Caminhada diária pode te fazer acumular um patrimônio de R$ 50 mil na velhice

ANÚNCIO

Esse conteúdo foi produzido a partir de uma conversa que os editores e redatores do blog do Trovó tiveram. Tudo começou com uma conversa informal, mas o assunto se tornou tema porque trouxe uma ideia mágica para você que quer ter uma velhice segura.

Os ingredientes estão todos no título: caminhada diária, patrimônio de R$ 50 mil e velhice. Agora, como bater todos os ingredientes é que é o grande segredo. Descubra!

ANÚNCIO

A história verídica

A história verídica começou quando um de nossos redatores comentou sobre o seu avô, que teve uma mudança radical de vida ao descobrir sobre o aparecimento de algumas doenças.

A gente sabe que hoje em dia, as doenças mais comuns em todo o mundo é a diabetes e a pressão alta, que são consequências diretas de uma má alimentação e de um estilo de vida nada saudável.

Até aqui, o assunto nada tem a ver com o dinheiro.

ANÚNCIO

Só que essa questão financeira entrou em cena quando o redator comentou que o seu avô gastava boa parte da aposentadoria com remédios e foi aí que decidiu mudar de vida.

Ele começou a praticar exercícios físicos e comer bem melhor, de forma mais saudável.

Esses exercícios físicos eram leves, sendo caminhadas matinais diárias e foi isso que nos trouxe a ideia do artigo que você está lendo agora.

Os benefícios da caminhada diária

Fomos atrás e descobrimos que a caminhada diária tem inúmeros benefícios diretos à saúde das pessoas e são muitos mesmos.

Mas, os que se destacam são aqueles que tem a ver com a prevenção ou tratamento de doenças como a do avô do nosso redator: diabetes e pressão alta.

E assim como o avô dele, todo mundo pode optar por esse tratamento natural e mais econômico para essas doenças.

A caminhada ao ar livre é gratuita e isso fica bem mais barato do que ter que comprar remédios todos os meses. Concorda?

Foi assim que o avô do redator se deu bem.

E para você que é jovem, assim como nós, tivemos uma ideia: e se a gente poupasse o dinheiro gasto com remédios ao fazer caminhadas matinais, quanto isso renderia daqui há algum tempo?

O preço dos remédios

Caminhada diária pode te fazer acumular um patrimônio de R$ 50 mil na velhice

Também fizemos uma pesquisa rápida na internet para descobrir alguns valores de remédios. A verdade é que dependendo da idade, você até pode ganhar remédios do SUS – Sistema Único de Saúde, assim como dependendo da doença também.

Quanto aos medicamentos de pressão alta, eles também não são tão caros, diferente daquele da diabetes, que inclui diversos remédios, além de procedimentos.

Então, resolvemos chegar uma conta média de R$ 50 mensais gasto com remédios para tratamento dessas 2 doenças.

Para se ter uma ideia, o Enalapril é o principal remédio da pressão alta. Aí, na internet, encontramos o Maleato de Enalapril Teuto de 10 miligramas e a caixa com 30 comprimidos custa R$ 2,10 na Droga Raia.

Já do lado da diabetes, tem o pioglitazona de 30 miligramas com 30 comprimidos e genérico fica em R$ 37 na Ultra Farma.

Só que ainda tem outros, como a caneta de aplicação, a desmopressina ou a aglucose, Amaryl, etc. Ah, e sem contar com a insulina. Tudo isso para quem tem a doença da diabetes.

Por isso, encontramos a média de R$ 50 gastos, o que é razoável, certo!?

A caminhada evita os remédios

Então, apesar disso ser muito perigoso, o que estamos fazendo aqui é sugerindo que se você começar cedo a ter uma rotina de caminhada diária você vai criar uma boa prevenção de várias doenças, como diabetes e pressão alta.

É claro que se você não fizer isso, as doenças podem aparecer antes ou depois.

Mas, para quem tem hábitos ruins de vida, a partir dos 30 anos já é possível começar a apresentar sintomas de doenças como as aqui citadas.

Assim, chegamos a mais um dado importante: a idade, que é de 30 anos.

Agora, se pensarmos em uma velhice que parte dos 60 anos, o que é comum nos dias atuais, onde a população está envelhecendo mais tarde, então, temos 30 anos de intervalo.

Fazendo as contas…

Caminhada diária pode te fazer acumular um patrimônio de R$ 50 mil na velhice

Bom, o que temos aqui é uma economia mensal de R$ 50 com a compra de remédios devido à prática de exercício diário, no caso, a caminhada.

Também temos o tempo de 30 anos, que é de quando a pessoa começa a descobrir a doença até que fique velha, próximo à aposentadoria, que é os 60 anos.

Assim, podemos concluir que se você pegar esse intervalo de tempo e investir os seus R$ 50 mensais durante os 30 anos, você vai chegar na velhice com R$ 50 mil na conta.

Mas, como chegamos nesses valores? Fazendo as contas.

Obviamente, usamos uma taxa anual de 6,4% de rendimento, que é o que o Nubank está pagando aos seus clientes e é uma taxa de 100% do CDI, que também é possível de ser encontrada em alguns CDBs.

Agora, para quem guardar esse dinheiro na poupança, o saldo final será bem menor, de R$ 37 mil porque o rendimento da caderneta é menor, hoje estando em 4,5% ao ano, sendo 70% do CDI mais a Taxa Referencial.

E aí, será que não vale a pena começar a caminhar todos os dias e poupar esses R$ 50 mensais para ter um bom patrimônio guardado para o futuro?

ANÚNCIO