desuso da tomada. Isso é chamado de Stand-by e pode te dar uma economia de até 10% na conta final.

4 – Trocar Objetos

Existem vários recursos e aplicativos para trocar e vender objetos que você não usa, fazendo desse passivo um possível ativo financeiro. Um deles é o 99 trocas e tem também outros mais famosos, como OLX, Mercado Livre, etc.

5 – Opte pela Reciclagem

Esse tópico nem precisamos falar muito, mas é um dos mais convenientes – ajuda você a economizar dinheiro, colabora para o meio ambiente e é muito simples.

Mais do que isso, você pode ser um agente transformador no mundo se conseguir incentivar outras pessoas a fazerem o mesmo.

6 – Almoço e Jantar

Ainda não há pesquisas que mostram o tamanho da economia, mas o que todos concordam é que levar marmita ao trabalho ao invés de comer em restaurantes é muitas vezes mais econômico. Além disso, você pode optar por alimentos mais saudáveis.

7 – Faça Caminhadas Diariamente

Caminhar todos os dias te rende muitos benefícios – você pode ter uma atividade física gratuita, evitar com a compra de remédios (já que terá uma saúde melhor) e economizar no transporte na hora de ir até algum lugar.

8 – Comparar os Preços

Todo produto que você deseja comprar pode ser mais barato em um lugar do que em outro. Opte sempre pelo custo-benefício. Atualmente essa busca pode ser feita pelo celular mesmo, em aplicativos que fazem a comparação, como o Buscapé.

9 – Cartão de Crédito

Você pode usá-lo se souber fazer da forma certa. É preciso entender que ele é apenas uma forma de pagamento e não uma extensão do seu salário.

Além disso, todos os pagamentos à vista, no dinheiro, estão suscetíveis ao desconto, o que é bom para quem quer economizar dinheiro.

10 – Sair das Dívidas

É sempre muito importante sair das dívidas, porém, mais importante do que isso é não entrar em novas. Por isso, evite os parcelamentos longos e os financiamentos com juros altos. Tenha sempre um planejamento financeiro correto e siga-o.

19 Aplicativos para Calcular Gastos com o Combustível

Como visto nessa parte inicial do texto, o combustível é um dos itens que tem pesado bastante no bolso de todo brasileiro. Se não de forma direta, com o abastecimento de seus veículos, de forma indireta, com certeza, já que o transporte coletivo, por exemplo, aumentará seu valor pago por passageiros.

Logo, não resta dúvidas que com o aumento dos combustíveis nos postos nacionais, o brasileiro será mais uma vez prejudicado.

Para tentar minimizar ou driblar esse problemão, encontramos alguns aplicativos que podem ser usados para calcular o consumo de combustível. Essas ferramentas tecnológicas podem ser usadas para mostrar suas necessidades e ajudar no gerenciamento de gastos.

1 – CARANGO

É um dos aplicativos mais completos dessa área porque ajuda a controlar as despesas variadas, como manutenção, óleo e acompanha também a evolução dos seus gastos com combustível através de gráficos.

Se você tem um veículo ou mais, poderá cadastrar todos, o que torna uma boa solução para controlar todos os gastos no fim do mês ou de qualquer período.

Inclusive, tem sido usado até mesmo por empresários que tem frotas de veículos – para os profissionais, existe a versão paga (Carango Pro), que custa pouco mais de 5 reais.

2 – ÁLCOOL OU GASOLINA, CHEFIA?

É um aplicativo dos mais simples possíveis. Porém, muito útil. Ele simplesmente vai te dizer qual combustível sai mais em conta – álcool ou gasolina.

Funciona assim: você insere o preço no aplicativo e ele faz as contas dizendo qual vale a pena.

3 – CARRORAMA

Também calcula o consumo do combustível e é muito completo, além de ser gratuito. Nele, você consegue controlar até mesmo as despesas como taxas, pedágios, estacionamento e impostos.

Os dados podem ser exportados para planilhas do excel.

Outra função é poder criar lembretes para manutenções programadas ou sobre a calibragem do pneu. E isso é importante levando em conta que as pessoas costumam esquecer de tais compromissos.

4 – BRASIL FLEX 2.0

É considerado confiável e existe desde 2009.

Nele é possível controlar custos gerais e fazer quadros comparativos onde são medidos os consumos, a quilometragem e soma total dos gastos.

5 – FUELIO

É prático e indicado principalmente para quem quer apenas controlar os gastos de combustíveis e nada mais. Tem a função de gráficos e planilhas.

6 – GASOLETA

Também faz o cálculo sobre a vantagem do etanol e da gasolina.

7 – AUTO CARE

Faz o gerenciamento de gastos com frotas inteiras, permitindo o cadastro de mais de um veículo.

A interface é muito simples e possibilita o consumo de cada carro cadastrado, onde é possível programar manutenções periódicas e a troca de peças, via quilometragem.

8 – CONSUMO

Segue a linha dos outros apps aqui citados para calcular o consumo de combustível.

9 – MAPEIA

É um serviço completo para quem quer pegar a estrada de carro. Você preenche os campos de origem e destino, consumo, preço do combustível e o site te informa quantos quilômetros serão percorridos, além do tempo de viagem e o gasto com combustível.

10 – CALKOO

Também é um site que ajuda a calcular gastos com combustíveis de forma simples. Você acessa o site e calcula a distância percorrida, o consumo do combustível e a distância.

11 – CÁLCULO EXATO

É um site também onde torna possível calcular quantos quilômetros você poderá percorrer dada a quantidade de combustível e o consumo do seu carro. Para tal, basta marcar o tipo de combustível.

12 – NEXER

É um aplicativo que gerencia as principais necessidades do carro, como manutenção, combustível e eficiência ao dirigir. Ele ajuda a detectar falhas e pode te ajudar a economizar até 20% de combustível por meio de um game interativo.

13 – ECONOFLEX

Ele foi desenvolvido para te ajudar na hora de abastecer e tirar a dúvida sobre qual combustível você deve usar – álcool ou gasolina. O rendimento da gasolina, conforme o app, é de 30% superior ao do álcool e a partir disso as contas são feitas.

14 – WAZE

Esse aplicativo que calcula rotas ao vivo baseadas em informações das vias e do trânsito também pode te auxiliar na hora de economizar dinheiro com o carro.

15 – GAZO

É um aplicativo desenvolvido para auxiliar o consumidor a encontrar o melhor preço de combustível nos postos da sua região. Ele usa uma base de postos do Brasil e fornece o preço de cada um, incluindo a localização e a rota mais fácil até o local.

16 – FUELLY.COM

O site é uma boa alternativa que permite controlar despesas com o combustível. Você pode importar planilhas ou exportá-las sempre que quiser. Pode até mesmo compartilhá-las nas redes sociais ou com outros usuários do site.

17 – DRIVVO

É uma alternativa direta ao Fuelio – considerada tão bonita quanto ela. O foco é o abastecimento e ele fornece uma calculadora para escolher o melhor combustível para carros flex.

18 – ACAR

É dos aplicativos mais populares nos celulares do mundo todo. Ele é um gerenciador de despesas para usos do carro, com registro de abastecimento, manutenção, consumo e tem recursos exclusivos, como o caso da localização GPS, que registra os locais onde você abasteceu.

19 – ROAD TRIP

Também tem o suporte GPS, como o Acar, mas é pago – e não gratuito. O Road Trip é usado também por pessoas que tem carros elétricos ou barcos, por isso, é considerado ainda mais completo. Entre as funções, estão o modo de viagem e os gráficos.

Com informações do JornalFloripa e Globo