10 Dicas Surpreendentes para Divertir as Crianças Sem Gastar Dinheiro no Carnaval

ANÚNCIO

Você já usou todo o dinheiro das férias e do 13º salário na viagem do fim de ano. Os materiais escolares você precisou dividir em “suaves” parcelas que terão que ser pagas até o final do ano, quando terá que renovar o estoque novamente. Mas agora, chegou o Carnaval e você não tem nenhum tostão. Ir para a Sapucaí não será possível e nem participar dos bloquinhos de rua vai dar.

Você até consegue aceitar a opção de passar o feriado prolongado em casa, o que vai ajudar você a manter a rédea do seu orçamento familiar, no entanto, quem não te deixa em paz são os pequenos. Eles querem fazer algo diferente, brincar e se divertir parece ser as melhores opções. Mas, como? Como divertir as crianças sem gastar muito dinheiro? Será possível?

ANÚNCIO

Sim, é possível. Aproveite esse momento, que é único, e fique mais perto dos seus filhos e, de quebra, aguce a criatividade dele, faça trabalhar o raciocínio lógico e tudo sem gastar dinheiro. Veja como fazer isso através dessas 10 dicas surpreendentes.

1 – Festa do Pijama: Faça uma grande bagunça. Junto com seus filhos, organize uma festa do pijama, depois chame os amiguinhos dele e faça a maior e melhor festa que eles poderiam ter. “Monte uma cabana, coloquei colchões no chão e ligue as lanternas”, supõe Andréa Siqueira, da escola Almanaque.

ANÚNCIO

E como o negócio é não gastar dinheiro, então, junte os lençóis em prendedores de roupa e a cabana está feita. “Deixe dentro delas algumas cestas com livros para que as crianças manuseiem”, conta Daniela Montelatto Bortolussi, da mesma escola.

Não se esquece de hidratar e alimentar todos os “escoteiros”. Compre comidas saudáveis e sucos naturais, que costumam ser muito aceitos por eles. Aproveite para explicar para ele sobre tudo o que puder, seja sobre alimentação, sobre a vida ou sobre o amor.

2 – Jogo da Memória Caseiro: O “Caseiro” aqui é importante se a sua ideia é economizar dinheiro. Então, faça o próprio jogo, já que ele é uma opção fácil e divertida. Para Andrea, basta 20 tampas de leite ou 20 círculos recortados de papelão e a colagem de pares de adesivos.

Você pode fazer os pares com números, letras ou, se quiser ir além, pode fazer desenhos que tenham ligação, o que vai aumentar ainda mais o raciocínio dos pequenos. Por exemplo, você pode desenhar um violão e uma bateria, e essa será uma dupla. Ou uma banana e uma maça, que formarão outra dupla. E assim por diante.

10 Dicas Surpreendentes para Divertir as Crianças Sem Gastar Dinheiro no Carnaval
Reprodução: Google

3 – Artes: Essa opção é muito flexível mesmo porque não tem limite de idades, afinal, toda criança pode pintar e desenhar. “Com cartolinas no chão, eles pintam o papel, o chão e a si mesmo”, afirma a mão e jornalista Flávia Alves. Ela conta que nessas horas é preciso estar atento ao que pode acontecer e usar, por exemplo, as roupas mais velhas.

“E vale incluir a família toda na brincadeira. Nesse caso, escolha uma tela grande na qual podem participar todos de uma pintura em grupo. Criatividade em ação! Ah, quem sabe se o novo quadro não poderá virar um novo objeto na sua decoração”, ela sugere.

Falar em dinheiro ainda é um tabu para as mulheres? 5 Lições de Educação Financeira para elas

4 – Piquenique: Ah, não vá achando que é só colocar muitos alimentos na cesta e ir para o parque, não. Você deve levar as crianças para a cozinha antes de qualquer coisa, elas vão adorar participar da preparação de algum prato. Pizza, Bolo ou biscoitos? Deixe que elas escolham. A dica é aproveitar os alimentos e usar no piquenique.

Para especialistas, uma boa alternativa é colocar tema nesse encontro, por exemplo, pode ser o Chá das Princesas ou o Lanche dos Super-Heróis. “O interessante é pedir para as crianças entrarem no clima e mandar ver”.

10 Dicas Surpreendentes para Divertir as Crianças Sem Gastar Dinheiro no Carnaval
Reprodução: Google

Descubra como você pode fazer o seu filho se tornar um empreendedor rico e de sucesso: Acredite ou não, mas você, pai ou mãe, tem sim um papel fundamental na formação dos seus filhos. E não estamos querendo dizer que basta matricular ele em uma boa escola. É preciso atenção, é preciso incentivo, é preciso escolher as melhores formas de como deixar ele apto para o mercado do futuro. E é exatamente sobre isso que vamos falar.

5 – História e Arte: Daniela e Andrea recomendam fazer fantoches, o que exige um pouco mais de habilidade, mas, mesmo assim, vale a pena. Porque basta as crianças escolherem as figuras e recortá-las de alguma revista e colar em palitos. “A turma mirim sempre gosta”. Você também pode usar bexigas, balões e canetinhas.

6 – Boliche: O negócio é economizar dinheiro, não é? Então recolha todas as garrafas PET e deixe que a criança coloque em cada uma delas alguma imagem ou número. Encha-as com água ou areia e depois faça bolas com meias usadas ou aquelas de tênis, que você tem em casa e não usa mais.

Faça um planejamento com eles, faça duplas ou ensine-os a somar os pontos, conte sobre o Strike e faça daquele esporte, uma prática divertida para passar o tempo.

7 – Massinha: Esse não podia faltar… é o famoso bom, bonito e barato. “Aqui em casa, já fizemos algumas vezes e a bagunça foi garantida. A mistura é muito simples e a brincadeira já começa durante a preparação”, afirma Flávia. Quanto a mistura, basta misturar farinha de trigo, água quente e uma pitada de sal… Mexer tudo com as mãos até chegar ao ponto.

10 Dicas Surpreendentes para Divertir as Crianças Sem Gastar Dinheiro no Carnaval
Reprodução: Google

Detalhe: A gelatina em pó pode ser diluída na água para dar cor à sua obra de arte.

8 – Desfile: As crianças podem montar o próprio look e combinar as melhores peças de roupa com muita diversão. A brincadeira é simples, mas pode treinar a criatividade da criança, além de dar chance para a descoberta de novos estilos. “Chame amigos e abre o armário. Deixe-as escolher as peças e os sapatos. Uma música sempre vai bem também”, afirma Andrea.

O que podemos aprender com o filme “Karatê Kid”

9 – Boca no Sapo: Precisa de uma caixa grande e basta fazer, posteriormente, um sapo. O buraco, como você já deve ter imaginado é a boca e o caixote é o sapo. As bolas podem ser feitas de várias formas, com papel, meias ou qualquer objeto que, aparentemente, esteja sem utilidade. Fácil, simples e prático!

10 – Filmes: Bom, se você não gostou de nenhuma das opções anteriores, ou se já fez todas elas, pode apelar para os filmes infantis, que, você há de concordar, são inúmeros. E se você está sem ideia para escolher um que seja bom, em sentido de educação e cultura ao mesmo, então aqui vai: Divertida Mente.

O filme da Disney-Pixar conta a vida no interior da mente de uma garota de 11 anos e o programa pode ficar ainda melhor se você conseguir reunir os amigos dos seus pequenos, pipoca, suco e guloseimas!

Leia TambémAs 10 Melhores Maneiras de Ensinar Educação Financeira para os seus filhos

O seu filho já aprendeu a contar? Então, já está mais que na hora de falar para ele sobre o dinheiro também. Você, como responsável, não deve deixar isso se tornar um tabu. Ensinar o valor das coisas e o preço dos produtos é tão importante quanto mostrar o significado das moedas e de poupá-las. Ah, você ainda não sabe muito bem o que fazer, é isso? Leia!

Com informações da Disney

ANÚNCIO