Montessori – conheça o ensino que formou as pessoas mais ricas do mundo

ANÚNCIO

Tem muita coisa escondida entre as pessoas mais ricas do mundo, além do dinheiro. Tem hábitos que elas praticam, tem livros que elas leem e acabamos de descobrir mais uma coisa: um método de ensino que elas tiveram acesso na infância.

Você conhece Jeff Bezos? Ele é um americano que tem uma fortuna que ultrapassa os 140 bilhões de dólares, conforme a Forbes. É um baita de um ricaço, né. Bom, talvez você já tenha ouvido falar dele porque ele detém 16% da Amazon.

ANÚNCIO

E a Amazon é uma das gigantes do mercado digital. Aliás, foi ele quem fundou a empresa, na sua garagem de carros em Seattle, no ano de 1994.

Outro nome conhecido no mundo dos ricos é o Larry Page, que junto com Sergey Brin, fundou o Google. Eles tem fortunas também e está entre os mais ricos. Jimmy Wales fundou a Wikipedia e Will Wright a SimCity, ambos voltados para a tecnologia.

E só para falar que não estamos focados apenas nos mais ricos do mundo, anote esse nome: Gabriel García Márquez, um escritor vencedor do Prêmio Nobel, que morreu em 1994.

ANÚNCIO

Bom, o que a gente descobriu sobre essas pessoas, que além de serem muito ricas ou terem sido ricas, elas tiveram como base educacional oque é chamado de método de ensino Montessori, um processo que foca no ambiente colaborativo onde não há notas ou provas!

Conheça mais desse método e veja como ele pode ser interessante para educarmos melhor as crianças com o assunto das finanças,entre outras coisas.

Método Montessori

Maria Montessori é a fundadora do método. E o que o método tem de diferente? Muitas coisas, muitas mesmo. Como o fato de não exigir provas dos alunos e muito menos as notas do final de ano.

Além disso, as salas não tem idade para os alunos que podem ser de vários anos, dos 2,5 anos até os 7 anos, por exemplo. Ao passo que o método considera que a aprendizagem é um processo individual de cada pessoa.

Scott Akridge é professor e proprietário da Academia Montessori, nos Estados Unidos, e cedeu uma entrevista a um site brasileiro contando sobre o método – “não cria um sistema centrado no professor, mas no desenvolvimento das necessidades do indivíduo”.

A ideia, na prática, é muito simples: sair da mesmice de apenas passar a teoria para os alunos (no que é chamado de acadêmico) para ir para a prática, onde se ensina também habilidades de finanças e empreendedorismo.

“É por isso que graduados Montessori se tornam grandes líderes porque tem funções executivas que são bem sucedidas”.

Só alunos Montessori enriquecem?

Agora, a descoberta acima não indica que apenas alunos desse método de ensino podem enriquecer na vida. Claro que não. O que queremos mostrar é que aqueles que possuem mais contato com a prática podem encontrar melhores caminhos.

Porque outra curiosidade que se encontra é o fato de que agrande maioria das pessoas mais ricas do mundo está inseridas na área da tecnologia, o que demonstra que esse é um setor que mais enriquece pessoas também.

Então, se há um bom conselho a ser dado é justamente o de estar inteirado nos assuntos mais novos e mais importantes da atualidade. Além de que, ficar apenas na teoria não basta. Não mais. Porque hoje todo mundo quer resultado.

Uma forma de afirmar isso é ver que até os empregos estão deixando ou ao menos diminuindo sua representatividade em CLT – Consolidação das Leis Trabalhistas, que são formatos de trabalho mais fechados e que exigem menos da criatividade das pessoas.

Isso dá para observar de longe.

Desde os tempos modernos e Charles Chaplin, quando a pessoa tinha a única função de apertar o parafuso. Hoje, os trabalhadores tem mais funções, no entanto, ainda seguem a ideia de se orientar pelo que o patrão diz.

Existe um novo mercado que está se abrindo chamado de profissionais liberais. O que são os profissionais liberais? São aqueles que trabalham por conta própria e prestam serviços para empresas.

Ele é como um funcionário, mas tem mais liberdade. Seja para cobrar o seu preço ou para apresentar o seu resultado.

Montessori – conheça o ensino que formou as pessoas mais ricas do mundo

A busca por resultados

A busca por resultados é o que tem feito as pessoas mais ricas do mundo ficarem mais ricas do que eram antes. E isso é bem fácil de observar. Porque alguém que acha que já ganha o suficiente ou acha que está tudo bem, dificilmente, vai ter uma mudança de vida.

Buscar os melhores resultados vale para tudo na vida: desde encontrar os melhores rendimentos em aplicações financeiras até mesmo encontrar melhores maneiras de vender mais na internet.

Você contrataria alguém pelo resultado que ele pode lhe dar ou pelo fato de ele ter uma carteira de trabalho como registro? Se a pessoa te apresentar melhor resultado, provavelmente, você ai optar por ela.

E é isso que o mercado tem mostrado até agora!

Então, a nossa dica aqui é que, quem quer estar entre as pessoas mais ricas do mundo, deve fazer coisas diferentes, estudar na prática, estar em contato, se misturar e mais do que isso estar apta e capacitada para mostrar os melhores resultados.

Quando criamos conteúdos mostrando em ensinando sobre como poupar dinheiro e investir dinheiro é nisso que estamos focados: na busca pelo que é melhor para você e o que rende mais para você.

E nem sempre esse vai ser o caminho mais fácil, mas com certeza será o mais virtuoso!

ANÚNCIO